Início » Celular » Conheça o aguardado iPad Mini de 7,9 polegadas

Conheça o aguardado iPad Mini de 7,9 polegadas

Rumores se confirmam em anúncio da Apple nos Estados Unidos

Avatar Por

A Apple de Tim Cook anunciou na tarde de hoje o iPad Mini, modelo reduzido do tablet mais vendido do mercado norte-americano. A companhia convidou a imprensa e analistas para um evento em San Jose no qual foi revelado o iTreco com visor de 7,9 polegadas, ligeiramente menor do que o iPad tradicional de 9,7 polegadas.

Anteriormente previsto em rumores da indústria, o gadget realmente se chama “iPad Mini”, alcunha que causou dúvidas entre parcela de entusiastas de tecnologia. Circularam imagens de supostos componentes do dispositivo, o que no fim das contas comprova que a Apple perdeu aquela capacidade de esconder seus segredos industriais.

Phil Schiller, VP Sênior de marketing global, explicou qual é a vantagem do iPad Mini frente ao iPad tradicional: “você pode segurá-lo somente com uma das mãos”. O aparelho é muito fino, com 7,2 mm de espessura e massa de 300 g. Curiosamente, o iPad Mini reproduz a mesma resolução de tela do iPad de segunda geração: 1024×768 pixels. Isso quer dizer que os mesmos apps disponíveis hoje para os iPads mais antigos funcionarão no tablet Mini sem problemas.

O iPad Mini utiliza o mesmo conector Lightning presente no iPhone 5. A Apple continua apostando no processador dual-core A5, desenvolvido por eles próprios no novo dispositivo. Será compatível wireless “ultra-rápido” por meio de LTE. As demais especificações incluem câmera traseira com gravação de vídeo em 1080p e câmera frontal compatível com FaceTime HD.

Ah, detalhe importante: o aparelho apresentado hoje conta com uma versão própria da Smart Cover, a capinha com conectores magnéticos que a Apple fabrica.

Até hoje mais de 100 milhões de unidades do iPad foram vendidas. De acordo com a Apple (e sem citar fonte), o iPad vendeu mais que os computadores da  HP, Lenovo, Dell e Acer nos Estados Unidos durante o segundo trimestre. A Apple diz que o aparelho responde por 91% de todo o tráfego da web com tablets.

