Início » Jogos » Eis aqui o cinematic de Mists of Pandaria (em português!)

Eis aqui o cinematic de Mists of Pandaria (em português!)

“Perguntar por que lutamos é perguntar por que as folhas caem. É da nossa natureza.”

Avatar Por

Com lançamento mundial agendado para 25 de setembro, daqui a pouco mais de um mês, o game Mists of Pandaria promete muito. E a Blizzard nos fez o favor de liberar a animação de abertura (também conhecida como cinematic) durante a feira de jogos Gamescom, que acontece durante esta semana na Alemanha. Pois bem, fique à vontade para dar play no vídeo a seguir e acompanhar em primeira mão a abertura do game.


(Vídeo do YouTube)

Esse Pandária (com acento em português) do título na verdade é um continente perdido ao qual gamers do mundo inteiro poderão ir a partir de setembro próximo para conhecer masmorras esquecidas e participar do que a Blizzard chama de “ponto crítico no conflito entre a Horda e a Aliança”.

“Perguntar por que lutamos é perguntar por que as folhas caem. É da nossa natureza.” Com essas palavras, o cinematic convida o jogador para uma nova aventura. E, embora a continuação de World of Warcraft só chegue no mês que vem, consumidores brasileiros podem já participar da pré-venda no site da Blizzard. Eles aceitam cartão de crédito nacional, transferência bancária e boleto bancário, de acordo com a companhia. A edição Standard custa R$ 79,90 e a versão Digital Deluxe, com todos os itens virtuais para colecionador, custa R$ 119,90.

Aposto que há leitores descontentes com a versão dublada do cinematic. Por enquanto é essa que nós temos aqui. Estamos à procura da versão em inglês, tida por alguns como “original”, para complementar este artigo. De qualquer forma, devo dizer que estou impressionado com o trabalho desenvolvido pela Blizzard. Gosto de animações em português, então para mim não faz a menor diferença assistir ao conteúdo dublado. Opinião pessoal minha, naturalmente.

Atualização às 12h32 | O cinematic em inglês está no YouTube. Siga este link. Obrigado ao leitor que se identifica como Aldo por avisar.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Carlos
Tem gente falando que "tá muito Kung-fu Panda", mas os pandaren já apareceram no Warcraft3: The Frozen Throne, jogo mais velho do que o Kung-fu Panda. Portanto, WoW não copiou o filme, só pegou de seu próprio lore.
Elora
Quero muito ser um Panda *------------*
Vitor
Parece muito com um outro panda né? Será que rola processo?
RenatoJG
Tem uma reportagem da Globo News que mostra muito bem esse departamento de cinematics da Blizzard... E realmente, é como se fosse uma Pixar mesmo.
Thiago
Muito bem notado @jcleberlima No inglês o sentido é que os Pandas lutam para proteger, enquanto humanos e orc lutam por natureza. No português isso se perdeu totalmente, com apenas uma palavra diferente, no caso "deles" trocada por "nossa".
Smess
O que ele carrega no final do vídeo (3:20) é uma bebida. Na verdade é o mestre cervejeiro Chen Stormstout: http://www.wowwiki.com/Chen_Stormstout
Thássius Veloso
Bom comentário! Teve diretor técnico da Pixar chamando a Blizzard de "imagem no espelho" do que a empresa legendária de Steve Jobs faz nos cinemas.
Aldo O.C.
Esse Panda é um dominador de Ar. rs
@trovalds
Vi em inglês e português, o dublado não ficou devendo nada pro original. Aliás, de todos os cinematics o que ficou com a melhor dublagem sem dúvida foi esse. Agora uma coisa que eu fico me perguntando: e se a Blizzard resolver fazer um longa animado? Os cinematics são algo fantástico, os detalhes dos personagens são um caso à parte! E quem, além de mim, reparou que a roupa do panda está "apertada" e a parte da barriga está desabotoada? Bem estilo cachaceiro barrigudo de buteco mesmo.
@jcleberlima
IMHO (na minha humilde opinião), a minha única restrição quanto a dublagem, é que às vezes ela é feita de forma errada e muita vezes se perde o verdadeiro sentido. Por exemplo, a primeira frase em inglês está diferente da versão dubla: Nos 20/21 segundos iniciais (quando aparece os dois navios) o Panda diz: "it's in THEIR nature" (está na natureza deles) e não "é da NOSSA(our em inglês) natureza". O que faz todo sentido com a filosofia Zen Budista dos Pandas e combina perfeitamente com o texto final onde o Panda diz: "For my kind the true question is what worth fight for" (para minha espécie/raça a verdadeira pergunta é: Pelo o que vale a pena lutar). O texto (um pouquinho antes disso) também condiz com a tradução que proponho aqui. Outra vez, isso é apenas a minha humilde opinião, onde, eu quero a versão correta das traduções e não a tradução "livre".
Flavio Amorim
só eu que ao ver a img lembrou do Amber no dota ? '-'
@AntonioVeras
Fascinante. Se eu tivesse outra vida, eu jogaria. :D
José Prando
Legal que todos dizem que parece Kung Fu Panda, mas Pandarem já existiam muito antes do filme né galera. A animação que copiou da blizz. Abraços
J03
Esse é o verdadeiro Kung Fu panda! Ba Dun TSS!!!
Gabriel Machado
Cara, eu curti muito a dublagem do WoW, não tenho do que reclamar,. Quanto ao Pandária, sei lá, achei muito "Kung Fu Panda" também, vamos ver no que vai dar... O cenário é bem similar aos cenários do bloco de RAVNICA do Magic The Gathering, ficou animal.
Exibir mais comentários