Continuando o processo de reestruturação após a compra pelo Google, a Motorola deve demitir mais 1.200 funcionários (em torno de 10% do seu atual quadro de trabalho). Essa medida deve afetar principalmente os Estados Unidos, China e Índia, em uma tentativa de tornar a empresa ainda mais lucrativa.

motorola-wall-fixed

A informação vem do Wall Street Journal, a partir de um email que os funcionários da empresa teriam recebido. Segundo a publicação, o email explicava que "embora estejamos bem otimistas com relação aos novos produtos, ainda enfrentamos desafios", e que os altos custos e perdas de fatias de mercado (em um mercado cada vez mais competitivo) forçava a empresa a cortar custos.

Esse corte acontece quase oito meses depois da última demissão em massa, que aconteceu em agosto do ano passado. Como esperado, a empresa tentou tranquilizar os funcionários deixando claro que fará o possível para ajudá-los nesse período de transição.

O início de um novo processo de demissão em massa em menos de um ano nunca é uma boa notícia, mas a medida não deixa de fazer sentido, ainda mais se considerarmos a concorrência com outras fabricantes, como Samsung e LG. Agora é esperar, e ver se essa reestruturação toda e os novos produtos conseguem fazer a Motorola voltar a crescer.

Com Informações: Android Central

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Souza Souzas
Impossível! Android é a salvação para todas as marcas de celulares. Segundo o que muitos dizem, dos quais tem feito apelo a Nokia para que ela adotasse o Android...
Mike Metralha
Aquisições, fusões e reestruturações sempre geram cortes de funcionário. Isso é padrão em qualquer empresa de qualquer lugar do mundo. Não existe empresa boazinha quando a coisa aperta.
Mike Metralha
Não creio em restrição do Android para hardware Motorola.Afinal o SO é o que é hoje justamente pela pulverização de hardwares. Se não fosse a Samsung investir no Android estariamos todos com iPhone (da Apple, não o da Gradiente) ou celulares normais ainda.
Allen Franco
Motorola é gigante nos EUA, não vai falir mesmo.... provavelmente deve mudar o nome e começar a fazer celulares Android que vao fechar o codigo. Depois vão falar que a Nokia tinha razão pagando o valor simbolico pro Google auhaehhu... Conspiração pura, mas acredito nisso
Rafael Machado de Souza
qualquer empresa faria a mesma coisa. por pior que seja ser demitido isso acontece frequentemente em diversas areas.
Luandersonn
A HTC também está ruim das pernas. Mas não acredito na falência dela.
Fabio
Só a Motorola?
TaylerPadilha
Uma das maiores trolladas da década essa compra da Motorola pela Google. Outra que eu me lembre também foi a "compra" da Nokia pela Microsoft, uahuauahh!!!!
Ernâni Machado Alvarenga
Acho que o interesse eram só as patentes mesmo... capaz do Google enterrar a Motorola e abrir uma divisão tipo "Google Mobility", usando as patentes que adquiriu e uma folha de pagamento super enxuta.
Luandersonn
Patentes que sairam caras para o Google. Tenho pena dos trabalhadores, da Motorola não.
Tiago Gabriel
A empresa explica que, "embora estejamos bem otimistas com os novos produtos" iremos ferra com vocês, pois o suor de vocês não é mais suficiente e está muito caro. A Motorola agradece a compreensão.
@leossoliveira
Vai falir
Luiz Alberto
Tô achando que a Motorola vai fazer companhia pro Google Wave e Google Buzz...