Ir para o conteúdo.

Início » Nacional » Como eu perdi R$ 5 mil para a alfândega

Reclamar da burocracia é um esporte nacional. Leis, normas, portarias e departamentos se sucedem num esquema que desafia a lógica e o bom senso. O Estado brasileiro é grande, proporcionalmente enorme para o tamanho do país. Então é natural que algum tipo de bizarrice ocorra.

Veja o caso do Muambator, por exemplo, um serviço que preenche algumas lacunas do (terrível e instável) site dos Correios e foi inexplicavelmente bloqueado, obrigando os administradores a implementar algumas gambiarras.

Isto tudo para contar como eu perdi R$ 5 mil para a burocracia brasileira.

Um inferno silencioso

Há mais ou menos um ano iniciei uma importação de produtos diretamente da China para a Mulher, Cerveja & Futebol. Não era a primeira vez e sempre fiz dentro da legalidade. A ideia era reforçar o estoque dos pendrives de cerveja e adicionar um produto novo, diferente, com o elegante formato de um abridor de garrafa.

Eis então que escolhi um programa criado pelo governo para possibilitar a importação em pequena escala de produtos comerciais: o Importa Fácil. Teoricamente é tudo muito lindo. A empresa paga um valor fixo pelo desembaraço, não tem algumas facilidades fiscais que ocorrem na importação comum (por exemplo, paga-se uma taxa de importação fixa), mas também não há tanta burocracia. “Perfeito”, pensei.

Vários produtos da Mulher, Cerveja & Futebol vieram para o Brasil dessa forma. Pagando imposto corretamente através do Importa Fácil e estourando todos os prazos possíveis e imagináveis. Note que a maior parte destes importados estão esgotados no momento, porque faz quase um ano que não consigo mais importar desta forma.

Os problemas começam

A mercadoria saiu da China em meados de julho (do ano passado). Geralmente, uma entrega para o Brasil demora até 4 semanas por via áerea para chegar no destino. Como o Importa Fácil sempre atrasa, pois dizem em off que os despachos deste meio têm prioridade mínima (ou seja, sempre ficam no final da fila), não me preocupei muito com o fato de em julho a mercadoria não ter sido desembaraçada ainda na alfândega.

Alguns dias depois, mais precisamente em 5 de agosto, recebi a seguinte mensagem dos Correios, que é a empresa (ir)responsável pelo desembaraço:

Em atenção ao Pedido de Informação 6902144, informamos que o objeto EE057830977CN encontra-se retido na Fiscalização Alfandegária no Brasil para verificação de conteúdo e outros trâmites que os Agentes Federais julguem necessários. Temos que informar que todas as mercadorias que entram ou saem de um país estão sujeitas a inspeção dos agentes governamentais de Alfândega. (…) Esses agentes têm autorização legal para abrir uma encomenda postal e verificar o conteúdo, liberá-la para entrega ao destinatário, devolvê-la ao remetente, apreendê-la ou refugá-la, sem a possibilidade de intervenção dos agentes postais.

Ou seja, a encomenda foi retida pela alfândega.

Em 30 de agosto, mais uma mensagem:

(…) Esclarecemos que o objeto EE057830977CN encontra-se retido numa operação especial da Receita Federal do Brasil. Nessa operação, os agentes federais estão realizando inspeções minuciosas dos conteúdos da carga postal de importação.

Setembro passou sem dar notícias da carga.

Eis que, em 5 de outubro, recebo esta mensagem:

Em atenção ao seu Pedido de Informação nº 6902144, informamos que seu objeto EE057830977CN foi apreendido. Favor aguardar termo de apreensão. A Receita Federal irá contatá-lo.

É claro que irá me contactar. Afinal, não se trata de drogas ou DVDs piratas ou gadgets xinglings de última geração. E mais, o processo inclui pagar o imposto devido.

Em 26 de outubro, o sistema de rastreamento dos Correios dizia o seguinte:

Última notícia da carga: parou num chefão da PF

É claro que a Receita Federal não me contatou e tampouco eu consegui falar com eles. O expediente deles é ridiculamente curto, os telefones de contato nunca são atendidos e eu precisaria ir fisicamente até um endereço em São Paulo para descobrir pessoalmente quem contatar.

Liguei para a assessoria de imprensa, uma jogada típica de jornalistas, e conversei com vários funcionários atenciosos e gentis. Entretanto, nunca consegui chegar nem perto do setor responsável por apreensões fodásticas. Enquanto isso, nosso amigo Kafka ria da minha cara como um chefão de Streets of Rage.

Caindo no buraco negro da alfândega

Paralelamente, conversei com alguns despachantes ninjas. Um deles disse que pesquisou nos corredores do aeroporto de Guarulhos, onde a carga teoricamente se encontrava. A resposta foi a seguinte:

A informação que tivemos foi de que sua mercadoria caiu nos processos de investigação de operação especial, com intuito de identificar mercadorias oriundas da China, com marcas não registradas.

Solicitamos algum número de telefone ou endereço da Receita para nos dirigirmos, mas os Correios não tinham, então abriram uma mensagem com esta solicitação para Receita Federal. Tendo resposta, enviarão para o seu endereço de e-mail.

Não há mesmo nada que possamos fazer sem que a Receita lhe envie alguma notificação. Não conseguimos nem saber em qual recinto está a carga, e como você sabe, o Estado de SP tem muitos recintos da Receita.

Preciso repetir que nunca recebi nadica de nada? Várias vezes os Correios me contactaram devido a uma carga ou outra. Neste caso, nada, null, void, niente. E detalhe, a tal da marca registrada é a marca registrada da minha empresa, a loja MCF.

Para complicar, a empresa responsável pelo desembaraço, normalmente quem seria encarregada de ir atrás desse tipo de serviço, só atendia por 0800. Aí em 11 de novembro recebo esta mensagem dos Correios:

Ratificando resposta anterior, sua encomenda não se encontra mais nos Correios, pois foi APREENDIDA permanentemente pela Receita Federal, e não possuímos nenhum telefone de contato da mesma. Esclarecemos que todas as encomendas recebidas pelos Correios são passadas primeiramente para os Agentes Fiscais analisarem, por este motivo não houve possibilidade de nenhum desembaraço. Outras informações poderão ser obtidas somente na ouvidoria da Receita Federal.

Sabe o que a ouvidoria da Receita Federal disse? Copio e colo abaixo:

Entrar em contato com o GEARA/São Paulo

telefones: 011- 4313-9895/4313-9897/4313-9898/4341-9943

Mais alguns telefones de pessoas que não atendem telefones. Deve ser um departamento especial da Receita Federal gerenciado por surdos-mudos. Neste momento, Kafka diz: “I can haz cheezburger”. E eu decidi aceitar o fato de que a burocracia brasileira havia me tirado R$ 5 mil.

Daniel Bender | Blogueiro e diretor da loja que tem os 3 elementos fundamentais da vida do homem: Mulher, Cerveja & Futebol. Você pode encontrá-lo no Twitter, no bar ou fazendo um bom churrasco.

Aviso | As opiniões do autor do texto não refletem necessariamente as do Tecnoblog.

149 Comentários (Deixe o seu!)

  • RKNeto
    338c

    Dizem que brasileiros que moram no estrangeiro sentem saudade do Brasil. Eu duvido disso com todas as minhas forças.

    • trystan2k

      Eu fiquei 15 dias na Suecia, e 25 dias nos EUA e posso garantir que não senti a minima, mas miiiinniimmmaaa mesmo saudade dessa terra de aproveitadores e espertões !

      Pois essa parece ser a filosofia daqui, se aproveitar dos outros. É dificil encontrar alguém que nao quer ser o Esperto da vez, é só olhar o transito… Quantos idiotas se matam pra ultrapassar 1 carro no transito, ou nao deixam voce trocar de faixa pra ficar na sua frente. Como se 5 segundos de diferença fosse alguma coisa que valesse todo o stress…

    • Rafael Castro

      Claro que quem mora fora do Brasil sente saudades da família. amigos de sua cidade, mas com certezas di “sistema brasileiro nao”.

      • RKNeto
        338c

        Saudade da família e amigos é uma coisa. Saudade disso que foi postado é outra.

    • Quando as pessoas falam que “sentem falta do Brasil”, na verdade se referem ao ciclo de amizades/família que possuiam aqui. No mais, não há motivos pra ter saudade das terras tupiniquins.

    • Eu senti e voltei, tem coisa ruim aqui, tem coisa ruim lá, acredite, já passei por muita coisa ruim, de chorar com a burrocracia fora do Brasil.

