Início » Brasil Software » Windows de graça: Microsoft devolverá dinheiro dos consumidores que pagaram a mais pelo Windows 8 Pro

Windows de graça: Microsoft devolverá dinheiro dos consumidores que pagaram a mais pelo Windows 8 Pro

Loja virtual cobrava 15 reais a mais pelo sistema recém-lançado

Por
5 anos atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Ao que tudo indica, a Microsoft realmente vai reembolsar os consumidores que compraram a atualização do Windows 8 Pro na semana passada e pagaram a mais pelo produto. Conforme informado pelo Tecnoblog, o sistema havia cobrado cerca de 15 reais a mais do que os R$ 69 fixados pela atualização do sistema operacional.

De acordo com mensagem de email encaminhada por um leitor, o escritório brasileiro da MS começou a avisar os consumidores de que realizará o reembolso total do valor cobrado. A companhia já havia se pronunciado sobre a falha de cobrança no site especial para o Windows 8. O preço absurdamente agressivo para quem tem XP, Vista ou Windows 7 provavelmente atraiu a atenção de muitos consumidores.

E tem mais: a Microsoft Brasil devolverá o valor cobrado, mas manterá a licença fornecida para o Windows 8 Pro que o consumidor pagou. Em outras palavras, é Windows de graça depois de um início de vendas desastrado a partir da sexta-feira (26). “Essa restituição será feita pelo mesmo método de pagamento escolhido por você no momento da aquisição e ocorrerá até o fechamento de sua próxima fatura – se o pagamento foi feito com cartão de crédito, ou em até 30 (trinta) dias – se foi feito via PayPal.”

O Windows 8 foi lançado oficialmente na semana passada em um evento com falhas técnicas. Custa 269 reais no modelo de caixinha vendido no varejo tradicional. A venda pela internet em windows.com.br garante economia de 200 reais para os consumidores que baixarem e rodarem o instalador do sistema sem sair de casa.

  • Oroshy

    Microsoft fez o correto, ao contrário da Apple. Que não estaria nem ai.

    Muita informação e opinião optativa que não agrega valor nenhum ao texto.

    Se o texto parasse nessa frase: “[…] E tem mais: a Microsoft Brasil devolverá o valor cobrado, mas manterá a licença fornecida para o Windows 8 Pro que o consumidor pagou […]”
    Ficaria perfeito.

    • Acho que o artigo cumpre bem o seu papel. Dá a informação e ainda a coloca em contexto.

      • Oroshy

        Não desrespeitando sua opinião, seu texto e seu trabalho. Longe de mim fazer isso. Comentei porque eu achei que valia a pena, hoje em dia, informações rápidas e eficiente é o que importa.

        Quanto mais rápida e clara for a informação para o leitor, melhor. Ele consegue administrar mais informações em menos tempo.

        O texto do Rafael sobre o Windows Phone 8 foi muito bom, rápido e claro. Eficiente e coeso. E mais uma vez não querendo fazer nenhuma comparação, até gosto dos seus textos, se não, não estaria aqui. Mas foi referenciada somente como exemplo (o texto do Rafael).

        Abraços.

        • Eu fundamentalmente discordo de você; enxergo o Jornalismo Digital de outra forma. Mas creio que os comentários deste artigo não sejam o local correto para ter essa discussão.

          • Oroshy

            Concordo com que este não é o local para esse tipo de conversa. Numa outra oportunidade quem sabe poderíamos discutir isso, você na visão de jornalista e na visão leitor.

          • Guilherme macedo

            Já eu não concordo e não discordo… Muito pelo contrário…. 😀

          • Fabio

            Quem não entende os traços jornalísticos é dessa forma mesmo: fala coisa sem parafuso. Apesar de existirem algumas expressões estranhas no texto (pra mim comuns) – como “De acordo com mensagem de email encaminhada por um leitor” e não “De acordo com uma mensagem de e-mail encaminhada por um leitor” -, a anatomia da notícia segue os padrões de um modo geral daquela regra que é abraçada por vários portais de notícias. Entretanto, não é todas as agências de notícias que seguem o mesmo padrão… por exemplo, o NYtimes e o BBC News seguem caminhos de redações bem diferentes – embora prefira os artigos do NYtimes, que são bem mais dinâmicos de se ler. Sugiro muito que esses críticos no-sense, leiam o livro de Nilson Lage, chamado “Gramática do texto jornalístico”; ele está disponível gratuitamente (pelo menos não paguei por ele rs)

          • Kessler

            como “De acordo com mensagem de email encaminhada por um leitor” e não “De acordo com uma mensagem de e-mail encaminhada por um leitor”

            Que há de estranho em se omitir um artigo indefinido? E por que diabo você acha que português de jornal algo fora do comum? Geralmente os textos que encontramos em jornais e sites de notícias são pobres de doer.

