Início » Banda larga e telecomunicações Nacional » Sky apresenta locadora virtual Sky Online

Sky apresenta locadora virtual Sky Online

Aluguel de filmes recentes custa R$ 6,90 para assinantes Sky.

Por
2 anos atrás

São Paulo — Mais um serviço para download de filmes e séries no mercado brasileiro. A Sky anuncia na quarta-feira o Sky Online, locadora virtual exclusiva para assinantes da televisão por assinatura (pois é). O aluguel de filmes recentes custa a partir de R$ 6,90 e a compra de filmes mais antigos fica a partir de R$ 4,90.

A Sky promete um catálogo atual. De início são destaques do Sky Online as produções cinematográficas “Os Smurfs”, “Planeta dos Macacos: A Origem”, “Lanterna Verde”, “Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2″ e “Assalto ao Banco Central”. Também tem as séries “The Big Bang Theory”, “Two and a Half Men” e “The Mentalist”.

“Nosso cardápio oferece somente os pratos campeões de vendas”, explicou o presidente da Sky. Dessa forma, a empresa se distancia da Netflix, serviço que, como todos sabemos, tem mais filmes de arquivo e episódios antigos de séries. Luiz Eduardo Baptista também diz que se trata de um produto complementar à TV por assinatura, como são os canais pagos de PFC, UFC e HBO.

Escolha de áudio e de legendas

O uso do serviço está atrelado à banda larga de pelos 2 Mbps. A Sky diz que o ideal são 2 Mbps, mas a experiência do Sky Online será decente com menos banda: “provavelmente esse cliente terá que parar a transmissão e aguardar um pouco”, diz o presidente.

Testando o produto num lounge montado pela Sky antes da coletiva de imprensa, detectei a necessidade do plugin Silverlight da Microsoft para assistir os trailers do site. Assinantes da locadora virtual deverão também instalar um aplicativo específico de Sky Online.

Assista abaixo ao breve vídeo de teste feito pelo Pedro Burgos, o responsável por tocar o Gizmodo Brasil.


(Vídeo do YouTube)

Entre diversas metáforas a jogos de tênis que eu confesso não ter entendido, o presidente da operadora deixou bem claro que tem interesse em colocar Sky Online nos demais dispositivos (leia-se: smartphones e tablets). Entretanto, o serviço se limita a computadores porque eles constituem a maioria do parque instalado.

“Pode estar na sua televisão? Pode, basta você ligar a sua televisão no computador”, diz Baptista. “Não fizemos produto para atender 3% dos assinantes”, comentou sobre falta de suporte ao Xbox 360 e ao PS3.

Silverlight em tela cheia

Entre os recursos da Sky Online está a exibição de áudio original e de legendas em outros idiomas. Não ficou claro o formato de vídeo. Eu perguntei ao dirigente da companhia sobre o assunto. Resposta dele: o Full HD não é viável porque a banda larga brasileira não é tão larga a ponto de comportar a transmissão em altíssima definição.

A questão sobre o uso do Silverlight também foi levantada. A Sky sustenta que o plugin da MS é mais usado que o Flash, por exemplo, e daí vem a decisão de usa-lo. Também não há perspectiva de adotar padrões abertos de vídeo para o serviço de locadora.

O clube do Sky Online custa R$ 14,90 mensais e dá acesso a todos os conteúdos.

O Sky Online está em testes desde dezembro de 2011. Assinantes do serviço também terão acesso ao ESPN 360, site exclusivo da ESPN com transmissão de conteúdos que normalmente não vão para a tevê — assinanta da TVA também têm esse benefício.

Entrando na polêmica do Fox Sports, o presidente da Sky respondeu a este intrépido editor que o problema é puramente de preço. O preço do Fox Sports é caro e tentaram bancar isso no fim do ano passado, quando não havia mais tempo. Baptista sugere que a Fox do Brasil coloque o Fox Sports no canal Speed, já existente e que não possui uma programação de esportes “decente”.

Atualizado em 16/02 às 9h45.

  • Gaba

    “a banda larga brasileira não é tão larga”… kkkkkkkkkk boa…

    Agora, Silverlight mais usado que Flash? Hum….

    • http://www.emmanuelcarvalho.com.br Emmanuel Fotógrafo

      A verdade é que o Netflix usa (usava?) e imitaram…

      • Ramon Melo

        Pensei exatamente a mesma coisa.

  • http://twitter.com/MasterWebInter Yangm

    Essa Sky tá de brinks. Não roda em tablets, em smartphones, em consoles, em TVs, em SetTop Boxes, etc. e ainda não transmite em Full HD. Prefiro continuar com meu guerreiro Netflix que me permitia assisti-lo mesmo com pagamento BEM atrasado, em full HD no meu Xbox sem complicação nenhuma.