      • Petter
        150c

        Finalmente uma opinião igual a minha.
        Brasileiro é cheio de reclamar de tudo, política, burocracia e tudo mais, só que ninguém faz nada para melhorar e os que ficam reclamando é o que mais pioram a situação, quer confirmar?
        Pergunte para um deles se ele fosse presidente do Brasil o que iria fazer, as respostas serão todas no mesmo sentido que está hoje, cabide de empregos, roubos, subornos, etc, etc.

        Será que nunca ninguém foi para a Espanha? E para os EUA? A burocracia dele é absurda e ridícula.

        Só o fato de que nos EUA você matar alguém e atravessar a fronteira do estado não pode mais ser preso é um absurdo.

    • Rafael

      Amigo, amigo… espero que você nunca fique doente de verdade nos Estados Unidos. Aí sim você vai saber o que é problema.

      Sinceramente, pra mim é a coisa mais fácil do mundo entender porquê brasileiros que moram nos Estados Unidos morrem de saudade daqui.

    • Tem saudade do Brasil, não do governo. O camarada do artigo só participou de uma das gincanas governamentais, existem outras.

    • eu morei 6 meses na Australia em 2002, sem um minuto de saudade, qnd voltei o Lula havia sido eleito presidente. Quase pulei de volta no aviao.

    • Diorgenes Mello

      Sentem saudades sim, mas quando voltam, se arrependem e vão embora de novo quando podem. Falo isso porque minha mãe mora lá.

    • Thiagone
      17c

      Cara, moro fora do Brasil desde 2005… Não sinto saudade alguma, te digo que cada vez que venho pra cá me irrito demais com tudo….nada funciona direito.

  • Jairo

    Mas a opinião sendo postada aqui… reflete uma sensação de apoio…

  • Jean

    Tipico da RF.
    Só posso lamentar e desejar boa sorte para você amigo, em suplementos alimentares por exemplo a receita apreende e cobra 200% de imposto para retirar. Absurdo.

    • O vilão do Brasil é o maldito sistema.

      #EliteSquad :-?

      • Marcoscs
        929c

        eu já acho que o vilão do Brasil são os brasileiros…
        Saca a piada do país escolhido por deus onde não haveria furacões, vulcões nem terremotos, aí um anjo enciumado perguntou porque esse país seria tão privilegiado, aí deus respondeu:
        É porque voce não conhece o povo que eu vou botar lá…
        Infelizmente acho que é bem por aí.

  • Churras

    Ja me roubaram 2 jogos de PS3, sobrou pra loja inglesa pagar, dizendo que eu não fui o primeiro e se continuar assim vão ter que parar de entregar para o Brasil =/

    • Dan

      O pior que você estava fazendo tudo legalmente…

      E como deixam entrar tão fácil as coisas ilegais? é uma sacanagem!

      É uma “burrocracia” este país, na parte alfandegária e também em outras áreas…

    • Flavio

      qual loja? shopto?

  • Meus pêsames! :(

  • caraca brother e agora??? ja era de vez??? sem conseguir falar com ninguem!?!?! Q POÉÉSSA???

    • Tio Z

      Brasil colega. Nem sei se indo na Ouvidoria da Republica daria algum resultado…

      Capaz até de se ele fizer isso, manolo pegar birra dele e fuder toda importação que ele fizer.

      • ou ainda o cara encrencar e ele ser preso por desacato

  • Matheus

    Já me levaram R$316,00 em cima de uma compra de R$100…

    Uma irresponsabilidade infinita, unida a um despreparo e uma falta de educação ímpar.

    Assim como outros órgãos brasileiros, a receita federal é um peso no país…

    ISSO SE IGNORARMOS O FATO DO FURTO DE ENCOMENDAS DENTRO DOS PRÓPRIOS CENTROS DA RECEITA E DOS CORREIOS!

    PRIVATIZAÇÃO JÁ! CHEGA DE ROUBO E FALTA DE VERGONHA!

    Tenho inveja dos países que tem FEDEX, RoyalMail e DHL como correio vigente!

    • Ramon Melo
      1033c

      Aqui tem FedEx e DHL, é só pagar a taxa de entrega e todos os impostos que cobrarem de você que eles deixam na sua casa.

      • Sim, mas nos países que têm essas empresas, o serviço delas não é TÃO caro.

        :(

        Eu fiquei revoltado com esse texto, cara, poderia gastar 10 mil, mas eu iria atrás disso! Foda!

      • Jairo

        Pagar impostos ?

      • Jairo

        Tem a tal da amostragem né ? aprendi isso na faculdade.. probabilidade e estatistica se sua amostra for parar na amostragem paga imposto …

    • carol

      so pra informar: dhl, sedex e etc sao servicos de courrier, empresas privadas que nao tem nada a ver com o correio. Nao existe um pais sequer onde os servicos privados de courier sejam “o correio” local. Informe-se melhor antes de opinar de maneira equivocada.

  • É, realmente é difícil ser empreendedor nesse País…

  • Já tentou procurar na Receita de outra dimensão?

  • E como a maioria dos brasileiros, a pessoa resolveu deixar entubado o problema. burrice dessa pessoa. tem que ir atras dos seus direitos pelo meio legal. pelo que informou, voce nao fez nada errado e tem toda documentaçao para mostrar isso. corre atras do seu direito, brasileiro comum!

    • Concordo com você.. MAS temos que lembrar também o quão burocrática é a justiça brasileira.

      Ou seja, todo o tempo (e automaticamente $$) gasto num processo para algo de 5K, por pior que seja perder 5k, pode não compensar para uma empresa por exemplo…

      Infelizmente esse é o Brasil.. somos reféns de um sistema…

      • essa é a desculpa de sempre de todo brasileiro. a demora e burocracia da justiça. porisso só tomamos ferro. ninguem sai do lugar. para 5 mil reais voce nao precisa contratar advogado, basta ir ao juizado de pequenas causas.
        MAS, deixa entubado mesmo que ajuda a receita a fazer isso mais vezes.

        • Eu tenho inveja de vocês que têm tempo e paciência para nadar contra a corrente da burocracia brasileira.

          Eu mesma tive um problema de desvio de cartão de crédito e estelionato e, com todas as provas nítidas que eu tinha, cheguei no juizado de pequenas causas e eles me permitiram marcar uma audiência com a empresa do cartão… para dali a 1 ano.

          Não é desculpite. É que a gente é vencido pelo cansaço mesmo.

    • @nicholaspufal

      Brasileiro comum? Eu já cansei de ver gente com a razão ir à (pseudo) justiça brasileira, e se ferrar BONITO. Tudo isso por que no Brasil não existe justiça. Existe é um lobby federal, com trocentos advogados que compraram a porcaria da OAB para fazer “maracutaias”.

      Na hora que o cidadão comum faz algo completamente legalizado na nossa justiça, ou demora um século até o processo chegar nas mãos de (com sorte) um juiz com a cabeça no lugar, ou então você espera um tempão para nada, para ter uma sentença completamente desfavorável em um caso onde está evidentemente sendo lesado.

      Direito e Brasil são duas coisas que não combinam. A única solução seria sim, todo mundo tirar a bunda da cadeira junto, e combinar ações em conjunto, boicotes, etc.

      Falta união no Brasil, nos brasileiros. Todo mundo só se importa com o seu problema, critica o outro, e não faz porcaria nenhuma em prol de todos.

      • É incrível ver como por causa de uma parcela pequena de gente fazendo merda a generalização é sempre em cima disso.

        A justiça não é o bicho papão que costumam dizer, na sua grande maioria das vezes ela é feita conforme a lei estabelece.

        O que (e agora sim), realmente, ocorre é o grande número de advogados despreparados, ou pior, de clientes que escondem fatos dos próprios advogados, e, ainda, a entrância no judiciário sem o mínimo necessário para, de fato, ajuizar uma ação.

        De qualquer sorte, esta inexistência de profissionais preparados, sejam para orientar seus clientes, sejam por abuso nas suas próprias propagandas, é visto em qualquer e TODA profissão.

        Todavia, como advogados, ou melhor, como o Judiciário mexe com aquilo que é mais importante em nosso dia a dia, fica em maior evidência.

        O Brasil ainda é um país POBRE, IGNORANTE e DESESTRUTURADO. O problema é a massiva mídia, educação e lavagem cerebral que sofremos dizendo que somos um país de primeiro mundo, o que de fato não é. Falta capacitação técnica para toda e qualquer profissão, desde a sua secretária até o Presidente da República, passando pelo médico pediátra ao Desembargador.

