Início » Mobile » Boot to Gecko vira Firefox OS e recebe apoio de fabricantes

Boot to Gecko vira Firefox OS e recebe apoio de fabricantes

Por
6 anos e meio atrás

A Mozilla anunciou hoje a evolução do seu projeto Boot to Gecko, sistema móvel baseado em tecnologias web. O sistema agora se chama muito intuitivamente Firefox OS e tem vários parceiros apoiando o seu desenvolvimento, entre eles as fabricantes Alcatel e ZTE e as operadoras de telefonia celular Sprint, Telecom Italia, Deutsche Telekom e Telefônica, dentre outras.

A ideia do Firefox OS é ser completamente baseado em tecnologias que usam padrões web, como o HTML5, CSS e outras. Mas não espere ver o sistema rodando em smartphones caros e com hardware potente – além dos testes, que foram feitos com o Galaxy S II, dentre outros. O foco, como já sabíamos desde abril, vai ser mesmo aparelhos de baixo custo.

A empresa já mostrou uma prévia de como ele deve funcionar durante o Mobile World Congress 2012 que aconteceu em fevereiro. O pessoal do The Verge gravou um vídeo com um aparelho de teste rodando o sistema, que você confere abaixo.


(Vídeo no YouTube)

Como o foco do sistema serão os smartphones low-end, a Mozilla e suas parceiras decidiram lançá-lo primeiro em mercados em desenvolvimento, o que aumenta a chance de adoção. Por isso os primeiros aparelhos do mundo com o Firefox OS devem ser lançados aqui no Brasil. Pelas mãos da Vivo e provavelmente pela TIM também, já que as duas empresas-mãe delas (respectivamente, Telefônica e Telecom Italia) são apoiadoras do projeto. O lançamento está previsto para o começo de 2013.

O mercado de smartphones low-end é recheado de aparelhos Android que não são exatamente otimizados para esse tipo de hardware, então é bom ver uma empresa investido nesse campo. Se ele vai fazer sucesso ou não, é algo que ainda não dá para saber por enquanto.