      • Alexandre Ribeiro

        Concordo com o Oroshy, depois da citada frase o texto não agregou nada relevante à notícia, pura encheção de lingüiça para que o texto não ficasse curto demais.

        • RamonGonz

          sinceramente não entendi o problema do final do texto… pra colocar a informação em contexto foi perfeito. Absolutamente normal isso em qualquer texto jornalístico

          mas independente de qualquer coisa respeito opiniões diferentes

          • Também não endenti o problema.
            E outro… Isso é um blog

          • Oroshy

            Em lugar nenhum eu disse que existe problema, eu apenas disse que o final do texto não agregou nenhuma informação e de fato não agregou mesmo.

            Agora, se pousasse de jornalístico, jornalístico deve soar. Uma vez foi-me indagado de que o Tecnoblog é um blog (como leva-se no nome do site).

            Blogs tem opiniões, e não o fim do texto não foi uma opinião. Foi simplesmente inúmeras informações (que julgo desnecessárias) cujo seus propósitos não eram o de informar e sim de fragilizar ou polemicar um fato ocorrido que nem ao menos se encaixa no contexto.

            Foi por isso, mas como eu disse para o Thássius que não discutiria aqui, é isso que eu vou fazer e se alguém quiser discutir isso, é fácil me encontrar na internet.

            Abraços.

          • Apenas uma consideração: Oroshy, talvez o final do texto não agregue informação para você, mas é uma recapitulação para quem não acompanhou o caso por completo. Jornalismo também é recapitular.

    • Bruno Guerreiro

      Não concordo, a frase seguinte contextualizou de forma resumida a notícia.

      E perceba que o autor explorou um dos melhores recursos do jornalismo digital: colocou links em vários trechos da frase, assim, além de evitar que o texto ficasse ainda maior, faz com que os leitores por fora dessas notícias, possam ler -também- sobre elas.

    • “ao contrário da Apple. Que não estaria nem ai.” Esse seu comentário também não agrega nada, até porque é uma afirmação infundada já que ela nunca teve problema similar com distribuição de software.

      Lembre-se que isso é um blog, na opinião dele o lançamento foi conturbado.

  • Daniel Vieira

    acabei de receber esse email aqui, paguei os 83 pq tinha certeza que receberia o reembolso de pelo menos a diferença, mas saiu melhor que a encomenda, saiu foi de graça!!!! Parabens Microsoft, pela bela atitude e pelo belo produto

    • Marcoscs

      cara, vc recebeu um email com a product key do W8? Ate´agora não recebi, liguei hoje pra MS e me informaram que quem comprou pelo Paypal (meu caso) não recebeu por problemas de comunicação entre o Paypal e a MS mas que até o fim da semana receberia.
      Mais alguem está com esse problema?

      • Eu recebi. Mas foi cartão de crédito

        • Marcoscs

          pelo contato com a atendente da MS o problema só se deu com quem comprou via Paypal.
          Mas de qq forma ele tá funcionando, lépido e faceiro.
          Como ele dá boot mais rápido que o W7, impressionante…

          • Muito mais rápido!! É “mágico” euahueahu …! I will be processed.

