Início » Curiosidades » Criminoso invade caixa eletrônico com pendrive USB e saca R$ 87 mil

Criminoso invade caixa eletrônico com pendrive USB e saca R$ 87 mil

Avatar Por

Eis uma cena digna de um filme hollywoodiano: um indivíduo entra numa agência bancária na calada da noite, escolhe um caixa eletrônico qualquer, abre um compartimento secreto, conecta um pendrive na máquina e passa a sacar toda a grana dela. Parece ficção, mas a cena aconteceu realmente ontem em uma agência do Banco do Brasil na cidade de São Paulo.

A agência atacada no Street View: criminoso bem informado

Segundo o Estadão, por volta das 22h45 da segunda-feira um indivíduo entrou na agência do banco localizada na Av. Penha de França, arrancou a câmera de um caixa eletrônico, conectou um pendrive USB na porta onde a câmera ficava, conseguiu reiniciar o sistema do caixa e, com a ajuda de um teclado dobrável, sacou cerca de R$ 87 mil.

A central de segurança do Banco do Brasil percebeu a ação do criminoso e entrou em contato com a Polícia Militar, que prendeu o sujeito em flagrante por furto qualificado. De acordo com a polícia, ele se chama Samuel, já tem passagem por furto e durante todo o tempo do roubo ele teria sido auxiliado por alguém pelo telefone. Samuel se negou a revelar o nome da pessoa do outro lado da linha.

Essa tentativa de roubo não quer dizer, necessariamente, que os caixas eletrônicos são vulneráveis a ataques. Pode se tratar de uma ferramenta interna do próprio banco que foi obtida de alguma forma pelos criminosos. E o fato de que o indivíduo em questão sabia onde colocar o pendrive pode ser até o indicativo de que talvez o cúmplice seja alguém do próprio banco.

Mas só estou especulando. E ao mesmo tempo criando um roteiro de filme.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Werner Heinz Oechsler
Sei que não é correto, mas a ação em si, eu achei genial! kkkk
@AntonioVeras
Milhões em segurança não significam nada se você tem informações privilegiadas.
André Luis Pereira dos Santos
Atualização(05/12/2012 14:23h): Quadrilha parcialmente identificada. http://inteligencia.bsrpar.com/
André Luis Pereira dos Santos
Atualização(05/12/2012 14:23h): Quadrilha parcialmente identificada.
ELIEZER MESSIAS DA SILVA
Isso já aconteceu com uma agencia do Bradesco em Extrema MG, a algum tempo o banco noificou o sumiço de 300 mil e o cara não foi pego!!
Fernando Santos
Como o Edmar Moretti comentou, é inacreditável um erro destes. Os caras investem uma boa grana em segurança, e usam uma câmera USB nos terminais. Bom, já vi terminais da Caixa rodando Windows... O problema da segurança não é o algoritmo de criptografia, se é usado SSL ou se é tudo cloud-based. O problema são os humanos (e você leu isso lembrando do Bender enquanto sonhava), e isso sempre vai ser uma incógnita em qualquer meio de segurança. A menos que inventem um "detector de intenções", haha. Mas, como disseram, ao menos o cara foi preso, sem envolver inocentes.
André Luis Pereira dos Santos
Atualização: Este é o segundo caso este mês envolvendo o mesmo modo de operação. http://inteligencia.bsrpar.com/
Rafael Spoladore
Como o colega acima disse. Se fosse aqui no interior, poderiam sacar até a mãe do gerente que ngm perceberia.
JoaoManoel
É possível ver as transferências realizadas, herp derp.
Marcelo Munhoz
hahahaha Muito ótima!!!
Edmar Moretti
Falha gigantesca. Milhões em segurança e pagam um mico desses!!!
Felipe Lima
se eles tivessem feito numa agência pequena do interior teria dado certo
Keven Castro
Cara "Burro". Esses caixas eletrônicos demoram 2 horas pra sacar R$300,00. Pra sacar R$87.000,00 deve demorar 7 dias.
Johnnatta Sá
Vish esse é Ninja nem Merecia ser Preso kkkkkkkkkkkk
Geyson Silva
OLD !!!! John Connor fazia isso em 1992. =]
Exibir mais comentários