  • http://twitter.com/victorvasques_ @victorvasques_

    R$ 6,90 por 48hrs?! Não sei não, mas esse valor está um pouco caro para filmes alugados via internet…

    • Ramon Melo

      Não, é o valor padrão nos EUA. No Zune, cada filme em HD custa 4 dólares para alugar e acho que 10 dólares para comprar de vez. Eu só não sei se o “HD” deles é Full HD ou não.

  • http://nerdify.me Lucas Galvão

    Que preço mais absurdo…

    Pq não é 6~7 conto por filme, na real é o valor da assinatura de algum dos planos deles MAIS 6~7 reais POR FILME.

    Deveria ser 6~7 reais POR MÊS, seguindo o formato de preços do Netflix.

    Esse pessoal gosta de passar a faca na gente, que droga ¬¬

  • http://anicetrick.tumblr.com Gustavo Freitas (@axcdnt)

    Sem vídeos em Full HD? !Like. Pobre, muito pobre.

    • RClemente

      Isso. Sem vídeos em FULL HD e 7 Reais cada lançamento!!!!
      #classemediasofre

  • http://www.joomlastudio.com.br Turdin

    Bem, eu achei bom para um começo.

    Claro que precisam se aperfeiçoar mais pra frente, mas trazendo séries bem atualizadas por exemplo já é um grande avanço para nós, que atualmente quase não temos opções referentes a isso!

  • Wesley Jefferson (@wesleyjefferson)

    A GVT TV tb possui sistema de aluguel de filmes, mas é por esse preço tb. Acho muito caro. Melhor baixar da net.
    Se quisessem fazer um negócio competitivo mesmo, deveriam cobrar no máximo R$0,50 pelos filmes velhos q R$1,00 pelos filmes novos, de outra forma, eu vou preferir procurar um Torrent. Ou então fazer como o Netflix e cobrar um preço mensal para assistir conteúdo On Demand quantas vezes quiser.

  • http://twitter.com/leoberto @leoberto

    Sério que ele acha que apenas 3% dos assinantes da SKY tem Xbox 360 ou Playstation 3??

  • http://pensamentolateral.com/ Raph4

    Só não entendi qualé a da necessidade de ser assinante, já que é tudo pago à parte e não há nenhuma área para assinantes com conteúdo gratuito.

    Sobre precificação, acho normal, muita gente consome esse tipo de conteúdo na App Store, paga isso ou mais e acha ~lindo~ porque roda no Apple TV *.*

    Apenas o diferencial é o serviço: porco sem opção de full HD (e HD 720?) e com papinho de que não acham bom colocar nos consoles, por exemplo. Tosco.
    Pros dispositivos móveis tudo bem, logo sai, nos mesmos moldes de Netflix – em que os religiosos ainda reclamam de quem não quis esperar, mas aqui acham ruim a Sky não lançar tudo rodando, okay…

  • http://nada-aqui.posterous.com Marcio Neves Machado

    Putz, nem mesmo vídeo HD tem, para compensar esse preço? Continuo achando mais em conta a Netflix, mesmo tendo esse seu catálogo “antigo”. Pelo menos nessa eu ainda estou loooonge de esgotar tudo o que eu gostaria de assistir e que tem nela :)

  • http://pensamentolateral.com/ Raph4

    Epa, peraí que o post ficou bem incompleto. Acho até que cabe uma atualização. Fuçando rapidamente no site, descobri:

    Agora os assinantes da Sky terão acesso ao ESPN 360º – até então era só para assinantes Telefônica/TVA. E isso foi o que mais gostei :D
    O assinante só precisa usar as mesmas credenciais do site da operadora e atrelar à assinatura de tv.

    Há acesso a algumas rádios disponíveis na própria Sky (tv).

    E principalmente, há o “Clube Sky Online”, que cobra assinatura mensal de R$14,90 disponível para clientes Sky e cobrada na fatura mensal, onde o cliente terá acesso “ilimitado a centenas de filmes e séries, para assistir quando quiser”. Se filmes novos incluem-se ali, não ficou claro pelo que pude ver – mas suponho que não. Sim, sou assinante Sky, mas não assinei o serviço para testar.

    Assinando o Clube, também há acesso ao Campeonato Espanhol HD pelo site.

    • Scott

      “há o “Clube Sky Online”, que cobra assinatura mensal de R$14,90 disponível para clientes Sky”

      Completando: R$14,90 nos 6 primeiros meses. Depois vai para R$19,90.

    • http://about.me/thassius Thássius Veloso

      Tens razão quanto ao ESPN 360 e ao clube. Informações adicionadas ao texto.

  • http://twitter.com/RudineiTi @RudineiTi

    Serviços já nasce precário, não funciona em sistemas Linux.

    Preconceito ou falta de competência para desenvolver uma aplicação compatível com sistemas operacionais abertos?

    • http://www.fatsmemories.wordpress.com @mos_axz

      Os caras simplesmente olham pro Marketshare e decidem. Se eles não fizeram pra PS3 e X-Box 360, vão fazer pra Linux? Não sonha…

    • http://pensamentolateral.com/ Raph4

      Não é preconceito, isso é otimização de recursos. Ainda não desenvolveram app para iOS, Android, consoles, set-top-boxes, Mac e vão pensar logo no traço pontilhado das estatísticas?