      • Comprei com paypal e recebi o email quase que instantâneamente.
        Eu ainda tava lendo as instruções lá e o celular já vibrou avisando do email 🙂

      • Daniel Vieira

        comprei por cartao de credito e recebi quase instantaneamente

  • arlyssb

    Eu também já recebi o e-mail. Eu tinha comprado a licença por 83, mais o DVD e o frete.
    Bom saber que minha afobação valeu a pena, e vou ter tudo do Windows 8 de graça.. hahaha

  • Kantaro

    Por que eu não “comprei”…. Argh. 😀

  • Isso é uma ótima forma que a Microsoft achou para não só evitar processos como para aumentar a confiança no Sistema Operacional. Ultimamente a M$ vem acertando muito em suas decisões, diferente de uma certa empresa concorrente com sede em cupertino que eu não falarei o nome porque deve ter algum registro sobre a marca para processar quem cita-a indevidamente…

  • hahaha, minha afobação me rendeu uma graninha :p !! Dois windows 8 originais e sem pagar nada hehehe… Um pela MSDN e outro com esse errinho da Microsoft!!

    Credits: me!! hehehe

  • Alex da Silveira

    É isso mesmo???? Até o frete do DVD sairá de graça… Aliás, já recebi o email informando que o DVD chegará entre 5 a 12 dias úteis

  • arlyssb

    Eu fui um dos afobados que não quis esperar e comprou o Windows 8 mesmo estando mais caro que o anunciado…

  • Por pouco eu não ganhei! Fui baixar logo de manhã, mas desisti, resolvi baixar outra hora e agora estou lamentando não ter pego o Windows de graça! rs

  • Alessandro F Do Val

    Oba, ganhei uma licença ….MUITO BOM… isso ai Microsoft, ótimo exemplo….pena que não comprei as duas licenças na mesma hora…kkkk

  • Eric Satchel

    Gostei muito de saber disso vlw a pena to gostando muito do sistema muito rapido e eficiente.

  • TaylerPadilha

    AHUAhUhauHauhUAh.
    Quem esperou o valor voltar ao normal (R$69) achando que a Microsoft não iria reembolsar justamente, como eu, se “deu mau”! XD

    A tempo: ótima atitude da Microsoft.

  • hpcarlos

    —— Jornalismo também é recapitular. ——

    A Globo faz muito isso, e isso é correto, pois para quem não viu de onde veio isso, acaba tendo uma ideia do que se trata.

    Para mim pareceu mais, a pessoa querer somente o resumo da matéria, pois tem preguiça de ler!

    Gosto de matéria que tenha conteúdo, e que tenha um ponto de visão do Escritor ou Jornalista.
    Não convém discutir com o jornalista ou Escritor coisas do tipo: (a você poderia ter deixado o texto menor!; A o titulo ta ruim, coloca esse que fica bom [Eu sou mais foda que você…], Matéria ridícula não fala nada com nada [Na maioria das vezes as pessoas não sabem interpretar um texto…])

    Bem microsoft fez o papel dela de corrigir o erro, e reembolsar os clientes.
    Na minha opinião ela se aproveitou de um erro, para fazer uma graça e se beneficiar do retorno em marketing que isso iria gerar, palmas para ela que teve esta ideia.
    Se ela só reembolsasse a diferença com os acrécimos devidos de taxas e etc, ela não teria todo este marketing :), e ainda assim os clientes estariam satisfeitos.

    • Patrick Castro

      Grande problema na verdade, não esta em nos que damos um critica construtiva, e sim, sobre pessoas como ti, ao achar que opinar sobre algo mutavelmente subjuntiva é um ofensa,e que simplesmente não sabem o real acontecido ao jugar, afirmando:

      “Na minha opinião ela se aproveitou de um erro, para fazer uma graça e se beneficiar do retorno em marketing que isso iria gerar, palmas para ela que teve esta ideia.”

      Se beneficiar? O mesmo publico que acompanhou o acaso, é o mesmo interessado sobre tecnologia e os beneficiados desta aquisição (Ou sera que aparecerá na novela das 9, o ocorrido? Oh Wait!), incrível como se a MS não devolvesse, seria o porque, eis uma empresa negligente sobre seus clientes… Brasileiros…

      PS:Marketing? Oh Wait![2]

      • Patrick Castro

        subjetiva* 😀

  • Leonardo Ítalo

    Alguém sabe dizer se divide no cartão de crédito (liso =D)… pretendo comprar duas atualizações… e eu nem sabia que teve esse erro kkkkkkkk

    Obrigado pela atenção.

    • Kessler

      Não. :/
      À vista, e tem que ser cartão internacional.