Em termos de software, a Apple anunciou nova versão do aplicativo iBooks Author que permite adicionar novas fontes e criar widgets capazes de suportar multitouch. O Author serve para criar livros digitais e distribui-los por meio da loja virtual da Apple.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Caio Lannes
EU teria ficado muito satisfeito se nao desse pau no wifi!! sabe se ja tem alguma suluçao??
Breno Ribeiro
Apple viu que o Nexus 7 ganhou uma grande fatia do mercado, agora tá dando seus pulos. Pena o processador ser ainda o A5, que provavelmente virá com 512mb de RAM, o que é bem pouco. Fora a falta da Retina Display. Se sair por menos de 900, será uma ótima opção de compra, mas ainda acho que o N7 tenha um custo x benefício melhor.
Helton Ferreira Varela
Porque o cara defende a empresa ele é fanboy. Não é necessário que a cada lançamento algo de inovador seja anunciado pelas empresas, assim como disse o Thássius, é apenas uma forma de suprir um segmento de mercado. Se fosse assim, cada vez que uma empresa anunciasse um produto novo, com algo inovador, creio que já passaríamos roupa com nossos smartphones :D Mas sim, a empresa deve sim anunciar coisas inovadoras, isso é fato. Mas é até impossível a cada lançamento.
Almy Fróes
Galera, nem tudo precisa ser inovador e mirabolante nao...simplesmente existem pessoas que acham o ipad normal grande e gostariam q ele fosse atendido....simples! E vai vender igual agua... Assim como a samsung percebeu q tinha gente q gostaria de um celular um pouco maior, lançou o galaxy note e ta vendendo igual agua... A inovacao é um reflexo da corrida pelo mercado e nao o contrario...se o atari fosse sucesso de vendas...as empresas fabricariam ataris e encheriam o bolso, e que se dane se ele é de 20 anos atras... empresa quer ganhar dinheiro e fim de papo, nao é uma competicao de intelectuais informaticos nao...
Fabio
Falou o fanboy da Apple que usa Windows 8... .KKKK :D
Felipe Goldenberg
Não entendi o que você falo. Pra mim isso faz sentido.
Felipe Goldenberg
Um tamanho mágico haha!!
Raphael Rios Chaia
Eu vou trocar meu iPad 2 por um Surface Pro, sinceramente. Agora, o que achei engraçado foi que teve muito jornalista e blogueiro queimando a lingua por ter passado meses afirmando que o "iPad Mini é só um boato / rumor, nunca vai acontecer": o foco dele é o mercado educacional, já que nas escolas americanas, todas as licitações são para compras de tablets de 7 polegadas - e a Apple sempre estava de fora dessa. Sempre fui um dos que acreditou na hipotese de um iPad mini - Jobs talvez nunca o aprovasse, mas a Apple mudou com sua saida, e isso é fato.
Leandro rafael
Concorrente de peso para o google nexus...O problema é o preço se chegar no Brasil....Chuto uns 999 reais contra o Google Nexus que ta uns 800 e pocos com taxas de importação. Mas vale muito a pena pra quem gosta desse tamanho de tela. EU arriscaria comprar um para mim. Mas vamos ver até onde isso vai chegar. Se vender no Brasil, ponto pra APPLE porque aqui não vai ter nem surface e por enquanto nem GN.
biterman
A verdade é que cometeram uma grande burrada. Apple vai falir assim, matar um produto. Cagada atrás de cagada, saudade do steve jobs nessa hora. Como me lança um ipad mini com essas configurações, sem retina display? Como se mata um new ipad de um dia para outro? Meu deus, me coloca nessa empresa para dizer o que é certo para essas pessoas. Lançar um mapa tirando o mapa do google? Esperava o mapa da apple ficar bom o suficiente para tirar o google maps. Muitas burradas. Apple outras empresas irão te engolir assim!
Thiago Krawczyk
kkkkkkkkkkkkkkkk
iamthiagosilva
Eu curti ele, não consigo mais usar um tablet maior do que 7~8", 7,9 é um tamanho bom e pelo que tão falando, o peso dele também é bem leve.
Thássius Veloso
Lucas, meu pensamento quanto a isso é bem simples: 1. Não existe isso de "se manter sempre com o último hardware" no mundo da tecnologia – não sem gastar um bom dinheiro. Eu já me acostumei a isso. Tenho um iPad de terceira geração que me atende muitíssimo bem, sem planos de comprar um iPad Mini ou iPad de quarta geração. Embora cubra tecnologia, discordo desse apetite em consumir novos produtos a cada seis meses ou um ano. De qualquer forma, é direito do consumidor estar bem informado. 2. Quem realmente precisa substituir um item por outro deve fazê-lo assim que os preços estiverem bons. Esperar para comprar é um risco que o consumidor assume. Não há compromisso da empresa com o cliente neste sentido. Lembro de quando os anúncios de iPhone aconteciam no meio do ano. Agora, repare: são em setembro, próximo do quarto trimestre.
rodrigo8
kkk boa !
Gabriel
Concordo que é chato, mas a Apple nunca prometeu atualizações no intervalo mínimo de um ano e esse negócio de querer tudo "do último modelo" é meio doentio. Não vejo motivo nenhum para um ser racional comprar um iPad Late-2012 tendo um Early-2012. Complicado foi o que a Microsoft fez com nós, os early-adopters do Windows Phone que comprarmos smartphones descontinuados a preço de top de linha.
Exibir mais comentários