        Então, respeitando as VERDADEIRAS proporções de QUAL Brasil somos, não estamos tão mal assim, caso você enxergue o VERDADEIRO Brasil que somos, e não o Brasil que vendemos para o estrangeiro.

  • Denis
    841c

    É e ainda reclamam que tem Pirataria no Brasil. A gente tenta fazer as coisas legalmente mais se o governo não ajuda, tem que fazer força pra ser honesto nesse país de merda.

  • @ssalamon
    10c

    Passei 16 dias nos EUA e quando voltei, foi uma depressão só…
    Brasil fede a burocracia e corrupção, é triste, mas é a verdade

    • Tietze

      Ah por favor…

      É o décimo comentário falando que o Brasil é uma B@#$%, e que nos EUA tudo é melhor.

      GARANTO que, salvo raras excessões, vocês todos que foram pra lá, ou foram pra Disney, ou foram trabalhar em qqr atividade típica imigrante, ou fram fazer intercâmbio no meio de outros brasileiros e aprender P nenhuma de inglês.

      Tu vai me dizer que os EUA também não fedem a burocracia e corrupção? OBVIO QUE NÃO, porque vocês não VIVERAM lá… Ficaram restritos a vidinha turista ou imigrante que a maioria dos Brasileiros também se restringe.

      Vai pra lá ser um hipócrita, xenófobo e ter medinho de bomba vai…

      Quem faz o país são as pessoas que nele estão. E de pessoas desertoras, o país não precisa mesmo… País nenhum…
      É fato, evidente, que na primeira crisezinha que houver nos EUA, já vai ter metade de vocês voltando pro colo da mamãe…

      Tá uma merda? Tá…
      Todos somos responsáveis pela merda que está? Com toda certeza…
      Portanto, faça algo pela vida ao invés de dizer que um ou outro país é melhor que o teu…
      Não quer fazer? Passe em um concurso público e curta a maravilha de ser Brasileiro… Não é assim que a maioria das pessoas pensa?

      • Exato, morei 4 anos fora do Brasil e vou dizer, tem coisas muito boas fora do Brasil, como tem aqui também, assim como tem coisas muito ruins, como tem aqui também, infelizmente.

        Já tive problemas de burrocracia fora do Brasil onde chorei de raiva, pois fiz tudo certo e o governo seja italiano como inglês me fuderam direitinho, e isso estando legal em tais países, com cidadania italiana, tudo certinho.

        A questão é que no dia a dia a burocracia de governos é uma merda, seja onde for.

        • Tietze

          Poisé Rodrigo,

          Sou espiado com esse tipo de pessoa que acha que tudo o que é de fora é melhor…

          Não dá pra se dar ibope pra esse tipo de gente. Em nenhum aspecto inclusive.

      • Jairo

        A merda é HUMANA ! Muito bem Tietze !

    • j2k
      1256c

      ouch! 16 dias????
      eu teria vergonha de opinar baseado NISSO hahaha

  • A encomenda dele tá junto com meus 2 dragões do McFarlane, 1 óculos de sol, 1 lente Nikon, 3 capinhas de silicone…

  • Isso é uma vergonha. Ano passado eu importei um notebook, cheguei a receber em casa por não ter sido tributado, porém a excelentissima empresa dos Correios deixou minha mercadoria cair no chão e essa foi danificada. Recusei e me mandaram outra, dessa vez sendo tributado, foi parar na alfandega e o Importa Facil demorou apenas 5 meses para fazer o desembaraço, isso pq eu entrei em contato com o PROCON. Portanto reiter, o Brasil é uma vergonha, impostos vergonhosos, leis mais ainda. O dia que politicos resolverem trabalhar ao inves de passar a mão no nosso dinheiro, talvez isso mude

  • Importava algumas coisinhas também mas está difícil os processos são ridículos e teoricamente você paga 60% de imposto quando na verdade o imposto às vezes chega a 300% do preço que você pagou pela mercadoria.
    E vamos reclamar pra quem? Reclamar do Estado pra quem?

  • Jairo

    Paga SIM tá na LEI.. Estado de direito é assim as leis são essas nossa conta tributária funciona assim ! ou estou errado ? A burocracia esta ai para todos nos brasileiros.. o processo democratico é LENTO serão necessário mais algumas décadas para que nossa sociedade consiga colocar legisladores que possam mudar algo nesse cenário ou estou errado ? não tenham vergonha de mim… tenham vergonha alheia… ABRAÇÃO AMIGÃO !

    • @leozacche
      412c

      Cara, que furada!

      Faz assim: tenta conseguir com os correios algum documento (ainda que cópia) que a RFB deixou na hora da apreensão. Espero que os agentes não tenham simplesmente metido a mão na mercadoria e saído sem nem deixar uma cópia do auto de apreensão. Se não conseguir, tente conseguir através da justiça – Se não me engano existe um tal de Habeas Data, que é um Habeas Corpus que não é para soltar pessoas, mas para soltar informações.

      Daí vai em uma agência da RFB da sua cidade (e sim, perca o dia de trabalho para isso!) e protocola (protocolo geral) uma petição ao Superintendente da Aduana que fez a apreensão, informando da legalidade do seu processo, anexa o auto conseguido nos Correios, os teus documentos do Importa Fácil, referente a este caso.

      Reze. Com força. Bata um tambor, junte uma pipoca colorida, abre uma cachaça, acende um charuto… :-)

      Se já não estiver mais fazendo importação (o que eu duvido) e for macho de verdade, faça os pagamentos dos impostos de importação todos em juízo – troco na mesma moeda. Não esquecer da ação de consignação de pagamento!

      Cara, fora uma ou outra piada, e umas besteiras jurídicas que eu provavelmente falei (eu não tenho NENHUMA formação em direito), vê se algum advogado não te ajuda com uns caminhos alternativos como esses aí.

      Muito boa sorte para você.

    • Não sei por quê, mas acho que alguém bebeu umas cachaças antes de escrever o post…

  • Porque, afinal de contas, você acha que a Receita Federal tem esse nome? Você acha que é para fiscalizar a SUA receita? hahá!
    Tá mais para levantar (para o Governo) uma receita… federal (acho que essa gíria só vai entender quem tem mais de 30!)

    • Num confio em gente com mais de 30.

      ;-)

  • Não acho que a ECT tenha alguma culpa neste caso específico: os Correios apenas atuam como entregador final, ao realizar a comunicação com o destinatário.

    Já tive encomenda retida por dois meses na RF e que os Correios entregou cinco dias depois de liberada, aka nenhum funcionário da RF achou a caixa atraente.

    Tenho a impressão que algum indivíduo na Receita Federal se apossou da encomenda do caro Daniel Bender… Lamentavelmente simples assim: os funcionários da RF possuem autoridade para tal e o Brasil é um país com cultura de abusos desse tipo.

    • É por aí.
      O pessoal vê, acha bonito e rouba mesmo.

      • O detalhe é arranjar provas e poder sair vitorioso num processo judicial: o funcionário da Receita Federal tem “mais” fé pública que outros funcionários estatais.

        :-(

  • Brasil, um país que tenta ferrar com o empreendedor de todas as maneiras possíveis e impossíveis.

  • Fui estagiário da MCF ano passado e lembro dessa enrolação que fizeram contigo Bender. Sacanagem, isso que ainda sempre fizeste tudo dentro das regras.
    É uma mafia filha da p..

    Aliás, a loja ta muito foda. Parabéns!

  • Acho um Absurdo esses serviços alfândegarios, um derrespeito,se não quizerem que as pessoas comprem do exterior que diminuam os impostos.

  • Sempre que leio isto lembro que não posso descançar até ter condições de morar num país civilizado. Dá muita raiva esta desorganização e alto índice de corrupção no Brasil.

    Eu importei um kit acessórios + jogo(Socom 4 Full Deployment pra Ps3) na VideoGamePlus(Loja Canadense). Lá consta como “enviado para tributação”. Estou com medo. A loja não tem mais seguro em compras enviadas para o Brasil.

    • Foi só eu falar aqui e por coincidência, chegou e-mail do muambator. Desta vez meu pacote aparece como:

      CTCI SAO PAULO (GEEXP) – SAO PAULO/SP | Encaminhado | Em trânsito para TRIBUTADO – EMISSÃO NTS.

      Quem quiser acompanhar junto comigo, http://websro.correios.com.br/sro_bin/txect01$.QueryList?P_LINGUA=001&P_TIPO=001&P_COD_UNI=EE154606961CA

      :D

      • Jairo

        Pelo que consta no site dos correiros não tem nada sumido.. basta apenas PAGAR OS TRIBUTOS e esta tudo certo.. ou estou enganado ?

