ft-cowbird

Se você é apreciador de conteúdo de qualidade, especialmente quando minerado a partir de startups com qualidade real e ótima atenção aos detalhes, pode ser que aquele seu desânimo com toda aquela bobagem interweb afora ganhe um novo fôlego e boas razões para manter a fé na internet.

Pessoalmente, vejo o Cowbird — projeto lançado essa semana pelo artista e engenheiro de internet Jonathan Harris — como uma daquelas coisas que me dá motivos para jamais perder o entusiasmo com a web. Ele combina fatores únicos quando procuramos separar bem o joio do trigo: texto, som, imagens, links, mapas, dedicatórias, linhas do tempo ou um misto de todos eles. E não, o Cowbird não está competindo com o Facebook ou o Tumblr, nem de longe… Leia mais

facebook-historico-download-thumb

O Facebook anunciou ontem uma mudança em relação ao modo como disponibiliza os seus dados pessoais. O post publicado pelo setor da rede social responsável pela privacidade diz que a partir de agora os usuários poderão baixar mais das suas informações pessoais que publicam. Originalmente criada em 2010, a nova liberação de dados tem agora 39 categorias e dentre elas estão álbuns de fotos, posts públicos, eventos, notas, mensagens enviadas e até sua lista de amigos. Leia mais

thumb-chrome-sync-abas

A sincronização de abas num navegador é um recurso que pode poupar minutos e fios de cabelo. Imagine que você estava acessando sites interessantes em casa e quer mostrá-los aos seus amigos no trabalho, mas esqueceu de favoritá-los antes de desligar o computador. Na nova versão do Chrome, bastará clicar num botão para restaurar abas que estavam abertas em outros dispositivos, incluindo smartphones e Chromebooks.

Leia mais

frenchwebsecurity

Quem assistiu as notícias do mundo na última semana deve certamente ter ouvido falar sobre o caso de Mohamed Merah, um jovem cidadão francês de 23 anos acusado de abater fatalmente três policiais, um rabino e três crianças judias em uma escola.

O resumo da história foi o que se vê quando um criminoso é encurralado por forças policiais e não quer se render: sem muita conversa, especialmente quando ele está sozinho, a polícia invade e o resultado é frequentemente uma troca de tiros cuja nota que sai em seguida no jornal diz apenas o óbvio. Polícia 1, bandidos 0.

Embora, nesse caso, ninguém tenha vencido nada.

Leia mais

thumb-ethernet-gen

Enquanto no último mês de outubro o mundo offline chegou a assustadores 7 bilhões de habitantes, em março de 2011 a internet chegou a uma respeitável população de 2,1 bilhões de pessoas, afirma um estudo da empresa Pingdom divulgado na quarta-feira. Desta maneira, o número de usuários da web superou a população mundial no início da década de 1930, que era de 2,07 bilhões. Leia mais

thumb-rj11-sub-offline

Depois da capital do país ser tomada por uma revolta popular, o governo sírio resolveu fazer o que todo o governo totalitário faz ao perceber que manifestantes podem se organizar pela internet: cortou seu acesso completamente. Segundo a Al Jazeera, especializada em cobrir conflitos no Oriente Médio, os cidadãos sírios perderam o acesso por meio de redes de banda larga 3G, DSL e até por conexões dial-up.
Leia mais

thumb-televisao-hdtv-bravia

Apesar da televisão ainda ser o entretenimento número um das famílias chinesas, uma pesquisa mostra que os tempos podem estar mudando rapidamente no país da grande muralha. De acordo com dados de uma pesquisa realizada pela empresa CTR China (link traduzido para o português), entre os anos de 2009 e 2010 o tempo gasto se assistindo TV caiu 42,5% no país, enquanto o tempo gasto navegando pela internet cresceu 44,8%. Leia mais

cabo-cobre-thumb

Já sabemos que um governo consegue ser tirano o bastante para desativar o acesso à internet de um país inteiro e deixar sua população com páginas em branco nos seus navegadores. Vimos isso acontecer mais recentemente no Egito e pouco depois na Líbia, mas em ambos os casos se tratava de de uma intervenção oficial. Agora foi a vez de uma intervenção acidental causar o mesmo efeito: uma senhora de 75 anos deixou parte de dois países sem acesso à internet por horas.
Leia mais

Por mais que os governos autoritários tentem manter a população sem internet para conter possíveis protestos e a divulgação de informações sobre eles, seu povo vai encontrar formas de transmitir para o mundo as informações que quiserem. Foi assim no Egito e na Argélia, que foram ajudados com a ajuda de linhas de telefone e conexões dial-up. Dessa vez é a Líbia que entra na lista de países com conflitos internos que também vai precisar recorrer a esse tipo de acesso.
Leia mais

argelia-bandeira-thumb

A Argélia entrou nesse sábado na lista de países que já desligaram a internet do país. Diferente do Egito, que demorou pouco mais de duas semanas para desligar a internet, tentando evitar que o resto do mundo soubesse o que estava acontecendo dentro do país, o governo da Argélia não quis esperar e foi logo mandando todos os provedores desplugarem os cabos. A causa do desligamento foram os protesto pró-democracia que começam a tomar forma em meio à população argeliana argelina.
Leia mais