Início » Legislação » Funcionários da Foxconn entram em greve na China

Funcionários da Foxconn entram em greve na China

Linhas de produção do iPhone 5 foram paralisadas.

Paulo Higa Por

Os funcionários da Foxconn parecem estar cada vez mais insatisfeitos com seus empregos. Após inúmeros suicídios e reclamações por salários baixos e jornadas de trabalho exaustivas, os empregados decidiram paralisar suas atividades. A greve na unidade de Zhengzhou, envolvendo cerca de três a quatro mil funcionários, veio junto com brigas e até castigos físicos por parte dos inspetores.

Quem denuncia o problema é o China Labor Watch, uma organização sem fins lucrativos que pressiona as empresas para que elas forneçam melhores condições de trabalho. O comunicado diz que, segundo os funcionários, houve brigas entre os trabalhadores e os inspetores de controle de qualidade, o que danificou equipamentos e feriu algumas pessoas — alguns funcionários foram inclusive hospitalizados.

E por que decidiram fazer a greve só agora? A organização relata que, devido a grande demanda do iPhone 5, a Apple exigiu que a Foxconn aumentasse sua produção e, ao mesmo tempo, melhorasse a qualidade de construção dos aparelhos. Os funcionários precisariam trabalhar mais horas para cumprir suas metas e não poderiam descansar nem nos feriados.

O iPhone 5 exige que os funcionários trabalhem com recortes de 0,02 milímetro e utilizem outras técnicas mais sofisticadas, mas a Foxconn não deu nenhum treinamento específico e os diretores não ligaram para o problema. Com fortes pressões, várias linhas de produção de iPhones 5 foram paralisadas durante o dia.

A Apple e a Foxconn ainda não se pronunciaram oficialmente sobre o assunto, e nós não sabemos como essa greve pode afetar a venda de iPhones no mundo. Segundo relatos, o estoque de iPods Nano e iPods Touch está baixo. No Japão, os primeiros iPods seriam entregues na próxima terça-feira, mas o prazo deve ser estendido em mais duas ou três semanas.

Com informações: CNET, Gizmodo.

Atualização às 18h10, 06/10 | Em nota por email, a Foxconn negou que tenha havido uma greve. A Xinhua, agência de notícias oficial do governo chinês, entretanto, afirma que cerca de 100 inspetores se recusaram a trabalhar durante uma hora na sexta após uma agressão por parte de funcionários insatisfeitos com o rígido controle de qualidade.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Nikolay Kolegov
E porque nem culpar a Apple, se essa empresa venda os aparelhos principalmente para ricos e mesmo momento os funcionários estão insatisfeitos. Tenho uma pergunta, aonde dinheiro desapareceu???
Eberson Allan Dos Santos
A culpa da greve na china e dos Brasileiros, pois eles viram a noticia que a foxconn do Brasil esta em greve e após alguns dias para a empresa cedeu e deu o que a categoria queria devem ter visto as "ondas de greve" no pais e resolveram imitar para tentar obter algo no minimo digino pra eles. Por mais que nós Brasileiros reclamemos da corrupção disso ou daquilo devemos lembra que nossas e mais favorável ao trabalhador do que em outros países até mesmo de 1º mundo.
Eberson Allan Dos Santos
Sauron "Se vc fala em jailbreak para eles, te olham como se fosse o demo querendo defenestrar a virgindade de uma inocente." kkkkkkkkkkkkkkkkkk muito boa, ainda mais por ser a mais pura verdade.
ricardo
Em geral as condições de trabalho na China são ruins, mas nem todas as empresas fazem o que a Foxconn faz. Essa empresa já ficou conhecida pelo regime desumano de trabalho e algo deveria ser feito a respeito.
ricardo
Fico decepcionado pela Apple. Ser parceiro comercial de uma empresa como essa é ser cúmplice da escravidão.
Sauron
Brasileiro principalmente. Compra iphone pra fazer parte do grupinho dos cool. Usa o celular pra Facebook e instagram, e ainda usa aquelas capinhas com cara de porco, orelhas de coelho, etc... Se vc fala em jailbreak para eles, te olham como se fosse o demo querendo defenestrar a virgindade de uma inocente.
Fer
Foi uma piada... E, isso mesmo, mesmo sendo tratados como trapo, eles poderiam continuar sem fazer greve, pois, como o texto bem mostra, não é seguro para nem mesmo para a integridade física do funcionário fazer uma greve lá. Além de que com uma uma população tão grande, perder um emprego, ainda mais por um motivo desses, é viver desempregado...
Gabriel
Depois, vemos pessoal protestando contra a morte dos animais e utilizando um iPhone. Se hipocrisia matasse...
VTR
Não comprem iphones!!! Vcs estarão apoiando o trabalho escravo!!
Jodson Gomes
Interessante... É como se o mundo fosse acabar se haver atraso nas entregas de Iphone. O mundo está cada vez mais supérfluo...
Gustavo Avelar
Amigo, desculpe, mas você está errado por julgar a Apple. Todas, TODAS as empresar que produzem algum Gadget em ao menos um de seus componentes feitos na China, em umas dessas fabricas de trabalho semi-escravo, até a Positivo (aquela 100% nacional) tem inúmeros componentes feitos na China. Mas o caso é que a Apple sempre tá na mídia, e muitas vezes é tida como a unica vilã por pura desinformação. Eu também concordo que a situação deveria ser melhorada por lá, acho injusto pessoas trabalharem dessa forma, mas também acho que se deve ter uma visão critica, e não colocar TODA a culpa na Apple, que é o que vem acontecendo hoje!
Vitor
Claro que sim. Até porque com as 'ótimas' condições de trabalhos que eles tem lá, nunca pensariam em parar. Claro que tem dedo da Samsung nisso.
Uziel Almeida Oliveira
Vejamos, A Apple é a empresa mais valiosa do mundo, estrela dos EUA e fabrica coisas na china, desrespeitando qualquer norma de bom senso ainda patenteia bordas arredondadas. A megalomania dos norte-americanos não tem limites. Não vi nada de interessante nessa porcaria de Iphone. Quem compra, o faz somente para fazer pose. Resultado, um mundo cada vez pior.
Tiago Gabriel
A China precisa de muito mais dessas greves, é um grande celeiro humano para a exploração sem um pingo de dignidade, eu espero realmente que a Apple e a Foxconn tenham bons prejuízos.
Alexandre Cinci
vixe, prevejo mortes em massa... existe fazer greve na china? ehheheh
Exibir mais comentários