  • Allan Robs

    Cara veja pelo lado positivo da parada. conheci seu sait, me diverti muito com a leitura do testo e dos comentes da galera.
    Sim o Brasil é… sem comentários.

  • Alexandre
    3968c

    PUTS cara, me solidarizo com seu problema, fico mor depre com essa coisas que empacam o nosso pais.

    Trabalho com logistica e temos um cliente que eh importador de eltronicos. Eu vejo o quanto eles sofrem e quanto tempo demora para que burrocracia libere os containers dele. É ultrajante, a nocao que se tem eh que se voce nao molhae a mao de pessoas chaves , voce se ferra.

    ESSE EH O CUSTO BRASIL!!!

  • gui

    e eu importando tudo da china mesmo. vez em quando fica um pra eles, mas pelo menos nao pago imposto…hj chegou 2 pacotes.

  • E sabem o que é mais engraçado nessa história toda? O Brasil, até este exato momento já arrecadou mais de 550 Bilhões em Impostos… olhando para a situação geral desse país, será que precisa tanto? E ainda por cima tentam arrancar (éssa é a palavra certa, arrancam de nós o que é nosso por direito) o nosso sustento, pois a prática de importação para revenda é muito comum em todas os quatro cantos do Mundo, e é legal! Sinceramente, o que dá vontade é de fazer pelo jeito errado e dá um F*d4$ para as leis do Brasil, pois do jeito certo a gente só leva ferro!
    (REVOLTA!)

  • Estou com o mesmo problema! Meu computador que eu usava quando estava morando na França ficou retido na Alfandega. Eu enviei junto uma carta dizendo que morei fora do pais por 2 anos e que o computador fazia parte da minha mudança de retorno para o Brasil. Coloquei a nota fiscal do computador para mostrar que ele tinha mais de 2 anos. Eles estão querendo que eu pague um imposto de 60% sobre o valor que eu paguei no computador, sendo que ele ja tem 2 anos e não vale isso mais. Falei para eles devolverem para a França porque não compensa eu pagar essa taxa. Ja paguei caro pra enviar ele pra cá. Nem sei se eles vão devolver o computador, caso sim, quem vai pagar esse retorno? Vou te dizer, eles precisam deixar mais claros as regras em vigência e não ficar tratando cada situação de um jeito!

  • Tentou ao esgotar as possibilidade de contato amigável abrir um processo legal?

    A burocracia é uma merda mesmo, mas existem leis que te protegem, vai ser sofrido e complicado, mas contrata um advogado, busca a imprensa e não deixa a bola cair não, seu silêncio é a vitória dos pilantras de plantão.

  • Li indignado pois também já fui vitima da Receita. No meu caso eu tive que escrever uma carta dizendo que eu era um imbecil por ter comprado pela internet, caso contrario seria investigado como receptador de produto contrabandeado.

  • @jonatan
    21c

    Meu prejuízo foi menor…
    http://tecnoblog.net/65185/cabo-usbficador-usb-it/#comment-1265538

  • Zhu Sha Zang
    45c

    O país é aquilo que TODOS nós fazemos dele. Nem mais. Nem menos. Qual foi a última vez que cada um NÓS deu um pequeno exemplo de cidadania para alguém? A melhor contribuição para educar nosso povo é dar exemplo. Afinal, como Ele dizia, atire a primeira pedra quem nunca pecou.

    Att

    • Perfeito, ainda sim ele tem direito de reclamar, mas para mudar todos precisam mudar.

  • Caio Furtado
    4524c

    Que bad ein cara. Desejo boa sorte!

  • Se eu fosse você iniciaria um procedimento administrativo formal para a SRC te explicar o que está havendo e como resolver. Eles teriam 15 dias pra responder e se não o fizerem valeria a pena reclamar no MP Federal. É uma opção que eu usaria, pois qualquer R$1,00 lícito faz falta… que dizer de R$5.000,00!!

  • Infelizmente, tenho de concordar com um comentarista acima que disse “típico da Receita Federal”. Realmente, é típico, e muito triste perceber como a Receita pune de forma absurda quem tenta fazer importações dentro da lei.

    Por outro lado, é igualmente triste ver outros comentaristas lamentando terem taxados seus jogos de PS3 importados ilegalmente. Estes são piores do que o próprio sistema, pois, ao contrário do autor do post, não contribuem em nada para a melhoria da situação.

    Espero que algum figurão da Receita veja este artigo e resolva seu problema. Trabalho no serviço público e vejo como a burocracia e a atitude de maus profissionais contribui para uma imagem podre do sistema. Mas nem tudo está perdido (ainda).

    • Ramon Melo
      1033c

      Eu não os culpo. Se você tenta importar legalmente, dá nisso aí que aconteceu com o Daniel Bender.

      É bastante hipócrita, reconheço, mas o que fazer quando o próprio governo desestimula os cidadãos a seguirem os trâmites burocráticos?

    • Bruno

      Ilegalmente? o Que tem de ilegal em comprar um jogo de PS3 duma loja da china e eles enviarem para mim? Qual a obrigação da Receita? É verificar o meu jogo e taxá-lo de acordo com o valor e %.

      • Jorge

        Se você compra um jogo e declara essa compra, o imposto de importação é de 60%. Caso contrário, se você for esperar ser pego na alfândega, já se caracteriza má fé da sua parte por isso entram as multas que fazem o imposto ser de até 300%.
        A obrigação da Receita nesse caso é pegar caras que importam ilegalmente como você e sobretaxar essa compra de forma a desestimular a prática.
        Já importei declarando e pagando o imposto e não tive nenhum problema, apenas paguei os 60%. Agora importar sem declarar é uma questão de sorte… podem passar muitos produtos mas se alguma hora um for pego o valor a ser pago para retirar é altíssimo. Não vejo nada de errado nisso, se vocês morassem nos Estados Unidos ou Europa passariam pelo mesmo trâmite para importar produtos.
        O problema aqui é mesmo a questão do autor do post ter importado legalmente, ter a mercadoria apreendida (isso é normal, são operações para pegar quem declara importação de ursinho de pelúcia mas traz na verdade um notebook que custa 30 vezes mais no lugar) mas não ter sido comunicado sobre a apreensão e sobre os procedimentos para desembaraço ou defesa.

        • Jairo

          Hummmmmmmmmmmmmm……

        • Jairo

          @Jorge Veja o nome SUGESTIVO de certos site… MUAMBATOR… pelo menos porderiam ter escolhido um nome menos chamativo…

  • Rodolfo

    Importar para o Brasil é uma verdadeira roleta russa. Já pensei em ganhar uma grana fazendo isso, mas a dor de cabeça não valeria à pena. Tenho vergonha desse sistema.

  • @brunogdb
    4239c

    Depois o Governo Federal reclama de contrabando, mas seriamente, isso é passar dos limites. Boa sorte aí :(.

  • governo brasileiro fazendo o q sabe fazer melhor: fuder o cidadao q faz td do jeito certo.

  • Infelizmente o Brasil possui um modelo tributário muito complexo e abusivo. Entretanto, algumas pessoas acabam perdendo dinheiro por não conhecer exatamente os trâmites.
    Primeiramente, a inspeção alfandegária é por amostragem, ou seja, o seu “pacote” poderá ser inspecionado ou não (no rastreamento sempre vai mostrar que está sendo inspecionado). Outra coisa importante é o valor, pois qualquer coisa que venha com valor acima de US$ 3 mil é automaticamente atracado, e você só conseguirá retirar se possuir um RADAR, o que só é comum para pessoa jurídica.

    Outra coisa são os impostos .. alguns falam em 60%, mas isso é dó o imposto de importação e depois tem ICMS, PIS, COFINS, IPI e o cálculo é feito em cascata, por isso que os valores finais são exorbitantes. Não aprovo e nem concordo com o sistema, mas a grande maioria das pessoas acabam perdendo dinheiro por não conhecer em detalhe esses processos.

    Sem dúvida alguma o Brasil poderia ser muito melhor se não houvesse toda corrupção e roubo no governo, mas infelizmente é o país em que vivemos. Os outros países também possuem os seus problemas e corrupção (apesar de não ser tão escancarado como no Brasil).

    De qualquer forma, só quis deixar os meus comentários para que as pessoas procurem entender melhor esse processo antes de importar qualquer forma via correios, fedex, ups, dhl que é o famoso sistema courier.

