Ir para o conteúdo.

Início » Web e Redes Sociais » YouTube: 1h de vídeo por segundo, 4 bilhões de views por dia

Maior site de vídeos da rede, o YouTube anunciou na manhã desta segunda-feira que encerrou 2011 com seus usuários enviando em média 60 horas de vídeo por minuto, ou 1 hora de vídeo por segundo, para seus parrudos servidores. Esse número 30% é maior que as 48 horas de vídeo por minuto registradas em maio.

Já em visualizações desses vídeos, o YouTube disse que atingiu uma média de 4 bilhões de pageviews por dia. Eles aproveitaram o número especial para criar um comemorativo chamado One Hour Per Second, em que cita acontecimentos insólitos que podem acontecer no tempo em que os vídeos sobem para seu serviço. Confira seu vídeo de apresentação logo abaixo.


(Vídeo do YouTube)

Comprado por US$ 1,65 bilhões pelo Google no distante ano de 2006, o site teve receita de US$ 5 bilhões no ano passado graças a veiculação de anúncios incorporados em seus vídeos, informou a gigante da web na semana passada. Ainda que a maioria esmagadora dos vídeos do YouTube não sejam monetizados, a cada semana três bilhões de novos vídeos são eleitos para receberem anúncios.

16 Comentários (Deixe o seu!)

  • Turdin
    3346c

    Ganhando tanto dinheiro sendo a #$%^&*() que é depois que o google botou a mão.
    Parabéns Google, por fazer dinheiro com um serviço péssimo que você estragou.

    • Yangm
      1c

      Turdin, me dê ibagens argumentos que mostrem como o youtube ficou ruim.

      • Turdin
        3346c

        Depois que o Google botou a mão, diversos canais legais sumiram, muitos dele por “direitos autorais”, mesmo que alguns deles só tivessem uma musica de fundo, ou alguma imagem que fizesse referencia a qualquer coisa.

        Até mesmo paródias excelentes como do Total Eclipse of Heart foi retirada do ar, antes de o Google botar a mão nada disso acontecia, era uma rede de compartilhamento mais livre, sem propagandas e principalmente: Muito mais rápida.

        • Rodrigo Soncin
          423c

          Direitos Autorais? Com o sem o Google as gravadoras iriam acabar caindo de pau com processos em cima do Youtube de qualquer jeito. Esses canais e vídeos sairiam do ar de qualquer forma.

          Mais livre: leia acima.

          Mais rápida: 60 horas de vídeo por minuto é impressionante que o sistema funcione do jeito que funciona, e o Google deve ter investido muito dinheiro para ter servidores e largura de banda capazes de aguentar o tranco. Será que os antigos donos conseguiriam manter o investimento necessário?

          Sem propaganda: ta aí uma coisa que não entendo. Sempre que você vê uma propaganda você deveria considerar que o anunciante está pagando para que você possa usar o serviço de graça. Ou você acha possível manter este tipo de serviço sem dinheiro? As propagandas iriam aparecer de qualquer forma. Ou algum tipo de assinatura paga.

          Resumo: o que aconteceu com o Youtube não é culpa do Google. É o preço do sucesso. Lembre-se: o Youtube era muito menor quando o Google assumiu.

          • Turdin
            3346c

            Sinceramente, por mim poderia ter continuado com os antigos donos e eu pagava para ver se teria se tornado tão ruim tão rápido.
            É sério, depois que o google botou a mão não deu 2 meses para se tornar isso, não foi apenas das gravadoras a culpa não, o Google com certeza deve ter tido um ganho financeiro nessa parte com as gravadoras e acelerou a censura.

            60 horas de video hoje, antigamente tinha muito menos horas de video e ainda era lento, hoje aumentou a demanda, e adivinha, continua lento, google nunca deu a infra necessária para suportar esse número de usuários de uma forma confortável, ao contrário do que os antigos donos faziam.

            Propagandas, talvez viessem, talvez não… Os antigos donos se não me lembro bem estavam entrando na maneira de monetização por contas pagas, para gerar lucro por usuários com certos beneficios ( como envio de tempo maior no vídeo, entre outras coisas ).

            Por mim o Google nunca teria botado a mão no Youtube, pena que não foi o que aconteceu. E sim, foi culpa do Google.

            • Yangm
              1c

              Se o google não tivesse comprado, o youtube de hoje seria o Google Videos, que com certeza seria a mesma coisa que o youtube é hoje, com a diferença de que os donos teriam falido e talvez presos por infrações de copyright.

            • Turdin
              3346c

              Bem, não discordo nem concordo, até porque não tenho nenhuma maquina visualizadora de realidades alternativas ( infelizmente ), mas eu realmente teria gostado de assistir esse cenário e ver o que iria acontecer, ao invés de ver o que temos atualmente.

        • Yangm
          1c

          Vou economizar meu teclado e seus olhos, o Rodrigo Soncin já disse tudo o que eu iria dizer.

  • Pedro Maich
    177c

    Gostei mais do vídeo que dos dados, que pra mim não significam nada.

  • é impressionante como os servidores consegui aguentar isso tudo numa boa.

  • Claudio H.
    541c

    Eu imagino a complexidade que não é gerenciar esse numero colossal de vídeos sendo upados, assistidos e comentados 25h por dia.

  • gcrn

    Quem é que monitora esses vídeos, tipo os que tem copyright?

    • Gustavo Ventura
      21c

      Não sei detalhar muito bem como funciona, mas pelo menos para músicas, eles possuem uma forma de identificar o áudio e descobrir se ela está protegida ou não, e bloquear o upload. Sem a necessidade de interferência humana!

    • Turdin
      3346c

      Bot, claro, por isso que muitas vezes por &*(( nenhuma seu vídeo é removido do ar, as vezes só por conter um trecho de algo ou uma musica

    • Smess
      177c

      São comparados com arquivos de referencia dos proprietários das obras com um sistema automatico. Muitas vezes você recebe notificação e você pode entrar em um formulário de processo de disputa. Esse processo pode levar muito tempo pra ser concluído e fechado. Não é um sistema que funciona perfeitamente, tem vezes que erram e tem vezes que acertam os proprietários. No meu canal, ganhei a maioria dos processos de disputa, os demais dei um jeitinho com Audio Swap. Enfim, agora posso postar vídeos com mais de 15 minutos.

      O que achei de mais bacana por parte do Youtube, é adotar também o Creative Commons pra definir se vc permite que o pessoal possar usar o seu vídeo em derivados e vir parar também no editor do Youtube.

      Mais detalhes: http://www.youtube.com/t/contentid

  • YouTube, um grande serviço…domina em sua área por mérito do Google, que não para de inovar.
    Tudo tem propaganda e precisam disso para continuar atuando.

Deixar comentário:

Leia | Política de Comentários.