Início » Software » Microsoft anuncia fim do Windows Live Messenger

Microsoft anuncia fim do Windows Live Messenger

Comunicador instantâneo será descontinuado em 2013.

Por
6 anos atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Confirmando um rumor publicado ontem, a Microsoft oficializou hoje o fim do Windows Live Messenger (o eterno MSN Messenger). Já era. Acabou. Morreu. No primeiro trimestre de 2013, o Messenger será finalmente descontinuado — com exceção da China, onde ele ainda estará disponível por alguma razão obscura. Os antigos contatos que você possuía no MSN agora poderão ser encontrados no Skype.

Há uma semana, com o lançamento do Skype 6.0 para Windows e OS X, finalmente pudemos perceber uma grande mudança no programa, esperada desde a aquisição do Skype pela Microsoft por US$ 8,5 bilhões em maio de 2011: a empresa incluiu o suporte a rede do Windows Live Messenger e tornou possível o login com uma conta da Microsoft, desde que você passe pelo confuso processo de migração.

A mudança para o Skype é boa — não é a toa que o comunicado no blog da Microsoft Brasil começa com “temos boas notícias”. Como o Skype já possuía versões para iOS e Android, será possível se comunicar com amigos do Messenger no smartphone ou tablet sem instalar programas não-oficiais, como o IM+. O Skype também possui diferenciais em relação ao MSN, como a possibilidade de ligar para telefones fixos e fazer videochamadas em grupo.

Assim morre o comunicador instantâneo que fez parte da vida de muitas pessoas. Descanse em paz, MSN.