    Se o seu produto atracou, você pode tentar tirar um RADAR pessoa física, mas o trabalho vai ser tanto, que quando você conseguir, o equipamento já terá ido para perdimento, e depois vai a leilão.

    []s

  • Olá.
    Isso não aconteceu apenas com você e isso não acontece apenas no Brasil.
    Se as mercadorias estão no CTCI – Centro de Tratamento do Correio Internacional, de São Paulo, na unidade GEARA – Gerência de Atividades do Recinto Alfandegário, você dificilmente vai conseguir contato com alguém, pois é uma unidade interna dos Correios, que não possui atendimento ao público.
    Acredito que entrando em contato direto com os Correios (fisicamente) eles tenham informações sobre as sua encomendas (já que você tem o rastreamento).
    Caso seus produtos estejam em posse da Receita Federal, e você não consiga informações sobre as mesmas, pode recorrer a
    Corregedoria-Geral da Receita Federal – COGER
    Atendimento ao público das 8h às 12h e das 14h às 18h
    Tel.:(61) 3412 5475/5476

  • Meus sentimentos. Vamos divulgar.

  • Coisa do Governo!

  • Rafael The Mist
    670c

    Quero ver alguém defender a legalidade nesse caso. Difícil! Enquanto isso, DX deita e rola!

  • Infelizmente a Receita Federal Brasileira é uma bomba….vc perdeu 5mil, eu perdi metade da minha mudança de volta ao Brasil, que estava autorizada pela embaixada do Brasil nos EUA…e olha que os eletronicos passaram!!!! Sumiram com Sofá, cama, tapetes, roupas de cama, etc…. NUNCA mais acharam tbm….so que nunca recebi nada avisando de apreensão nem nada…..

    • Desculpa a minha indiscrição, mas tua mudança foi de onde?

      Não acredito que a RF deixou passar os eletrônicos… :shock:

  • Absurdo! Minhas compras importadas estão sempre atrasando, e 1 foi extraviada e os Correios não querem nem saber. Privatizem isso,já que não dão conta, não é mesmo? Deixo meu voto de indignação e apoio a você, lesado.

    Abraços.

  • Erica

    Além da receita, também temos o problema de roubo de carga na infraero.. o mais engraçado é que muita carga de arma é roubada, mas a infraero nunca sabe quem são os culpados e as câmeras de segurança do local onde as cargas ficam não gravam, só filmam.. e também é proibido entrar com qualquer eletrônico nessa área. E também, essas notícias nunca chegam no jornal! [uma amiga minha trabalhou com imp/exp de cargas]

    • RodrigoKrZ
      111c

      Câmeras que não gravam é uma desculpa bem sacana, fala sério…
      Além da falta de pessoas bem qualificadas para certos tipos de trabalho, existem pessoas que podem fazer bem um trabalho mas não estão nem ai por causa de salários baixos, o que ajuda também em casos tipo “Opa, caiu uma nota de 100 reais aqui, e não é minha!”

      Eu fui viajar uma vez saindo de congonhas, passei no raio X com chaves de fenda e alicate de bico tranquilamente, tendo em vista que é proibido entrar nos aviões portando malas com ferramentas e objetos cortantes/pontiagudos, eu deveria ter sido parado no raio X e obrigado a despachar minha mala, mas fui tranquilamente com ela dentro do avião.

      http://www.rodrigokrz.com/05/12/2010/aeroporto-de-congonhas-voando-com-alicate-e-chaves-de-fenda-na-mochila-o/

      Ps: tinha saido do trampo e ia viajar direto, eu tive a infelicidade de esquecer as ferramentas dentro da mochila! ¬¬

  • Revoltante. Nem uma palavra mais.

  • Eu comecei a digitar e apagar várias vezes o comentário que eu iria fazer. Mas desisti. Todo mundo já sabe como as coisas funcionam. O país dos descasos. Em todos os setores. Dane-se todos! Por isso a taxa de pirataria no Brasil é elevadissíma: funciona bem!

  • E um processo por danos materiais não eras? Advogado acha até o endereço do Mercado Livre.#fato

  • Leonardo

    Brasiiiiil!!! Meu Brasil brasileirooooo!!!!! Como acabar com esse tipo de gente???

  • Há um grande risco de vermos esse produtos “apreendidos” nas bancas de camelôs.

  • eu criei um pequeno serviço pra calcular preço das quinquilharias importadas em http://fee.popstencil.com

    tem até API caso queira colocar valor dinâmico no seu site.

  • vinicius
    50c

    hehehe … varios PF’s com pendrives/abridores .. kkkkk .. aposto q eles só usam como abridor .

  • Fala pessoal

    Obrigado a todos pelos comentários de apoio! Mas já me considero um vencedor neste caso.

    Basicamente, preferi deixar de lado o #mimimi e aumentar o volume na importação para diluir custos fixos. Assim, se a importação perdida valia uns R$ 5 mil, neste ano fizemos uma importação de R$ 20 mil.

    E os produtos estão na loja (busque por pendrive de cerveja :D )

    Há 3 problemas em buscar na justiça esses produtos:

    - possível má vontade futura com novas importações;
    - desgaste judicial (afinal, não sou advogado);
    - não vale a pena, dentro do grande esquema das coisas, o valor é pequeno;

    • Mas a tal má vontade futura após um processo seria do teu lado ou por parte da Receita Federal?

      • Má vontade por parte da Receita

        • Num país sério, isso não deveria acontecer: o tratamento tem que ser igual para todo mundo… Mas, enfim, este é o nosso Brasil. :-(

  • Pajeh

    Fatos: Se a mercadoria foi realmente retida, ou estava acima da o limite para remessas postais internacionais (U$3.000,00) ou não havia apenas o que foi relatado aqui. Infelizmente, muitos dos que acusam problemas na RFB são pegos em casos como esses por tentar burlar os normativos. Uma operação grande pode gerar um volume muito grande de material, que por sua vez pode gerar uma demanda de tempo para os encaminhamentos legais. Se o material foi apreendido, por mais que demore, o interessado será cientificado. Só um alerta: as normas, inclusive as da RFB, são sempre discutidas previamente com setores econômicos e há muitas consultas públicas. Talvez com um pouco menos de alienação de muitos e mais participação, a coisa possa começar a melhorar.

  • Fpublico

    Pelos posts que li, todos tem uma opinião formada sobe algo que nem entendem como funciona…
    Confundem importação de bagagem por Portos e Aeroportos com importação via Correio e comImportação via Currier.
    Cada coisa é uma coisa…ecada uma é regida por Lei que os deputados votaram e que a RECEITA FEDERAL TEM que cumprir.
    De comum a todos os processos, temos o TRANSPORTADOR – Correios, DHL, Armador, Cia Aérea e Transportadora Rodoviária; o DEPOSITÁRIO que é o responsavel pela mercadoria descarregada do veiculo transportador; o DESPACHNTE ADUANEIRO que preenche a documentação a ser apresentada à Receita Federal, isto tudo antes de qualquer coisa passar pela verificação da Fiscalização Aduaneira.
    No caso da DHL ela engloba as três funções: transporta, armazena, faz a documentação e entrega.
    Similarmente os CORREIOS englobam as tres funções com uma diferença, encomendas de valor até U$500.00 são apresentadas à Fiscalização pelos Correios, valoradas e tem a documentação emitida pelos Correios em programas da Receita Federal. A coisa complica quando o valor é superior aos U$ 500.00, pois aí ela trabalha como o Despachante e precisa que o Destinatário mande a documentação para que ela emita a Declaração de Importação. Nessa relação a Receita Federal não tem qualquer interferência.
    O problema começa quando quem importou alega que seu produto custou menos do que o preço que se vê em sites de venda “CONFIÁVEIS”. Apenas como exemplo, um relógio Rolex declarado com tendo custado U$ 20.00…seria ele Original ou Réplica/Pirataria??? A legislação brasileira não permite importação de réplicas!
    A Receita Federal que atua nos Correios trabalha com 3.000/4.000 volumes novos a cada dia e, se o Raio X diz que é um Relógio, o documento diz algo diferente ou ainda que é um produto de U$ 10.00, o volume tem que ser aberto, verificado, precificado, fechado novamente e só então tributado. Se era um Rolex, com características de Original, ele é enviado para o GEARA – que é o nome Correio do stor que trata do Importa Fácil, caso contrário, é encaminhado para verificação de Autenticidade, procedimento em que ele é juntado aos demais produtos com suspeita de falsificação para ao fim do dia ser encaminhado para separção por Marca, comunicação ao representante dela, verificação, emissão do Laudo de Não Autenticidade e apreensão.
    Quantas marcas vocês conhecem? Dá para todas verificarem cargas todo dia?? Todas ao mesmo tempo??
    Se não houvessem os~”Gersons”, se a declaração de conteudo fosse real e os preço pago também, conforme determina a Lei votada pelos Representantes eleitos pelo Povo, tudo se encaixaria e se agilizaria…
    Quanto à sua mercadoria do EE057830977CN, ela foi apreendida numa Operação Especial da Divisão de Repressão, Órgão da Superintendência da Receita Federal de São Paulo e foi denominada “LEÃO EXPRESSO”.
    Se vc protocolizar uma petição com certeza eles lhe darão a localização e o direito de defesa. Lembre que toda operação de Repessão é feita de surpresa, caso contrário não precisaria ser feita…
    Espero ter explicado tanto para você como para os demais que deram sua opinião e lerem esse comentário, como é que, em linhas gerais, funciona a importação pelos Correios.
    Informar-se da legislação é dever da População e a Legislação já dis que “Ninguém pode alegar desconhecimento da Lei”.
    Abs

