Ir para o conteúdo.

Início » Web e Redes Sociais » Downloads ilegais de música batem recorde em 2010

De acordo com um estudo super-imparcial feito pelo mais-imparcial-ainda BPI – órgão que representa a indústria fonográfica na Grã Bretanha -, 77% dos downloads de músicas feitos nas terras de Sua Majestade em 2010 foram ilegais

Segundo os números da associação, os britânicos baixaram 1,2 bilhão de músicas de sites de compartilhamentos ilegais, enquanto os 67 serviços legalizados de venda de músicas pela web disponíveis por lá comercializaram apenas 160 milhões de singles e 27 milhões de discos – ainda assim, aumento considerável frente aos resultados de 2009, que ficaram repectivamente em 149 milhões de singles e 16 milhões de álbuns.

Na visão da BPI, o “crescimento alarmante” da pirataria recai sobre os mecanismos de busca, “que não filtram os resultados que levam a downloads ilícitos”. “Em uma mesma semana de novembro, a BPI realizou buscas de teste no Google com o nome dos 20 discos mais vendidos na Grã Bretanha seguidos de ‘.mp3′ e 17 dos 20 primeiros resultados levavam a páginas de downloads ilegais”, diz o relatório.

Google é o grande culpado: até sugere o mp3

“A indústria da música continuará a pressionar os mecanismos de busca para que ajudem os consumidores a ficarem do lado da lei e que ofereçam resultados que priorizem serviços de músicas legalizados em suas buscas”, encerra o órgão. Há duas semanas o Google anunciou que iria começar a combater a pirataria com um novo sistema de requerimento de retiradas de conteúdo que podem ser atendidos em até 24h, além de eliminar resultados que levam a páginas piratas de seu sistema de auto completar.

De qualquer maneira, bom lembrar que algoritmo do Google e de outros sistemas de buscas costumam organizar os resultados das buscas de acordo com sua popularidade e relevância, não tendo papel ativo no rank das páginas piratas. “A questão é saber, em todo caso, se as medidas sugeridas pela BPI vão resolver os problemas da pirataria ou apenas esconde-los”, afirmou o site TorrentFreak, conhecido por defender a “bandeira pirata” na rede.

Com informações Ars Technica e TorrentFreak

16 Comentários (Deixe o seu!)

  • EDI LOPES
    940c

    Tem mais eh que baixar mesmo. para que serve a industria fonografica? para empurrar RESTARTs FIUKs e outras aberrações nos nossos ouvidos. QUem eh bom se garante no “gogo”

  • @brunogdb
    4239c

    Eu digitava Beatles no Google vinha logo site pra baixar o Abbey Road o.O

  • Pedro Moisés
    128c

    Que noobs, olha como eles procuram música

    • kylefurtado
      4524c

      KKKKKKKKKKKKKKKKKKK Realmente.

  • Por isso que fechei meu blog de downloads.
    Agente fica compartilhando arquivos e não ganha nada em troca.
    Não e justo.O que me restou foi um blog de tecnologia e uma empresa de host.

  • Eles querem acabar com o download ilegal de musicas,mais cada dia que passa eles inventam um Dispositivo Bluetooth com maior alcan;e e velocidade.Eles querem que a pirataria acabe como?

    • E quem disse que os dispositivos Bluetooth foram criados para estimular a pirataria? O objetivo foi compartilhar arquivos entre dispositivos moveis com mais facilidade, e hoje ele não serve só para essa finalidade. Se for assim os fabricantes de jogos tem que parar de fabricar, pois vai ter pirataria mesmo.

      Quem fala que nunca baixou musica ou fez alguma coisa como baixar vídeos de direito autoral (do Eminem)no youtube é um hipócrita.

  • Ah, já deu esse assunto de música e downloads.. Os artistas já falram que gostam que as pessoas baixem suas músicas. Quem não gosta é a gravadora. Então pronto, já deu. Eu particularmente cansei desse assunto.

    • @brunogdb
      4239c

      [2], como eu disse, a própria banda já posta seus CDs na web

  • Jairo

    A industria fonografica VAI TER QUE SE ADEQUAR a isso vão ter que ter um novo modelo de distribuição de conteúdo não tem jeito é irreversivel, mijou na piscina você nunca mais vai tirar o xixi de lá !

  • JoseRenan
    1572c

    4shared.com, Ares, Frostwire… eu nao procuro no google as musicas q quero baixar.

  • Marcos
    327c

    Eu adoro essas “lojas” da Internet!! Muito bom mesmo! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Wilson
    274c

    Artista ganha dinheiro fazendo show, as vendas de musicas e cds rendem só pras gravadoras mercenárias. Baixo mesmo e não vou parar. :)

  • Acho que a culpa não é do Google, a culpa é de quem quer baixar as musicas piratas. Mas os verdadeiros culpados são as gravadoras que colocam preços abusivos em seus discos e musicas.

    A pirataria é apenas uma forma de muitos conseguirem as coisas…que se dependesse do governo nunca teriam acesso!

  • A força da Internet está em compartilhar…
    Free for all

  • Com certeza o compartilhamento não vai parar, devia ser tudo open. Arquivos, jogos, programas, filmes, musicas

Deixar comentário:

Leia | Política de Comentários.