Início » Software e apps » Netflix testa a inclusão de plano mais barato no Brasil

Netflix testa a inclusão de plano mais barato no Brasil

Por
27 semanas atrás

Há mais ou menos um mês, o Netflix começou a testar com alguns usuários um plano um pouco mais barato que o básico no Brasil. Em vez dos tradicionais R$ 16,90, algumas pessoas têm disponível um plano de R$ 14,99.

Basicamente, a única coisa que muda é a possibilidade de streaming instantâneo em outra tela: com o novo plano, chamado Individual, só uma pessoa pode assistir por vez numa conta. Ou seja, você pode passar sua senha para outras pessoas, mas, enquanto uma pessoa vê, nenhuma outra pode ao mesmo tempo.

O conteúdo disponível é o mesmo dos planos Padrão e Família, que já estão em vigor no Brasil, inclusive em HD. Também não há limitação de aparelhos: você pode utilizar a mesma conta do Netflix em quantos dispositivos quiser.

netflix-novo-plano-1

Em comparação aos planos nos EUA, o mais barato, que lá custa 6,99 dólares, não tem transmissão em HD. O equivalente ao nosso Padrão sai por 7,99 dólares e o que permite quatro streamings simultâneos, como o Família, custa 11,99 dólares por mês. Um novo, para três telas, está sendo testado por 9,99 dólares.

O Netflix Brasil ainda não disse quando todos os usuários terão acesso ao plano de R$ 14,99, nem se isso irá acontecer, visto que, por enquanto, é um teste. Mas ele deve ser direcionado a novos clientes, para atrair mais gente para o serviço, em vez de estimular uma troca de plano de quem já é assinante. Se quiser ver se você é um dos “beta testers”, é só ver se há a opção de trocar de plano.

Com informações: Gizmodo Brasil

    • Bruno Cabral

      Um plano de 9,90 seria perfeito.

    • RamonGonz

      idem…
      e a minha lista ainda tem muita coisa que preciso assistir

    • juniorbrilhante

      Eu lembrei de um video que falava de estratégias para direcionar a escolha do público.
      Essa diferença mínima é justamente para isso.
      Eles não querem vender o plano de 14,99 e sim aumentar as vendas do de 16,90.

      Resumindo o que eu me lembro do vídeo, a idéia é dar algo para se comparar fazendo com que a opção de 16,90 seja boa em relação a de 14,99. Aé com esses dados a pessoa faz uma comparação lógica e cria a ilusão de que o segundo plano é bom quando no fim das contas nenhuma opção é realmente boa, pois ambas são caras.

  • Roberta Cristina Marchetti Ribeiro

    Estou morando em Portugal e não consigo acesso ao serviço Netflix. Alguém sabe. Que eu posso fazer?
    Obrigado!

Tecnocast

|

Faça seu login no Tecnoblog

Crie a sua conta

Esqueci minha senha