Início » Jogos » Diablo III: o que deu certo e o que deu errado

Diablo III: o que deu certo e o que deu errado

Avatar Por

Nas últimas semanas recebi um desafio um tanto complexo: testar Diablo III, um dos mais — se não for o mais — aguardados títulos para 2012. Logo de cara, ao jogar Diablo III pela primeira vez, fiquei impressionado com o fato de ser um jogo completamente diferente da versão beta. D3 foi um caso raro em que perto do fim do ciclo de desenvolvimento, os produtores não satisfeitos com o game resolveram refazer o game design por não estar bom o suficiente.

De fato, as mudanças deram uma dinâmica completamente diferente ao game, tanto é que a resenha do Beta nem deve ser levada em conta como comparativo para o game final.

O sistema de skills chamou minha atenção. A cada novo level, o jogo cuida automaticamente da tarefa de selecionar pontos de atributo como força, inteligência ou destreza. O processo de avanço pelo jogo apenas permite a escolha de quais skills serão usadas pelo jogador e de tempos em tempos, poderá escolher runas para aprimorar alguma de suas habilidades. Bem simples, mas permite uma infinidade de combinações de habilidades e diferentes estrategias para cada uma das cinco classes disponíveis.

Diablo III, como todos os lançamentos da Blizzard nos últimos dois anos, também recebeu uma tradução completa para português. Textos, legendas e até detalhes nos videos entre capítulos são tão bem trabalhados que por vários momentos você se convence de que o jogo foi feito em outro país. Mesmo com a dublagem sendo bem profissional, em alguns pontos você se pega rindo um pouco ao identificar vozes de dubladores conhecidos, como por exemplo, a de um mercador em Nova Tristam que ganhou a voz do mesmo dublador do Seu Madruga.

Talvez o maior problema de D3 seja a necessidade de jogar 100% conectado a internet. A falta de um modo offline pro single player simplesmente frustra ao jogar em horários de pico. Mesmo com uma conexão de 20 Mbps de download e não usando absolutamente mais nada na rede além do game, enfrentei diversos pontos com lag em que o jogo ficava lento ou ainda parava de responder até dar erro de timeout. Nos primeiros dias também foi bem complicado tentar entrar na conta por conta da quantidade de jogadores logados, mas esse problema não vi ocorrer novamente nos últimos dias, embora o problema do lag volta e meia esteja presente.

No fim das contas Diablo III é um jogo com bastante ação e bem viciante, seja você já fã de longa data da série ou um novato no mundo de Santuário. É possível comprar o game por R$ 99,00 na Battle.net (download) ou em diversas lojas pelo país a partir do dia 6 de junho.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Chris Rocha
Fui comprar o jogo para ps4, e me assustei com o preço! 269 reais ?????? Cancelei a compra! Nem é lançamento, para custar este preço. Lançamentos como Batman arkhan Knight, Witcher 3 custam 215 reais.
Lucas Lemos
Eu juro que li Sr. Sapo. UASHAUSHAS'
Forbidden_404
E o jeito mais sem graça ): Cade seu espírito de engenheiro do facebook?
YanGM
Um auto-clicker seria uma solução mais barata e fácil...
Marcelo Carvalho
Eu que não conheço o jogo, achei boa a review do cara, aqui tem muita gente que quer aparecer...
Gabriel Mettrau
Entrei e vi os likes e fiquei tipo WOW hahaha... Não faço ideia de quem foi, mas tudo que eu falei foi de coração, o texto ficou extremamente caído, quem sabe no próximo ;)
Alexandre Ribeiro (@alxbr)
Concordo com vc, tenho uma conexão de 2 megas de GVT, e tive ZERO problemas de lag, timeout ou desconexão. Tenho mais de 120 horas jogadas no meu char principal e outras tantos nos outros, e baseado na minha experiência junto com as informações que troco com os amigos que tem jogado junto, problemas de lag é na ponta do usuário, não nos servidores da Blizzard. Teve um dia que três amigos estavam reclamando de lag, enquanto que para outros o jogo estava normal, verificamos e os três que estavam reclamando usavam Net Virtua...
Renan A Mendonça
Que não era para ser um review a gente sabe. Mas para quem está no game, e sabe exatamente o que deu certo e errado, para a gente o Gus não falou absolutamente nada, do que tinha para falar. Da próxima vez, pede pro Izzy dar uma lida, que com certeza ele não deixaria isso sair da pauta.
Alexandre Ribeiro (@alxbr)
Michele Santos, vc não entendeu o espírito das dublagens do jogo... Sim, o fato de ter mercadores e npcs em geral falando um inglês com sotaque indiano ou britânico é intencional, quando vc se move pra uma região diferente do mundo, o sotaque muda, justamente pra criar essa impressão de que vc está em outro lugar do mundo... Eu particularmente achei muito foda...
Alexandre Ribeiro (@alxbr)
Vim preparado para ler uma extensa lista e me deparo com isso... Decepcionante... Parece que o autor teve que correr pra fazer outra coisa e resolveu postar o texto desse jeito mesmo. E olha que o jogo tem MUITO sobre o que se falar...
Gaba
Sim, com a URL da pra fazer um loop, fácil fácil...
Forbidden_404
É verdade, mas eu também achei uma url, ai com isso eu tava tentando fazer um shell script, falta do que fazer mesmo
LuizGadetto
Ótimas informações Renan!
Gaba
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...
Turdin
Se você clicar rápido o suficiente você antes do botão ficar faded você pode clicar quantas vezes quiser. Isso sem falar que dá pra fazer um script fácilmente
Exibir mais comentários