Início » Aplicativos e Software » Microsoft revela preços do Windows Azure

Microsoft revela preços do Windows Azure

Por
10 anos atrás

Logo-Windows-AzureA Microsoft já sabe o quanto vai cobrar pelo novo serviço Windows Azure, que deverá competir com a gigante de vendas online Amazon. Uma fonte da CNET News com conhecimento no assunto revelou que os preços serão anunciados ainda nessa semana, durante a Worldwide Partner Conference.

Confira abaixo os preços do Windows Azure:

  • US$ 0,10 por 10 mil transações de armazenamento;
  • US$ 0,12 por hora de computação;
  • US$ 0,15 por gigabyte de armazenamento;
  • US$ 0,10 a US$ 0,15 por gigabyte transferido através da rede.

Um plano de descontos permitirá que os preços fiquem de 15 a 30% mais baratos nos seis primeiros meses de uso do serviço. Depois desse período, o valor voltará para o preço normal.

O Windows Azure também prevê venda de armazenamento de banco de dados. O pacote Web do SQL Azure custará US$ 9,99 mensais (aproximadamente R$ 20), com banco de dados de até 1GB. Já o pacote Business Edition, com até 10GB de banco de dados, custará um pouco mais: US$ 99,99 (aproximadamente R$ 200).

Um dos líderes no segmento de cloud computing é o Amazon S3, da Amazon. Os preços do serviço variam de acordo com a quantidade de vezes que cada recurso é usado, mas são cobrados no máximo US$ 0,15 por gigabyte de armazenamento (o mesmo que o Windows Azure) e no máximo US$ 0,17 por gigabyte baixado, enquanto que o gigabyte enviado para o servidor custa US$ 0,10. [CNET News]

Atualização às 18:43: A Microsoft se compromete com um uptime de 99,99% para hospedagem de arquivos. Isso significa que durante 99,99% do tempo o serviço estará completamente disponível e acessível. O uptime para processamento é um pouco menos, de 99,95% do tempo.

Há previsão de lançar o Windows Azure em moedas locais de diversos países, principalmente europeus. Uma versão do serviço cobrada em reais deverá ser lançada no Brasil somente em março de 2010. Ao mesmo tempo deverão ser lançadas as versões locais do Azure em países da América Latina, como Chile, Colômbia, México e Porto Rico.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.