O jornal gaúcho Zero Hora, do Grupo RBS torna-se o segundo veículo sul-americano a ser vendido no leitor digital Kindle, estando disponível para assinatura mensal ou compra individual a partir dessa semana.

Logo na ocasião do lançamento do Kindle internacional, o jornal O Globo, das Organizações Globo, tornou-se o primeiro jornal brasileiro a disponibilizar sua venda através do Kindle. Essa semana o Zero Hora se tornou o segundo. Suas edições poderão ser compradas individualmente por 99 centavos de dólar (cerca de R$ 1,75) ou através de assinatura mensal no valor de US$ 15,99 (cerca de R$ 28,30). Como em todos os jornais disponíveis para o Kindle, você pode experimentar a assinatura do jornal por 14 dias gratuitamente.

Assinantes receberão a edição do dia diretamente em seu Kindle às 6h de segunda a sábado, com a exceção da edição dominical, que já poderá ser lida a partir das 18h de sábado.

Estarão disponíveis todos os cadernos do jornal, exceto o de classificados. A outra restrição em relação à versão impressa será que apenas a imagem principal de cada artigo estará disponível, em preto e branco. Tabelas e gráficos adicionais não serão exibidos na versão para Kindle.

“A leitura eletrônica começa a se difundir e a mudar hábitos. Ao ser acessada também pelo Kindle, ZH consolida mais um passo para estar sempre disponível para seus leitores, na plataforma que for mais conveniente para eles,” afirma Marcelo Rech, diretor-geral de Produto do Grupo RBS.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Henrique Artur Wint
Se eu estou pagando, eu pretendo ter a versão completa, me enviar uma versão sem gráficos e demais não me serve.