Enquanto o Google anuncia novos tablets, o Nexus 7 ganha uma novidade que pode tornar a vida de muitos fãs do Ubuntu mais feliz. Através de um programa liberado recentemente é possível instalar a última versão do Ubuntu no tablet, transformando-o em um PC de bolso.

Não é novidade para ninguém que a Canonical está interessada em tornar o Ubuntu um sistema operacional tanto para PCs quanto para dispositivos móveis, e que ela escolheu o Nexus 7 do Google para ser o seu tablet inicial de testes para usuários e desenvolvedores. O Nexus 7 é um dispositivo fácil de desbloquear e sem nenhuma alteração ou bloqueio que possa dificultar a vida dos desenvolvedores.

A ferramenta liberada recentemente pela Canonical serve para isso, instalar uma versão customizada para dispositivos ARM do Ubuntu 12.10 no Nexus 7. Para que a instalação funcione você precisa primeiro desbloquear o bootloader do tablet, mas se você consegue ler sobre Linux, Android, bootloaders e afins sem ficar perdido, essa tarefa é extremamente fácil.

Uma vez que o tablet esteja desbloqueado, é só plugar o tablet no PC com um cabo USB e rodar o programa. Ele se encarrega de baixar tudo o que for necessário e instalar o Ubuntu na sua máquina.

Desnecessário dizer, o Ubuntu para tablets ainda está em uma versão inicial, e provavelmente você terá alguns problemas de uso. Mas não se aflija, se você não gostar do resultado pode voltar para a instalação padrão do Android.

Com Informações: Android Authority

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Julian Fernandes
Fica apenas com o Ubuntu. Como isso é algo que a Canonical desenvolveu para melhorar a performance do Unity e outros aspectos dele em tablets, para o lançamento do Ubuntu 14.04, eles não deram uma opção com dual boot. A comunidade provavelmente fará algo nesse sentido cedo ou tarde, de qualquer forma.
Gabriel Bemfica
Paulo, o tablet no caso fica em dual boot ou rodando apenas o Ubuntu? Isso não ficou claro no texto. Caso seja a segunda opção, a Canonical deu alguma pista de como voltar ao Android?
TatoGomes
Sei que não tem nada a ver com a história, mas pra salvar esse teu Tablet e voltar a ser feliz, use a última ROM desse cara aqui: http://www.humberos.com.br/ Funcionando lindamente o Jelly Bean no meu Tab graças a esse cidadão e a CM10.
ricardo
Quem trouxe o Linux para os tablets foi o Google (Android) antes da Canonical.
Gabriel Marchezini
Será, assim, só será mesmo... Se eu tentar instalar no galaxy tab 7" de primeira geração, aquele tijolinho com tv digital... Será que roda??
trovalds
O kernel Linux é multiplataforma por si só, basta saber como configurar para rodar nesse ou naquele dispositivo. Agora o que atrapalha são os programas, que nem sempre tem compilações próprias ou mesmo os fontes precisam de modificações para poder compilar e funcionar. Acho louvável a Canonical trazer o Linux para os tablets, mas ainda assim receio pelo excesso de facilidade que eles insistem em ter na instalação que no final se traduz em problemas bizarros e por vezes insolúveis ou até mesmo vulnerabilidades desnecessárias causadas pelo excesso de bloatware.