      Puro market share. Linux não é 1% do Brasil e não deve ser 0,5% de quem paga tv por assinatura.

  • Thiago Sabaia

    Prefiro o NetMovies

    • http://about.me/thassius Thássius Veloso

      Por qual motivo?

      • http://www.thiagosabaia.net/ Thiago Sabaia

        Não curto muito a Sky, nada contra ela.

  • Cris

    R$6 por filme é um roubo… Na minha opinião deveria ser apenas assinaturas, filmes velhos R$15, filmes velhos e filmes novos R$30. Pronto ta perfeito.

    Mas não deveria precisar ter uma assinatura sky de TV, acho esse modelo de TV por assinatura de CANAIS uma porcaria, não quero ver canais, quero ver series e programas a hora que eu quero, não a hora que passar na programação.

    A GVT deveria ter telefonia móvel também, eu gostaria muito de pagar 15mbps de internet em casa e ganhar 1mbps de internet 3g móvel por exemplo. Com o valor de cerca de R$120 ter esses 2 serviços com franquia ilimitada nos dois. Não seria um modelo de internet que funcionaria melhor?

  • http://twitter.com/edisonlsm @edisonlsm

    Os filmes são usando Silverlight, mas a ESPN 360 usa o flash mesmo :D

  • http://www.maisev.com Arthur Silva

    agora seria interessante liberarem a Libertadores por 14,90/mês…

  • Alexsandro Rosa

    A SKY ta achando que somos todos trouxas, já ti cobram um absurdo por mês e não disponibilizam um conteúdo grátis para os clientes no SKY ONLINE. Cobram um aluguel de filmes que já passam diariamente no telecine e nos canais fuleiros de “entretenimento” que intercalam os dias para passarem os mesmos filmes. E os Filmes que realmente valem a pena alugar eles ti obrigam a “entrar para o clube“ ou seja pagar 14,90 por mês, mesmo já sendo assinante da SKY e o serviço segundo eles exclusivo para assinantes SKY. É F@#*! NÃO ASSINO ESSE SERVIÇO PORCO DELES. Se é assim continuo com o Netflix.

  • Leonardo

    . Quando se diz que por R$14,90 podemos assinar todo o conteúdo da Skyonline não é bem verdade. O que acontece de fato é que por esse valor temos apenas disponível o acervo da seção que a Sky chama de “clube”. Os títulos mais novos, que aparecem na tela inicial do site, não estão disponíveis por lá. Sou assinante do Netflix, assim como tabém da Sky convencional, e o que me motivou a fazer a assinatura da Skyonline foi justamente pensar que teria títulos mais novos à minha disposição, o que de fato não acontece.
    Por isso recomendo a quem pensar em assinar a Skyonline dar uma passadinha na seção CLUBE do site e olhar os títulos que realmente estão à disposição e não achando que os lançamentos também estarão. E diga-se de passagem, não entendi quando a Sky fala que primaram pela qualidade, já que deveriam primar também pela atualidade, que é onde acho que sites desse tipo pecam no Brasil. A Netflix americana, por exemplo, possue um catálogo totalmente atualizado em relação ao brasileiro. Estive recentemente por lá e com minha conta tive acesso a filmes bem recentes. Pena que no Brasil, por mais que muitas vezes paguemos até mais pelos serviços, sempre ficamos pra trás, de uma forma ou de outra.

  • Laje da Silva

    O engraçado da SKY, é que eles a uns 5, 6 anos atrás, 2006, 2007, fizeram um plano, onde você tinha acesso ao Cine SKY, na época nem tinha esse negócio de On Demand e Sky Online, e você tinha acesso ao Cine SKY. Hoje em dia é cheio de frescura para você assistir um lançamento, vários recursos High Tech, no entanto para assistir tudo isso, tem que pagar caro, e muito caro! Eu sei disso porque o meu primo teve esse plano da época, só que era caríssimo, pois englobava todos os canais, era pra lá de mais de 300 reais, acho que ele pagava 350 e pouco. Quando eu fui fazer, ainda perguntei para o pessoal da SKY, se esse serviço que meu primo tinha era piratex ou era legal. Me disseram que era legal sim, que a SKY fez esse plano em um determinado momento, mas que foi momentâneo, e que não tinha mais como fazê-lo. Porém os clientes que aderiram nesse período, continuam com o serviço. Eu fiquei puto, porque eu queria muito fazer. E o melhor é que além de eu ter acesso a toda rede Telecine e HBO, tinha acesso ilimitado ao Cine Sky, via filmes sem precisar comprá-los, uma vez que fazia parte do plano caríssimo do meu primo. Mas que valia a pena valia, oooo, se valia! No final do mês, o custo-benefício rendia.

Tecnocast

|

Faça seu login no Tecnoblog

Crie a sua conta

Esqueci minha senha