      • Leonardo Ítalo

        putz. =( valeu.

    • Parece que cada instalação vale pra 3 pcs;

  • Patrick Castro

    […]em um evento com falhas técnicas[…] início de vendas desastrado[…]

    Como o nosso amigo “Oroshy” criticou, existe pontos que não precisa citar, saiu totalmente do contexto sobre o assunto, seria como divulgar uma noticia de que empresa X corrigiu um detalhe especifico sobre seu produto e logo em seguida (no mesmo tópico), elogiar-la ou critica-la impulsivamente, fica bastante túrbido.
    Impressão real se da que você tem intenções tendenciosas sobre a MS… Lamentável, porem tem outros funcionários na Tecno, com uma capacidade superior sendo integro, objetivo à seus trabalhos.

    • Novamente, discordo. Recapitular faz parte do Jornalismo. O início de vendas desastroso e as falhas técnicas fazem parte do lançamento do Windows no Brasil, bem como o preço agressivo de 69 reais e o reembolso prometido pela Microsoft. Não somos historiadores, mas a Comunicação tem papel fundamental no registro histórico.

      • Patrick Castro

        Dependendo da coerência e o impregno da colocação da frase que se dar ao citar: “O Windows 8 foi lançado oficialmente na semana passada em um evento com falhas técnicas. ” Deixa nítido a tendencia neste post, exemplo: “Ouviram fala do novo OS da MS? O Windows 8? Aquele do evento com falhas técnicas…”
        Concordo que recapitular certos fatos (principalmente marcantes) faz parte do Jornalismo, porem devemos abranger certos pontos pra que não aja o que ocorreu neste post.
        E aproposito, presso AGRESSIVO? o.O

        PS: Ponto de vista com nenhuma real intenção negativa sobre seu poste, contrario. 😀

        • 69 reais pela atualização de um sistema operacional é um preço muito agressivo. Foi a gerente geral de Windows, Priscyla Alves, quem disse. Concordo totalmente.

      • Patrick Castro

        Preço*
        Olha eu ai… ♫ 😀

      • paulomarcelo

        Não entendo bem porque hora se fala que é blog, hora se fala sobre jornalismo.

        Mas só to enchendo o saco mesmo, nem ligo pro debate ai.
        Só da página não ter auto refresh já fico feliz uahsdhauhda

        • Paulo, Jornalismo é uma prática e uma campo de conhecimento. Blog, a meu ver, é uma forma de se apropriar das notícias.

  • E como fica a questão dos Drives pra esse Windows 8?

    • Alex da Silveira

      Meu computador rodou tudo que rodava no Win7 (e no vista anteriormente, com pouca mudança de hardware de lá para cá)… jogos rodam naturalmente… todos que testei até agora e que já tinha no Win7

    • Tudo que rodava no Win7 roda no Win8.
      Placas de vídeo (ATI/nVidia) já possuem drivers atualizados.
      Praticamente qualquer coisa roda no Win8, exceto hardware MUITO velho, que existe a chance de realmente não ter driver, ou coisa muito específica que precisa do driver direto da fabricante.

    • TatoGomes

      Olha, eu fiz a atualização no meu notebook que deve ter uns 3 anos de vida (Dell Vostro 1520 – Core2Duo). Ele só pediu pra desinstalar o Avast e o Virtual PC 2007 de aplicativos e o driver do touchpad, que continuou funcionando (já não teria os “gestos” do Windows 8, mas funciona nomalmente como mouse).

      Não tenho tanta coisa instalada nele, tanto SW como HW, mas não implicou com e webcam integrada e a placa de vídeo, por exemplo. Acho que a compatibilidade é muito boa, sim.

    • Reconheceu todos, no 7 não reconhecia nenhum.

  • Charles Z Rosa

    Seria interessante que vocês comentassem sobre a palhaçada que está acontecendo quando tentamos atualizar usando o assistente da microsoft. Eu mesmo, desde sábado venho tentando dezenas e dezenas de vezes sem sucesso! Tem muita gente que também está tentando e também não consegue. O problema maior é que o assistente pede que preencha todos os dados.. nome, telefonem endereço, email… depois numero do cartao, nome, validade… tudo isso pra no final dar um erro!
    Poxa, será que a MICROSOFT não consegue resolver um erro ridículo desses em 4 dias???
    Interessante mesmo que façam uma matéria sobre isso… quem sabe a microsoft da um pouco mais de atenção pro caso né?

