Início » Telecomunicações » IPv6 será ativado permanentemente em 1 semana; eis o que você precisa saber

IPv6 será ativado permanentemente em 1 semana; eis o que você precisa saber

Com o lançamento do novo protocolo a transição do IPv4 fica cada vez mais perto.

Avatar Por

O protocolo IPv6 já está sendo testado há bastante tempo, não só por provedores de internet como também por grandes sites e fabricantes de equipamentos de redes. Na semana que vem a fase de testes acaba. Como previsto no início do ano, o dia 6 de junho é a data escolhida para ativar permanentemente o IPv6 em servidores do mundo inteiro, começando a inevitável transição do IPv4. Eis abaixo o que você precisa saber sobre este fatídico dia.

Mudará algo na minha conexão? Não. O seu modem, roteador, celular com conexão de dados e qualquer outro equipamento de rede um pouco mais antigo não vai suportar o IPv6 já de cara. A menos que a fabricante deixe bem claro, o IPv4 vai ser o padrão no equipamento. Grandes nomes como Cisco e D-Link já fabricam roteadores com suporte ao IPv6 desde o começo do ano e avisam na embalagem sobre o suporte, mas a quantidade de modelos ainda é pequena – veja a lista da D-Link e a lista da Cisco.

Fato é que o IPv4 vai estar presente por anos a fio após a adoção completa do IPv6. Haverá um dia em que os provedores vão ter que inevitavelmente vender conexões com IPv6 se quiserem continuar conquistando clientes, mas esse dia ainda está um pouco distante. E os primeiros provedores que passarão por isso serão os asiáticos, visto o tamanho crescente de usuários na região.

Também já existem os apressados early-adopters que já estão usando o IPv6 por meio de um tunnel broker (como por exemplo o SixXS, que já expliquei como funciona nesse post), que emula um endereço com esse protocolo em cima do IPv4. Esses poderão ver alguma vantagem na transição, já que os sites ficarão com o protocolo permanentemente ligado. Nenhum provedor de internet no mundo está comercializando ainda as conexões com IPv6, visto que ainda existem IPv4 para distribuir. Mas com o esgotamento do protocolo antigo, essa realidade fica cada vez mais perto.

O que eu vou conseguir acessar com IPv6? Dentre os sites que ativarão permanentemente o protocolo estão o Google, Facebook, Netflix, YouTube, Yahoo e diversos da Mozilla e da Microsoft. Não há muita surpresa aí, visto que o tamanho das empresas por trás desses sites praticamente as obriga a suportar o protocolo desde o lançamento – afinal de contas, se você não puder acessar o Google ou Facebook com IPv6, qual a utilidade de tê-lo né?

Existe algum provedor brasileiro na brincadeira? Aqui no Brasil, talvez por não ter preparado sua infraestrutura ainda, nenhum provedor de internet quis participar do lançamento – embora as redes da UNESP e o PoP de SP da RNP estejam listadas como participantes. Mas entre os portais que devem ativar o protocolo no próximo dia 6 temos o Terra, NIC.br, Registro.br e o site de várias universidades federais e estaduais (confira a lista completa).

Quais as vantagens de usar o IPv6 então? Agora, neste exato momento, nenhuma. Se você decidir usar apenas IPv6 (o que não é exatamente muito fácil), terá acesso a menos sites do que com IPv4 pois nem todos já implementaram o suporte ao novo protocolo ainda. Um usuário com o IPv6 apenas não pode nativamente acessar um servidor com IPv4 apenas (e vice-versa), eles não são protocolos retrocompatíveis. Existem várias propostas para ativar essa interoperabilidade, mas elas ainda estão sendo discutidas.