  • none@yahoo.com.br

    Pajeh
    Que história é essa de alienação. O rapaz foi literalmente roubado pela receita federal. Você deve ser o alienado para pensar que não fazem isso. É tudo uma questão de referencial. Se você não enxerga isso então não sabe o que é ser pobre nesse pais. A classe média trabalha no mínimo 5 meses no ano para pagar imposto de renda. Isso é um roubo legalizado meu amigo. O cara importou material de trabalho e pagando impostos!

  • Daniel

    algum departamento público por aí está colorido e feliz. Com pendrives estilizados e latinhas de cerveja.

  • samuelteodoroferreira@

    Quer saber pra onde foi sua mercadoria ?
    kkkk com certeza foi parar em algum leilão !!
    Entra no site de leilão que vai ver o tanto de produtos aprendidos, e vai saber pra onde vai o dinheiro.

  • Tá, mas a importação era legal, MESMO?
    Segundo esse site do Importa Fácil ( http://www.correios.com.br/impfacil/perguntas_frequentes.cfm ) que tu linkou, existem diversas limitações.
    Pode ser que as tuas mercadorias estivessem excedendo alguma delas ( limite de US$3.000,00 por importação, peso, documentos, etc..
    Será que não foi isso?
    É chato pra caralho isso, mas algumas regras são necessárias pra impedir práticas que podem ser maléficas pra economia nacional.
    Tem que ver isso aí.

  • Marcos Aurelio

    Também já tive 5 mil reais ROUBADO por LADRÕES disfarçados de fiscais da Receita Federal e obtive essas mesmas respostas. Que eu deveria sair da minha casa e ir até São Paulo para quem sabe num dia de sorte conseguir achar um desses miseráveis. O mais engraçado é que esses fiscais, todos, 100% deles tem um patrimônio de no minimo 15X maior que o compatível com o salário que ganham e tudo na casa deles é composto por produtos importados. Será como isso acontece?

  • Marcelo

    Pois é, eu comprei uma maquina da china, o disgrac…do chines fez uma declaracao inferior ao valor do produto.quando chegou via dhl fui informado que a receita exigia um monte de documento de quanto paguei,valor do frete,e declaracao de uso.Mandei todos e nao adiantou nada,e fui roubado em 100% de multa sobre o valor do produto mais os impostos.
    Segundo a receita eu sou responsavel pelo o valor declarado.Pergunta: como posso ser responsavel por uma coisa que nao fiz? So em Paises comunistas existe tal lei.Sem contar a mal vontade de quem atende o telefone na alfandega,tratam a gente(contribuintes que pagam os seus salarios) como bandidos.
    Alguem ai sabe me dizer pra onde vai todos os impostos e multas que sao arrecadados nessa maracutaia? Ja perguntei para a receita e ninguem sabe dizer ao certo.So nao diga que vai pra pagar a ilha particular dos politicos em ADUBAI que isso eu ja sei.

  • KNIGHT

    Isso só vai acabar quando dentro das peças vierem um chip que de para rastrear.

    Tipo o que o cqc fez com uma tv que eles doaram para uma prefeitura, acredito que todos viram esse programa, eles colokaram dentro da tv um rastreador chip sei la o nome, pasmem vcs que a tv não foi pra escola e sim pra casa de uma pessoa que trabalha na tal escola.

    Ja que a desconfiança é geral ´por todos nós, essa é a forma de saber o que acontece com os produtos, que: somem, desaparecem, extraviam, etc etc etc.

    Duvidas?

  • KNIGHT

    Outra coisa.

    O dono deste site deveria colokar a foto do produto que foi ”barrado” aki, quem sabe alguns de nós ve esses produtos por ai:. Fika a dika.

  • Joel Reis

    Me roubaram 2.000 pratas na impotação de iscas artificiais, da seguinte forma: Revaloraram a mercadoria em 100%, em cima disso e mais do frete que o fiscal imventou por conta propria mais 60%, mais uma multa pelo custo do frete não estar estampado no no pacote( mentira estava la em letras enormes) tetei todos os recursos possiveis e imaginaveis pra tentar recorrer dessa injustiça, inclusive com ajuda do vendor la na china,
    nada, como se comunicar com seres incomunicaveis que não te respodem amails os telefones não funcionam, o importa facil? facil, os pobres atendentes com quem falei sabiam menos que eu de como funciona o serviço. Resultado paguei se deixase la o prejuizo seria de 3.000, paguei perdi 2.000, resumindo tentei ser correto pagar os impostos justos e tomei … hoje busco no paraguai, fazer o que…

  • Márcio Henrique

    Procurem um bom advogado, a fim de demandar na
    Justiça Federal de seu Estado contra a União Federal, contra a ECT, contra o transportador, caso este tenha um representante no Brasil, comprovando que os itens importados chegaram no território nacional. Nossa legislação é anódina e cheia de lacunas em relação à importação por via postal, deixando o brasileiro verdadeiramente vulnerável diante das filhadaputagens praticadas pelos fiscais alfandegários e agentes dos correios, que somem com os itens, sem nem sequer notificar o destinatário da ‘apreensão’ ou extravio… TEM QUE SER UM BOM ADVOGADO E NÃO UM BORRA BOSTAS QUALQUER. COITADOS DOS QUE IMPORTAM POR VIA POSTAL E O OBJETO É POSTADO SEM REGISTRO. MERDA BRASIL É AQUI…

  • Namah

    Amigos, quero deixar bem claro uma coisa. A Receita Federal é um órgão muito sério, e faz de tudo para agilizar os serviços de fiscalização aduaneira. Já prestei serviços para este órgão e vi o quão eles são sérios e compremetidos com a sociedade. Tem funcionário lá que tem loja de importação… (usam um laranja é claro), os produtos dos membros desta corja passam rápido e quase nunca são tarifados…
    Já comprei numa loja em São Paulo, um netbook de um lot que foi “apreendido…”
    O lote era de uma pessoa muito conhecida publicamente, e os seriais com todas as descrições eram as mesmas, até o logo com o nome da pessoa em chinês ainda estavam no(s) netbook(s).

    Em resumo, o nosso governo criminoso e agiota impõe uma alta carga tributária alegando vários motivos…
    Na importação, alegam que é para proteger a indústria nacional (proteger de quê? se é o próprio governo quem a prejudica com impostos);
    Pagamos uma carga tributária altíssima para dar conforto a uma corja nojenta, covarde e CORRUPTA!!!!
    A receita fuderal age como um cão nazista. Não contata o destinatário para informá-lo do que está ocorrendo, não atendem telefone e não disponibilizam nenhum meio de comunicação possível. Os fornecedores estrangeiros e importadores brasileiros são unânimes quando dizem que a pior aduana é a do Brasil.

    MAS ARMAS entram.. fácil, fácil…, pergunten ao Beira-mar…

  • Namah

    A RFB vai montar bancas de camelô em todo território nacional.