    • Está tentando com cartão internacional?

  • Diogo Buique

    Ótima ideia da Microsoft! Vejo muitas pessoas a criticando (em alguns casos sem o mínimo sentido..), mas desta vez ela agiu com muita complacência e me agradou bastante esta iniciativa, visto que, meu Windows 8 Pro é original e paguei os R$ 88,39 por ele… receberei o dinheiro de volta e ficarei muito feliz com isto.

    O Windows 8 funcionou muito bem no meu computador e a experiência com ele (até então) tem sido a melhor possível. Sistema rápido, leve e ao que me parece bastante seguro… tentei infectá-lo 4 vezes com um pendrive carregado de vírus e em todas elas ele não deixou.

  • João G. Zanon Jr.

    Cobalto, quase tudo…
    O SQL Server Express 2008, por exemplo, não instala 🙁

  • Um detalhe é que aqui o valor debitado no cartão ainda foi maior que os R$ 83,93, apareceu esse valor na hora da compra, mas foi debitado R$ 86,63

  • Matheus Eduardo Guimarães

    Acho triste alguns comentários como “preço agressivo de 69 reais” pra um sistema tão completo como win8. A não ser que o “agressivo” remeta a competitivo, mas não foi o que interpretei.
    Ficar RESSALTANDO que a apresentação (no BR) teve falhas técnicas, sendo que isso não tem em NADA A VER com o preço ter cobrado errado. Devia era destacar e ficar elogiando a atitude f*da da M$ de devolver o valor cobrado.
    Porque quando apple deixou atualizar meu macbook – na época – pro Leopard por 19$, eu tive que pagar uns 59 reais mais frete pra representante do Brasil me enviar dvd. Isso sim é ridículo.

    • Matheus, não fui eu que usei, foi a gerente geral de Windows, Priscyla Alves, no lançamento do sistema. Eu concordo totalmente com ela.

  • Sam_Rodrigo

    Cara.. gostei do texto.. gostei inclusive da recapitulação.. o problema é que hoje a internet criou uma geração que tem preguiça de ler… aí vem com a desculpa de que a informação tem que ser “rápida e clara”… pura balela.. quer coisa rápida.. fica lendo tweets. Uma geração formada a base de tweets, por isso temos uma geração de desinformados e mal-informados criadora de boatos justamente pela falta de informação.
    Parabéns Thássius, excelente trabalho de jornalismo, informativo, coeso e preciso.

  • Felipe Sikansi

    Qual o sentido de aumentar a diferença em 25%? O subtitulo ainda crava o valor: “Loja virtual cobrava 20 reais a mais pelo sistema recém-lançado”.

  • TatoGomes

    Pergunta: Eu uso uma versão Dreamspark Premium, com licença de 2 anos. Supondo que eu fosse comprar o Windows 8 de atualização hoje, seria possível?

  • Ontem foi o dia internacional de pegar no pé do Thas? Não vi nada de mais no final do texto, apenas um resumo do que aconteceu, poderia estar no começo para deixar as pessoas que vivem em outra galáxia em órbita com o assunto.

  • Lucas Almeida

    Resumo: Windows, nem de graça…

  • Leonardo Ítalo

    Pessoas… eu tava vendo uma reportagem no site da uol e tinha que se uma pessoa tivesse adquirido uma licença do Windows 7 recentemente pagaria apenas R$ 29,00 pela atualização… isso procede? pq eu tenho uma do windows vista e uma do windows 7 (tem um ano).

    Alguém sabe alguma coisa sobre isso?

    • Kessler

      Se tem um ano não entra nesse desconto. Não lembro a data ao certo, mas é menos de um ano.

  • paulomarcelo

    E há quem ache que a Microsoft ainda se importando com o preço do Windows.
    Se é de graça, se é download, se é pirata…

    Agora a Microsoft só quer saber de uma coisa: Consumidores do Windows Store.
    Incentivando desenvolvedores e ganhando comissão das vendas.
    Só nisso dai, a Microsoft vai tirar muito dinheiro.