Quando o IPv6 já for amplamente adotado, cada dispositivo na internet terá seu endereço único, o que permitirá que eles sejam acessados diretamente sem a necessidade de um roteador comandando – ele só será necessário para ligar os dispositivos à web. Fora isso, a quantidade de números IPv6 disponíveis é enorme, comparado com o IPv4 – são 340 undecilhões de endereços, ou 340 seguido de 36 zeros. Então a principal vantagem é que não será necessário trocar novamente de protocolo por um longo, longo tempo.

Onde saber mais sobre esse tal de IPv6? O novo protocolo não é um bicho de sete cabeças. Já fiz um post em fevereiro do ano passado com um apanhado geral de tudo o que você precisa saber sobre ele. Mas se quiser ainda mais detalhes, o NIC.br tem um guia infinitamente mais completo. Também recomendo a página da Wikipedia em inglês que tem diversas outras informações. E no site do World IPv6 Launch há um contador regressivo para o dia 6, caso você queira preparar fogos de artifício.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

tiago pereira
vai ter tdo q existe dhcp, dns. so nao vai mais a mascara de subrede pq ela vai vir no prorpio ipv6.
tiago pereira
os 2 rodam juntos. agora. apos um tempo somente ipv6. ate la todos os servicos e provedores estao fazendo migracao para ipv6.
tiago pereira
a partir do xp ja tem ipv6, linux e mac tb.
Felipe
Galera diz ai, com a implantação de IPV6, não será mais necessario servidores DHCP e NAT, ja que teremos um tamanho ignorante de ip's? Não sermeos mais "mascarados"? todos nós estaremos com o ip real trafeganod na net? Será que assim eu poderei compartilhar minha impressora pro mundo?
@xrenan
pics or didn't happen...
@ajscaldas
Olha felizmente não sou mais usuário do Oi Velox, mas lembro sim da Oi liberar o V6 aqui em manaus, e funcionava via sprintv6, funcionava qualquer site de teste ipv6 normalmente. Infelizmente na época eu não tirei screenshot, mas vou tentar vem com alguém que tenha. http://adrenaline.uol.com.br/forum/internet-redes/216652-ipv6-ja-esta-funcionando-no-velox.html Tópico meu >D
Rodrigo Salvo
Olá Jorge, Segue abaixo um link que pode te ajudar um pouco sobre as questões de endereçamento IPv6. http://www.ti-redes.com/ipv6/intro/
Rafael Silva
Opa, também quero detalhes. Busquei no Google e não encontrei nenhuma referência à Oi testando IPv6 na sua rede, muito menos em Manaus. Tem algum anúncio oficial ou coisa do tipo? Screenshot de Ping6 com IP?
Fábio
Muito bom seu texto cara, para uma pessoa que quer apenas saber um pouco sobre o assunto, ficou perfeito, os links para se aprofundar também são ótimos, creio que ainda vai demorar para o uso de IPv6 se tornar algo padrão tanto no Brasil quanto fora dele, vamos esperar, a migração vai ser lenta, não tem jeito mesmo.
Felipe Autran
Cara, claro que dá. Imagina se todo mundo tivesse que comprar um roteador novo pra continuar acessando a internet. Ia ser o caos. Leia o texto com mais atenção, todas as informações estão bem claras.
@vine_mdw
eu sei, porém não nativamente
msmosso
Ops! Perdão. O comando correto é 'netsh int ipv6 install'.
msmosso
O Windows XP suporta sim o IPV6, é só instalar o protocolo com o comando 'netsh ipv6 install' no prompt.
Turdin
Eu acho um pouco dificil não ter dúvidas sobre rede interna, segurança dos equipamentos e coisas do tipo :S
José Cordeiro Junior
dúvida... comprei um router dia 29-05, é um TL-WR740N da TP-LINK e creio que ele nao suporta o IPV6, de cara, dia 6 de junho ja vou ter que comprar outro? oO' será que nao vou poder estar usando ele por mais tempo, tipo uns 5 meses? ou caso dos 7 dias da compra, eu posso devolver e pegar um que ja aceite ipv6? o que faço? please somebody help me...!!!
Exibir mais comentários