  • Inquisidor X

    É pra cá que vão todos esses produtos “ilegais” para o cidadão que pagou, e “legal” para quem está caindo de paraquedas em seus produtos comprados. Parece até história de filme mafioso.

    http://www.receita.fazenda.gov.br/destinacaomercadorias/leiloes/previsao/todos.htm

  • Paola

    Da próxima vez faça o seu envio na DHL… Te dou um descontinho no frete… :-)

  • Oliveira

    Concordo com a maioria aqui, no Brazil não existe justiça, somos entregues aos estrangeiros, eu mesmo passei por uma situação um pouco semelhante, comprei um notebook no Mercado Livre e depositei o dinheiro na conta dele, eu sei que não deveria ter feito assim, porém eu e mais 45 pessoas fomos enganadas, mas como trabalho em uma empresa de telecomunicações levantei todos os dados do vendedor, descobri que ele usava o nome de uma mulher e está é secretaria de educação de rio do sul, consegui conta bancária, numero telefônico, endereço, enfim tudo. Tenho amigos na policia federal, civil e militar, sem falar que meu tio é deputado, registrei queixa na policia civil, federal, ministério público e procon, agora pergunto, com todos os dados e pessoas “importantes” envolvidas, acham que deu em alguma coisa?

    Esse é o nosso país maravilhoso.

  • amigo, li seu post referente a uma importaçâo e gostaria de saber se vc mesmo assim conseguiu resgatar o objeto! Grato, jomar

  • Gustavo Raiser

    Hoje (24/08/2012), após quase 3 meses buscando de forma intensiva consegui liberar o meu pacote. Corre atrás e não pare até achar o responsável por tudo isso!

    Aliás, entra no site do Ministério da Fazenda, que é onde ficam os responsáveis máximos pela Receita Federal e liga para a ouvidoria deles: 0800 702 1111. Eles podem gerar um protocolo mas o melhor é que você mesmo o faça para descrever com detalhes a situação.

    De qualquer modo, o que me parece é que “roubaram legalmente” os produtos do seu pacote. Se você conseguir descobrir onde está, poderás exigir a vistoria física por sua parte e conferir se todos os materiais estão neles.

    Uma dica importante: na hora de conferir filme, primeiro identificando seu nome e cpf, segundo identificando nome de quem está retendo o pacote junto do setor/órgão que responde e por ultimo o pacote externamente (lacres e proteções) para depois verificar internamente (conteúdo).

    Se constatar que tem menos produtos que sua compra, você pode alegar que houve peculato (funcionário público que adquire de forma ilegal através das “vantagens” que tem pelo seu cargo).

    Eu ainda acredito que o Brasil tem solução, apesar de estar cada vez pior.

    Qualquer coisa entre em contato,
    boa sorte!

  • brazilcorrupto
    1c

    Se você acha que perdeu muito meu amigo, esses FDP da Receita Federal me Roubaram $ 65.000,00, toda a minha mudança que eu trabalhei durante 8 anos nos Estados Unidos. Agora estou aqui no Brasil com a casa sem móveis porque a lei aduaneira é a favor somente dos Safados que estão no Governo. Vocês acreditam que os Deputados podem importar mercadorias que são isentos de Impostos? Pois é , de uma olhadinha nessa lei aduaneira idiota e você verá. O que mais me revolta é que se fosse drogas, com certeza teria passado porque a propina seria maior, tá explicado. Outra coisa que é inacreditável, aqui nos Estados Unidos eu consigo falar diretamente com o Governador de Massachusetts mas não consigo falar com os Auditores da Receita Federal, segundo as secretárias deles, eles não atendem ligações…. é foda, um bando de Zé Ruelas que se acham o tal. Estou de volta aos Estados Unidos e espero nunca mais ter que voltar para esse país de políticos corruptos, onde as pessoas só querem tirar vantagens uns dos outros, onde jovens idiotas gastam dinheiro para comprar tinta para pichar muros, onde a educação é uma farsa, onde os professores não são reconhecidos, onde analfabetos que não sabem se quer escrever o próprio nome se tornam Deputado Federal. Cara, a constituição do Brasil é desatualizada e é feita para vagabundos. Eu nunca matei ou roubei, mas se eu matar alguem no Brasil, fugir do flagrante e depois me apresentar, pelo fato de eu ser réu primário eu não vou para cadeia, não existe advogado que me coloque na cadeia, brincadeira né…… Agora se tem uma pessoa que eu tiraria o Chapéu seria o Abraham Lincoln, ele escreveu a constituição americana, e para ser sincero eu nunca vi uma constituição tão bem feita, por mais que aqui tem seus probleminhas, o povo americano ama o seu país, têm orgulho, pois o país tambem faz por eles, não é atoa que ele é a potência número 1 desse mundo. A constituíção é tão bem feita, que o americano pode ter arma de fogo em casa, porque se por algum motivo o governo passar a ser soberano o povo pode se revoltar contra ele. Aqui eu vou no caixa eletronico, sai com o dinheiro na mão e nem sequer preciso olhar para os lados, todos aqui têm condições de ter bons carros e ninguém sai dirigindo feito esses retardados no Brasil que acham que estão dentro de uma pista de corrida. É tanta merda no Brasil que ao invés de se chamar Brasil deveria se chamar MERDA ou talvez SHIT.

  • Alberto Brandão
    1c

    Isso é roubo, cara. Que bosta.

  • twi_33202612
    34c

    em outros paises deve acontecer coisas semelhantes, mas é que aqui no brasil as coisas ruins tendem a ser mais agucadas e escancaradas. ninguem ta nem ai pra nos. basta ver as paginas de politica dos ultimos meses.

  • JasonVoorhees
    1c

    Pessoal, costuma-se usar a palavra burocracia de forma errada. A burocracia nada mais é que uma forma de gestão arcaica onde existem regras e procedimentos bem definidos para cada processo (vulgo “cara-cracha”). E sabendo como uma administração que funciona para milhões de pessoas ao mesmo tempo trabalha, afirmo que não dá pra agradar a todos e tem que ser assim. Porém, aqui no Brasil o que ocorre é que os departamentos e repartições públicas viram que as brechas nos procedimentos poderiam render algum troco para as temidas “autoridades” que representam essas repartições. A partir dai a coisa entornou e deu no que deu até nos dias de hoje. Entendam quanto mais lento e pesado for o processo mais essa máquina lucra. O que eu acho que falta é que as pessoas despendam um pouco mais de tempo em entender completamente o que precisam fazer e claro isso tomará muito tempo de vcs, mas acredito ser a única solucão. Um exemplo ridículo que aconteceu comigo foi quando precisei renovar minha carteira de motorista. Perdi um dia inteiro de trabalho, sim perdi mas fiz a porra do processo todo eu mesmo, fui e voltei várias vezes como uma barata tonta, preenchi pilhas de formularios, mas consegui. Resultado se tivesse pago o que o despachante pediu (300% do valor) teria muito menos tempo perdido. Mas decidi arriscar. Quanto ao despachante não vejo nada contra ele ter seus recebimentos pelos trabalhos que faz, mas 300% nem um agiota me cobraria. Resultado agora sabendo que não existe nenhum problema em uma pessoa comum pedir a renovação de uma simples carteira de motorista, nunca mais caio nessa. Hoje com a internet, podemos encontrar todo tipo de informação. Se até uma nota fiscal (um dos documentos mais importantes expedidos por uma empresa) já pode ser assinada digitalmente pela mesma e tem validade em todo território nacional, fica a reflexão: o que voces acham que sustenta por exemplo os cartórios e quanto tempo mais eles durarão?

  • Davi Kann
    1c

    Amigo. Só tenho a lhe parabenizar por contar essa história que, mesmo sendo triste, você não perdeu o tom de humor.
    É triste que o nosso país tenha leis tão podres, que tentam nos fazer de palhaços, fazendo do nosso glorioso Brasil esse grande circo de bizarrices políticas.
    Nessas horas chego a pensar que a solução é mesmo “alugar o Brasil”. Talvez os gringo possam fazer desse país um país de liberdade, igualdade, esperança, paz, glória, em fim, um impávido colosso.
    Peçamos a Deus pelo nosso país.

    Davi Kann

  • cleidiano.serafins
    1c

    Impressionante, no Brasil, parece que se vc fizer de forma ilegal da tudo certo. A impressão que tenho é que de forma legal você subsidia a receita para te ferrar.

  • jpac_
    1c

    Ainda referente perda para alfandega:

    Meu caro… Conheço também essa burocracia dos fiscais alfandegários. Precisamos montar um departamento para fiscalizar os fiscais da SRF. Pois estão descumprindo vergonhosamente a própria tabela de serviço. Expedido por ela mesma (SRF), Entre os serviços tem um “desembaraço mercadoria Importada” O prazo real para liberar ou indeferir é de 08 dias, no máximo. Tenho uma mercadoria que só pra desbloquearem a DI (declaração de Importação) para correção, já tem mais de 20 dias. Em quanto isso, a conta de armazenagem tá crescendo e quem vai pagar? Não precisam responderem! As alegações é sempre as mesmas… Que não tem funcionários suficientes. E o que nós temos com isso?
    Isso é uma vergonha. Precisamos selecionar fiscais para fiscalizarem os fiscais da SRF! Ou pelo menos protestar!!

