Início » Negócios » Google compra suite de escritório Quickoffice

Google compra suite de escritório Quickoffice

Quickoffice tem versões para Android, iOS e Symbian e será integrado ao Apps.

Paulo Higa Por

O Google nem acabou de comprar o serviço de bate-papo Meebo e já foi fazer a feira novamente. Dessa vez, a gigante de Mountain View anunciou a aquisição da empresa que desenvolve a suite de aplicativos Quickoffice. O valor da transação não foi divulgado, mas considerando que o Quickoffice Pro para Android possui entre 100 mil e 500 mil instalações e uma licença custa entre R$ 30 e R$ 40, podemos dizer que vários milhões de dólares saíram dos cofres da empresa comandada por Larry Page.

O anúncio foi feito por Alan Warren, diretor de engenharia do Google. Alan afirma que a suite será mais integrada com os produtos da empresa: "Hoje, usuários, empresas e escolas utilizam o Google Apps para fazer seus trabalhos de qualquer lugar, com qualquer pessoa e em qualquer dispositivo. O Quickoffice tem um bom histórico em permitir a interoperabilidade com os principais formatos de arquivos, e nós estaremos trabalhando para trazer sua poderosa tecnologia para a nossa suite de produtos Apps".

Quickoffice: agora powered by Google.

O Google é conhecido por comprar empresas e disponibilizar gratuitamente produtos que antes eram pagos. Foi assim com o Analytics, derivado do caro Urchin, e com a tecnologia por trás do freemium Picnik, que foi implementada no Picasa. Apesar disso, ainda não há indícios de que os US$ 14,99 cobrado pelo Quickoffice para smartphones ou os US$ 19,99 na versão para tablets sejam zerados tão cedo.

Ainda não sabemos exatamente como o Quickoffice ajudará o Google, mas a enorme base de usuários da suite (são mais de 300 milhões de instalações) deve contribuir bastante com novos clientes, especialmente corporativos, no Google Drive. Além disso, com rumores sobre um possível Microsoft Office para iOS chegando no fim do ano, o Google ganha um produto para entrar na briga de suites de escritório mobile. Quais são suas apostas?

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Alex Teixeira da Costa
Bom nem sei se é motivo para colocar para brigar QuickOffice e Microsoft Office, o fato é que agora o Android vai ter uma suíte de escritório de graça, o Microsoft Office é pago e é fato que ainda é a melhor suíte de escritório que existe, porém não quer dizer as outras sejam ruins.
YanGM
Foi muito estranho, talvez a culpa fosse do meu cérebro.
Forbidden_404
Eu nunca precisei mesmo, até em trabalho escolar, cada um dividia sua parte. Mas a faculdade vai começar, quem sabe eu comece a usar
YanGM
Uma vez eu fiz um trabalho escolar pelo Docs, era apresentação e talz, atendeu muito bem a mim e aos meus colegas, com a edição em tempo real, etc. Porém, quando fui fazer um trabalho de História, não me senti confortável com nenhuma solução online (nem o Office 365, nem o Docs). Só consegui fazer usando o Office Starter.
YanGM
Nem trollar o maluco consegue. Cara, se joga.
@emvbase
É está bem claro que o Google está montando uma estrutura de concorrência à MS. O quickoffice é uma boa e compatível suite para smartphones e melhor ainda na versão HD feita para tablets. Obviamente que o Office é onipresente nos escritórios e as versões opensource ainda tem muito chão para chegar nele (talvez nem cheguem e fiquem no básico uma vez que a barreira de patentes que deve cercar o Office torna impossível ter certos recursos dele portados para o opensource). O Meebo vai tornar o Gtalk onisciente em IM's falando com quase todas as redes inclusive o MSN. Contra o Skype eles já tem o Google Video que integrado ao Gtalk e aos recursos do Meebo vai extender o serviço. Drive versus Skydrive A única parada que o Google ainda não levou é a rede social... Visto que o Google+ não deslancha e a MS tem um relacionamento forte com o Facebook (serviço skype de video no chat, office 360 online direto no facebook)... Vamos ver em que pé fica a briga agora.
Turdin
Daqui a pouco a Google compra minha casa
Jorge
O Chrome OS é só nuvem eu acho que tá um pouquinho longe de competir com o Windows. Desde que me entendo de gente tem QuickOffice, inclusive usava no Windows Mobile, porém até hoje tá longe de bater o Office. Pode achar ruim ou bom, mas é incrível como a MS vende o Office num mundo de pirataria tão grande! Ganha muito! MSN hoje em dia está MUITO integrado ao Facebook, neste crio que seja uma enorme vantagem. Google tá se posicionando para a MS não ganhar terreno nos tablets? Ele nem ganhou terreno, imagine impedir isso do Windows. Vamos com calma né, acho que o povo esquecer, pode brincar de tela azul, vírus, mas rir muito, mas o Windows domina e dominará por muito tempo, não vejo android como concorrente dele.
Rennan Alves
Mas o Chrome OS não é voltado para a nuvem? Logo, não faz muito sentido adquirir um editor off-line se você vai estar online de qualquer jeito. Faria mais sentido se fosse investir no Android.
andre_RH
eu recebi um email do Quickoffice vo até manda ela em email para o podcast
andre
Quero um editor TeX/LaTeX e o frontend LyX! Também quero compilador C++11 e boost!
Kessler
O sonho molhado dos freetards é ter algum programa pra competir com o Office. Pena que não vai acontecer tão cedo.
Forbidden_404
Por incrível que pareça, nunca precisei usar Word, Quickoffice e tal... me contento muito com o evernote, ainda não precisei fazer nenhum doc, então... Mas a Google tá indo mesmo as compras, hein?
@falecomlara
Finalmente macros!
Luandersonn
E quebrar o país.
Exibir mais comentários