Início » Segurança » Bom negócio: clickjacking rende 10 milhões de euros para golpistas

Bom negócio: clickjacking rende 10 milhões de euros para golpistas

Por
3 anos atrás

Sete homens detidos no leste europeu estão sendo processados nos EUA por conta de um esquema de sequestro de cliques (clickjacking) que infectou 4 milhões de máquinas em 100 países, em um golpe que pode ter lhes rendido ganhos de até 10 milhões de euros (R$ 24 milhões).

De acordo com a revista Wired, o esquema funcionava desde 2007 e incluía uma agência falsa de publicidade, que vendia propagandas na rede para empresas legítimas, que os pagavam por clique recebido em suas páginas.

Para aumentar a eficiência de seu produto, os acusados infectaram 4 milhões de navegantes com um programa chamado DNS Changer, que silenciosamente alterava as configurações DNS de suas vítimas — tanto em Windows quanto no OS X — para um endereço próprio que os redirecionava para as páginas de seus “clientes”.

Ao pesquisar pelo download do programa iTunes em um serviço de busca, um usuário infectado era redirecionado a uma página dos anunciantes do grupo mesmo depois de clicar em um link legítimo. O mesmo acontecia ao tentar acessar páginas de outros serviços e até mesmo órgãos governamentais.

Entre os computadores afetados pelo malware estavam máquinas da NASA e de outras agências governamentais dos EUA, que fez com que o governo federal entrasse com a ação contra os sujeitos.

Segundo informações do jornal The Guardian, o grupo formado por seis estonianos e um russo se encontrou com a pesada mão da lei no começo da semana, detidos pelo FBI na cidade de Tartu, na Estônia, em uma operação feita com a colaboração das autoridades locais.

De acordo com a empresa de segurança TrendMicro, que também colaborou com a operação, esta foi a “maior derrota do cibercrime na história”. Em 2009 a empresa teve acesso a alguns discos de backup da botnet gerida pelo grupo e foi a responsável por verificar a “identidade” dos detidos.

Até o momento, não há informações de quantos brasileiros foram vítimas do esquema.

Com informações Guardian, Wired

  • http://novogolclube.com Bruno Dias

    ai sim em

  • Kowalski

    Uma dúvida: por que quando se fala em vírus e demais ataques a computadores, costumam usar a imagem do lendário e saudoso WIndows XP para ilustrar a reportagem?! :D :P

    • http://twitter.com/MasterWebInter Yangm

      Lembrando que isso afetou o Mac OSX também.

      • Kowalski

        Fala baixo, rapaz! Se não, você pode ser linchado. :D :P

      • http://twitter.com/MasterWebInter Yangm

        Não se a bateria deles acabar antes.

      • Claudio H.

        Kkkkk euri!

      • Leandro de souza

        O XP é otimo , porém seguro apenas com os updates d amicrosoft ligados , senao ele se torna muito vulneravel. Costumo colocar antivirus , anti-malvware , verificador de pendrivers e um anti de msn pra se precaver…

      • http://twitter.com/MasterWebInter Yangm

        Leandro de souza: tão seguro quanto usar Internet Explorer 6.

      • Leandro de souza

        Aposto q vc pega mais virus do que eu…

      • http://twitter.com/MasterWebInter Yangm

        Não, eu gosto da voz da mulher do Avast Inernet Security ;)

      • Leandro de souza

        Se vc gosta so de ouvir beleza. Eu ja sou de demonstrar amor e fazer as mulheres felizes..

      • http://twitter.com/MasterWebInter Yangm

        Leando de souza: Estamos falando de antivírus seu pervertido!

    • ricardo

      O XP é realmente vulnerável, mas a grande maioria dos usuários, uma vez utilizando cópias piratas, não tem direito de reclamar.

      • Leandro de souza

        Nada haver , o melhor antivirus sempre vai ser o usuário. Nao é usando linux ou w7 ou mac q vc vai ta seguro…

  • http://www.melhortvlcd.com.br Marcelo

    O que vem a tona é que nunca estamos a salvo!

  • http://www.twitter.com/rodrigorsena @rodrigorsena

    Ninguem nunca sabe sobre os Brasileiros \o/

Tecnocast

|

Faça seu login no Tecnoblog

Crie a sua conta

Esqueci minha senha