  • Vaildo Marques Froes
    1c

    recomendo voce processar a receitar federal amigo……

    Pode demorar muito, mas se ganhar a causa ganhará mais que R$5,000..

    att.

  • Sige Caen
    1c

    Muamba é assim mesmo rapazeada ilegal, não adianta depois ficar chorando que a receita aprendeu o produto, afinal é ilegal, se a receita esta apreendendo as muambas é a prova de que o estado não é tão ineficiente como vocês dizem. Perdeu playboy rsrrsrrsrs

    • Robson J Silva
      1c

      amigo você está equivocado, ele falou no artigo que contratou o sistema importa facil, isto é, a empresa dele estava registrada nos correios e pagando os devidos impostos de importação, leia o artigo completamente antes de dar um opinião equivocada. Realmente foi um grave erro da fiscalização pois o produto tratava-se (segundo o artigo) de produtos devidamente importados pagando todas as taxas de importação.

  • Sabe o que aconteceu, eles aprenderam sua mercadoria, e alguém deve ta vendendo elas, eles dizem que aprenderam, de mentirinha…muitos agentes tem lojas em nome das esposas ou terceiros…Assim vc fez um favor pra algum agente alfandegário safado. Vc importou e pagou e ele lucrou…

  • Miguel Leal
    1c

    Isso não tem a ver com o registro do produto no Brasil??

    Essa burocracia aqui do BR é FOD*** mesmo!! Tem que registrar a marca de depois registrar os produtos da marca…

    Ao meu ver, passaram o pente fino na tua encomenda e viram que seus produtos (pendrives da MCF) não tinham registro no INPI, ou nacionalização do produto!

    Seria isso??

    Alguém poderia complementar?

  • Miguel Leal
    1c

    Isso não tem a ver com o registro do produto no Brasil??

    Essa burocracia aqui do BR é FOD*** mesmo!! Tem que registrar a marca de depois registrar os produtos da marca…

    Ao meu ver, passaram o pente fino na tua encomenda e viram que seus produtos (pendrives da MCF) não tinham registro no INPI, ou nacionalização do produto!

    Seria isso??

    Alguém poderia complementar?

  • GeLoja Portugues

    amigos nao sou brasileiro , mas sabe qual e o maior problema do brasileiro ? se calar tem que protestar tinha de arrumar um advogado e saber da encomenda se nao fosse encontrada teriam de pagar 10 vezes mais por ela nao se calem as leis tem que mudar e muitas leis existem mas o brasileiro nao sabe nem vai atraz , nao liga la nao coloca nas maos de um bom advogado e ve se sai ou nao sai , coloca ate a tv atraz

  • vinicius.ferreiradeoliveira
    1c

    Pessoal, eu tenho uma sugestão para todos vocês…
    Eu fiz isto e deu certo…
    Procurem os leilões da receita federal e recomprem as mercadorias…
    Eles vendem bem baratinho aquilo que eles não se interessam….
    As sobras eles doam para instituições de caridade para venderem…
    Então depois que os capangas do governo ficam com o “filé mignon”, você vai lá e compras as sobras e ou os restos desinteressantes…
    Sabe porque?
    Porque Brasileiro é considerado cachorro !!!!!!!!!
    Vejam nas ruas quantos protestos contra a bandalheira do governo…
    Vamos sair as ruas e gritar nossos direitos nesta falsa democracia…
    E principalmente, votem com atenção,,,, chega de bandidos no governo…
    Abração;

  • Diogo Bianchi Fazolo

    Toda apreensão abusiva pode e deve ser questionada judicialmente. O primeiro passo é descobrir o número do processo administrativo fiscal via comprot: http://comprot.fazenda.gov.br/E-Gov/cons_generica_processos.asp

    Depois vá até alguma Delegacia da RFB com um pendrive. Eles deverão lhe fornecer uma cópia integral.

    Depois procure um advogado especialista na área. Aqui tem alguns artigos que podem lhe ajudar: http://www.dbfadvocacia.com/Pages/DoutrinasAdvogadosEscritorio.aspx

  • Neyzão Castro

    Brasil….

  • Ótimo artigo! Acho muito interessante essa proposta de comprar importados. Pode ser um ótimo negócio! Escrevi um artigo sobre isso em meu blog:

    http://www.euqueroganharmais.net/2013/01/como-importar-da-china-e-criar-sua-loja-virtual_12.html

    Agora às vezes esse tipo de situação pode acontecer e vc precisa estar praparado para buscar uma solução. O pessoal aqui deu várias sugestões boas.

    Abs e sucesso!

  • eu comprei um sapato da china que nunca chegou, pelo codigo de rastreio dos correios ele esta parado desde julho na unidade de Curitiba e o pior é que só o remetente pode reclamar pela mercadoria, já dei esse sapato como perdido mesmo aff

  • Maldita alfândega… malditos corruptos (Aaaaaaaaaaaaarghhh)

  • O ERRO: EMS no shipping, pois cai direto nas mãos dos ladrões. Nunca importar grandes quantidades de uma vez, pois exarcerba a cobiça dos bandos por onde as mercadorias andam. Usar courrier no shipping com deflação na declaração. Ser honesto no Brasil é para bobos. Não deveria ser assim, Mas um ditado antigo apregoa que este é um País de putas controlado por canalhas.

  • Plínio Sousa

    Importa fácil! Mas não disseram quem foi que importou fácil! Alguém ganhou, esquemao esse programa. Pense, para abrir centenas de milhões de encomendas e rouba-las é trabalhoso, São produtos muito diversos o que dificulta a distribuição, além de muitas pessoas que irão reclamar. Então? tananan, Importa Fácil, o cara então como pequeno empresário ( trouxa, quase muambeiro procurando a legalidade) e eles roubam toda a mercadoria fácil de dar destinação. Desculpe a FORMA do comentário, não quis ofender, mas realmente somos roubados e tidos como trouxas.

  • Pena que cheguei tarde demais aqui:
    Já aconteceu comigo e o que fiz foi trabalhoso mas deu certo.
    Fui até a delegacia de policia federal com os dados e mensagens, como quem quer se resguardar de qua não seja acusado de crime. Eu realmente estava com esse medo.
    Daí eles iniciaram uma comunicação entre eles e a marcadoria foi localizada. Demorou 4 meses mas peguei tudo. Acontece que nem foi um surto de "honestidade" deles não… mas sim o fato de que existindo conhecimento de policiais de outros meios eles decidiram não devolver eu acho… Pois o que ocorre é que sem ter acesso acaba que os caras roubam mesmo. kkkk
    Da proxima tenta isso

  • Bom dia, li essa matéria e fiquei interessado. Como foi o final dessa história? Conseguiu recuperar a mercadoria? Chegou? Por que não entrou com um processo contra a receita? Isso é falta de organização e descaso por parte deles, totalmente desnecessário.

  • apos quanto tempo de espera posso processar a alfandega ?

  • Vinicius Ferreira Oliveira
    1c

    Eu gostaria de fazer um grupo de pessoas interessadas em reclamar seus direito perante a sacanagem dos capangas da alfãndega, pretendo juntas milhares de pessoas, juntar 1 real cada um e montar toda uma estrutura legal, judicial e física para acabar com esta sacanagem…
    Pretendo colocar tudo que tenho e toda a minha vida neste entrave maldito para pelo menos tentar resolver esta sacanagem.

    os interessados por favor me enviem um e-mail, vamos formar um grande grupo, pois a união faz a força.

    viniciusfo@ig.com.br

  • piobom
    1c

    Morei 5 anos no Japão sem um pingo de saudades disso. Reconheço que senti muita saudade de alguns amigos e familiares, até mesmo de algumas praias, mas a cada dia admirava mais o funcionamento da polícia, correios, transporte e escolas japonesas. Lá eles investigam roubo de bicicleta até achar o culpado. Aqui, não investigam assassinatos e prendem quem usa máscara em protestos. Só sabem fazer leis. Pior que, mesmo sem fazer nada de errado, sentimos medo ao ver um fardado. Não dá pra confiar. Querem resolver todos os problemas do trânsito criando leis (como o rodízio), resolver problemas de criminalidade criando MAIS leis, quando todos sabem que esse é apenas o tratamento dos sintomas do grande problema que é a falta de educação.

Deixar comentário:

Leia | Política de Comentários.