Negócios

Posts sobre compras, vendas, aquisições e negociações empresariais. Também traz informações sobre resultados financeiros das companhias.

thumb-apple-logo-azul

A Apple, fabricante dos computadores Mac e uma penca de outros produtos com a marca da maçã, estabeleceu nessa segunda-feira (20) um novo recorde na história econômica mundial. Devido a uma alta nos papéis da APPL na bolsa eletrônica Nasdaq, a companhia liderada por Tim Cook se tornou a mais valiosa de todos os tempos. Ironicamente, bateu a Microsoft, que detinha o recorde anterior num movimento de mercado estabelecido em 1999. Leia mais

thumb-ms-surface-azul

Os fabricantes OEM certamente não ficaram nada felizes com a entrada da Microsoft no mercado de hardware com o tablet Surface, mas até agora as empresas não haviam declarado sua insatisfação. Isso acaba de mudar: JT Wang, CEO da Acer, abriu a boca e criticou publicamente a nova estratégia da Microsoft, afirmando que esses planos poderiam criar um “impacto negativo” no ecossistema de PCs.

Leia mais

thumb-galaxy-s3

Um dos smartphones mais desejados do momento confirma sua preferência junto ao público. Um diretor da divisão da tecnologia da Samsung revelou que o Galaxy S III já vendeu 10 milhões de unidades no mundo. Este ritmo de vendas estaria acima daquele visto com outro campeão, o Samsung Galaxy S II. Leia mais

thumb-sparrow-google

Talvez o Google tenha encontrado o parceiro ideal para promover melhor o Gmail dentro dos dispositivos da Apple. Foi lá e o comprou, claro, como é de costume para os buscador gigantesco. Hoje no início da tarde (horário de Brasília) o site do Sparrow, um popular cliente de email para Mac OS (também chamado de OS X) e iOS anunciava que o negócio tinha se concretizado. O Google agora é dono do Sparrow. Leia mais

thumb-ballmer-ces

A rivalidade entre Microsoft e Apple era mais forte na década de 90, quando Bill Gates e Steve Jobs brigavam para conquistar o mercado com seus softwares e computadores pessoais. Com o lançamento dos iPhone e do iPad, a maçã ganhou valor de mercado e a Microsoft perdeu espaço nos dispositivos móveis. Steve Ballmer admite a falha, mas quer voltar aos velhos tempos. Em entrevista ao CRN, o CEO disse que a Microsoft “não vai deixar espaço livre para a Apple”.

Leia mais

ArtPod20-thumb

Existem dezenas de livros sobre como empreender, como se tornar um empresário de sucesso ou como ficar milionário facilmente. Neste episódio do podcast nós abordamos o assunto com três convidados especiais que fazem a diferença na internet brasileira: Carlos Merigo, criador do Brainstorm9; Felipe Neto, o fundador da produtora Parafernalha; e Jonny Ken, que popularizou os encurtadores com o Migre.me. Leia mais

thumb-rim-blackberry

A Research In Motion divulgou nesta quinta-feira (28) seus resultados financeiros do primeiro trimestre do ano fiscal de 2013 e os resultados não foram nada animadores: a fabricante do BlackBerry acumulou prejuízo operacional de US$ 518 milhões no período, anunciou a demissão de 5 mil funcionários e deixou avisado: o novo sistema do BlackBerry só chega no ano que vem.

Leia mais

thumb-yammer-logo-press

Uma rede social até então obscura acaba de ser comprada por outra que você certamente conhece. A Microsoft, comandada por Steve “Developer! Developers! Developers!” decidiu pagar US$ 1,2 bilhão pelo Yammer, um serviço que funcionava de maneira muito similar ao Facebook, porém focado no ambiente corporativo. Uma rede social para trabalhar, o que a difere da rede de Mark Zuckerberg e do LinkedIn, que também possui foco no mercado corporativo, porém de outra ordem. Leia mais

thumb-htc-rezound

O site Mobile Time, especializado em cobrir o mundo dos dispositivos móveis, informa nessa quinta-feira que a HTC vai encerrar a operação que mantém atualmente no Brasil. De acordo com o site, funcionários da subsidiária no Brasil receberam comunicado nessa semana avisando sobre a demissão coletiva de “poucas dezenas de pessoas”. Leia mais

thumb-facebook-logo-divulgacao

Alguns rumores já apontavam para tal fato. Hoje se confirmou a compra da empresa Face.com, especializada em tecnologia de reconhecimento facial, pelo Facebook. O anúncio foi feito na página da Face.com, onde a companhia presta esclarecimentos sobre a “incrível notícia”. Não poderia ser mais óbvio o que a rede social idealizada por Mark Zuckerberg pretende fazer com as propriedades intelectuais da mais recente aquisição. Leia mais