Orlando, Flórida — A Samsung convidou membros da mídia brasileira para um passeio em Orlando com o objetivo de mostrar seu mais novo membro da família de aparelhos que roda Android, a Galaxy Camera. Recebemos a câmera já na saída do Brasil e venho brincando com ela desde então. Eis aqui as minhas primeiras impressões.

A primeira coisa que notei foi o peso. Uma câmera que tenha uma tela de 4,8 polegadas vai ser naturalmente mais pesada que as demais, mas fiquei um pouco surpreso com seus 300 gramas. Sua tela tem resolução de 1280×720 pixels, o que resulta em uma densidade de pixels de 302 ppi. E nessa tela são exibidos os 16 megapixels de imagem que ela é capaz de capturar.

Não se engane, a Galaxy Camera não é um smartphone. Ou seja, não tem funcionalidade de telefone, embora tenha o slot para microSIM que dá à câmera conectividade à rede de dados. É uma câmera point-and-shoot que, por acaso, roda Android. E ela roda muito bem a versão 4.1 Jelly Bean do sistema.

Como não podia deixar de ser, a interface da câmera é baseada no TouchWiz que a Samsung já usa nos demais aparelhos Galaxy. Existem várias modificações para adaptá-la para uma câmera, mas a interface é basicamente a mesma.

Segundo a Samsung, a Galaxy Camera está disponível nas principais lojas de varejo do Brasil, nas cores branca e preta, pelo preço sugerido de R$ 2.199. Nos EUA, ela custa US$ 500. A unidade que estou testando agora é produzida na Zona Franca de Manaus. Em breve publico o review completo.

Rafael Silva viajou para Orlando a convite da Samsung e vai tentar voltar não usando orelhas do Mickey.

Atualizado às 13h34.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

vanessa cristina guida

Olá..Alguem pode me ajudar,minha camera parou de funcionar,travou,o touch não funciona por nada nesse mundo,e detalhe,ela nunca caiu no chão,não sei onde levar para arrumar,não está mais na garantia..Obrigado

vanessa cristina guida
Olá..Alguem pode me ajudar,minha camera parou de funcionar,travou,o touch não funciona por nada nesse mundo,e detalhe,ela nunca caiu no chão,não sei onde levar para arrumar,não está mais na garantia..Obrigado
Sid Lf
a pessoa dizer q cameras sansung são ótimas, ainda mais custanto o preço de uma t2i por exemplo? me desculpe, mas n entende nadinha de maquinas fotogáficas... por isso q as empresas nos roubam tanto assim, n é nem o imposto, é pq independente de imposto, tem gente que compra de qualquer maneira, e assim é em qualquer segmento, carro, moto, maquinas fotograficas e etc... fala sério. Disseram público alvo, qual público alvo, novos consumidores? garanto q se lançarem copo descartável a 100 reais, tem gente q ainda compra, esse é o publico alvo e os novos consumidores. "Quem quer compartilhar fotos geralmente não se importa tanto com qualidade" pois é Kessler, quase no geral, gente assim pagaria até 5000 numa maquina dessa, lixo, em se comparando a muitas q tem por aí, e n importa, o q importa é q envie filme e foto na hora ou compartilhe, esses são os novos consumidores brasileiros.
Lucas Antônio
Então, infelizmente é importação mesmo. Se não me engano, tem um que deve pagar 60% do valor do produto mais o produto, é claro. Tem outros bem altos também que me fugiram da cabeça agora... Mas é isso, esse valor da câmera a ser pago é basicamente impostos.
Lucas Antônio
Leanderson, não tenho absoluta certeza, mas acredito que não é necessário contrato com AT&T. Outra coisa é que se você quizer trazer algo para o Brasil, existem alguns impostos bem cheios a serem pagos. Todos que conheço que tentaram driblá-los não se deram bem, no final das contas, o preço da câmera fica o mesmo que iria ser pago se comprada no Brasil.
Thanara Corrêa
Bem a mesma coisa, hoje tem celulares tops de linha mais baratos que essa câmera e a qualidade não é tão diferenciável.
Guilherme Macedo C.
Também acho um exagero. Pelos mesmo 500 dá pra comprar uma melhor da própria Samsung: http://www.samsung.com/us/photography/digital-cameras/EV-NX1000BFWUS
Juarez Lencioni Maccarini
Não precisa tentar voltar sem orelhas de Mickey, Rafa. Não há nada de mal nisso. Eu mesmo tenho um chapeuzinho de orelhas do Mickey com meu nome, hahaha. Ganhei da Disney quando trabalhava lá. :P Ah! Manda um abraço pro chefe! (Pro Mickey, não pro Mobilon! huahuahua)
Kessler
Se for para colocar no bolso, você encontra uma câmera muito mais compacta, com preço mais baixo fotos de melhor qualidade. Quem quer compartilhar fotos geralmente não se importa tanto com qualidade, e mesmo se se importar essa câmera da Samsung não tem uma qualidade tão superior aos celulares tops que custam praticamente o mesmo preço, são mais compactos e ainda fazem ligações.
Kessler
Talvez seja, não vi muitas. As que vi deixaram muito a desejar. De qualquer forma, uma enorme cagada colocar uma câmera mediana com Android e vender a 500 dólares quando com menos da metade você compra uma câmera muito melhor nos EUA. Seria um produto atraente se tivesse uma qualidade boa. A propósito, com 500 você quase compra uma Rebel que, apesar de ter outro público-alvo, tira fotos que fazem essa parecer uma Tekpix.
Guilherme Macedo C.
Fraca em comparação a outros modelos da própria Samsung.
onorathi
Bota uma "DSLR" no bolso então bacana , ou tenta compartilhar fotos e filmes na hora... nego só olha pro seu e não percebe q esse eh um novo mercado, para novos consumidores...
João Berdeville
Eu gosto do conceito, mas está bem caro (Seja em dólar, seja em real) e tem fotos feias (vide http://goo.gl/6ayYe). Comparando com a primeira câmera Android-powered, a Nikon Coolpix S800c, ela é melhor em muitos pontos, mas espero que o próximo modelo melhore em qualidade de imagem. :p
Kessler
Bom, estão aí as fotos da câmera em questão. Avalie-as você mesmo: http://www.androidcentral.com/samsung-galaxy-camera-sample-pics-gallery Fotos fracas em comparação com câmeras de menos de mil reais aqui no Brasil.
RonaldoGogoni
Quanto tá custando uma DSLR mesmo? Então...
Exibir mais comentários