Início » Internet » Google fica mais inteligente com o Knowledge Graph

Google fica mais inteligente com o Knowledge Graph

Buscador mostra informações básicas sobre o que você está procurando.

Por
7 anos atrás

O Google anunciou um novo recurso no buscador que poupará algum tempo dos usuários. Chamado de Knowledge Graph, a funcionalidade traz informações sobre o termo pesquisado diretamente na página de resultados da busca, como dados demográficos de cidades, datas de aniversário de pintores ou nomes dos filhos de uma cientista.

Hoje funciona assim: se você estiver interessado em saber quais são as descobertas científicas mais importantes de Marie Curie, pesquisa pelo nome da cientista no Google e imediatamente clica no link para acessar a Wikipédia. Com a novidade em funcionamento, o algoritmo analisará o que você pesquisou e não exibirá apenas os resultados orgânicos tradicionais, mas também dados úteis na barra lateral direita. Assim:

Você acessará a Wikipédia menos vezes.

No exemplo, o Google também informou em quais instituições Marie Curie estudou, sua data de nascimento e até os nomes dos filhos, além de sugerir personalidades relacionadas, como Albert Einstein e Louis Pasteur, aquele cara que contribuiu para tirar da cabeça das pessoas que a vida poderia ser criada a partir de meias sujas ou algum outro objeto sem vida.

O buscador agora também traz respostas diretas a uma pergunta feita por você, deixando o Google mais parecido com um Wolfram Alpha da vida – gráficos de funções ele já faz há algum tempo. O Google Operating System exemplificou alguns termos que retornam resultados rápidos: distância da Terra até a Lua, integrantes do Queen, idade do Mark Twain e os filmes de Star Wars, na ordem em que foram lançados.


(Vídeo do YouTube)

Os dados do Knowledge Graph também poderão ser acessados pela interface mobile e por aplicativos do Android 2.2+ e iOS 4.0+. O recurso está sendo distribuído aos poucos apenas para os usuários norte-americanos e vem logo após a Microsoft anunciar modificações bem semelhantes no motor do Bing. Algum dia ele chega ao Brasil.

Com informações: The Verge.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.