Início » Jogos » Personagens que nos disseram adeus

Personagens que nos disseram adeus

Avatar Por

Nota da Redação: Você lerá a seguir o último texto do Izzy Nobre como colunista. Depois de alguns bons anos, nós chegamos à conclusão de que era hora de deixar ir. Obrigado, Izzy, pela sua participação por aqui. Boa sorte nos novos desafios! (Thássius Veloso)

Personagens de videogame são, de certa forma, como amigos. Nós nos conhecemos às vezes sem sequer ir muito com a cara deles. Com o passar do tempo, o convívio, as experiências compartilhadas juntos, você acaba gostando do sujeito. Ele pode até te causar raiva às vezes ("Pula, desgraçado! Eu tenho certeza que apertei X na hora certa, que droga!"), e como todo amigo de verdade, você pode passar até um bom tempo sem vê-lo, mas eventualmente o cara surge com uma história nova pra te contar (mesmo que só via DLC) e você retoma a amizade exatamente do ponto onde parou.

Só que, como amigos, os personagens dos videogames às vezes nos dizem adeus também. Temos os personagens perenes, aqueles longos amigos de infância que tudo indica que jamais nos abandonarão (os Marios, os Links, os Solid Snakes e por aí vai). Por outro lado, temos personagens que sumiram da nossa vida sem sequer dar um adeus bem definido – sem um jogo definitivamente final, que deixe claro que é sua última aventura com ele.

É o caso com...

Carmen Sandiego

Onde ela está?

Onde ela está?

Carmen Sandiego era a vilã da série de jogos educativos de mesmo nome. O primeiro da série, originalmente para o Apple II mas com lançamento pra DOS nos anos seguintes, é um que muitos de nós conheceram na escola: Where in the World is Carmen Sandiego?, um joguinho de aventura em que os gamers caçam ladrões internacionais usando como pistas dicas sobre a geografia e cultura dos países por onde os criminosos vão passando (além de ter que também emitir mandados de prisão baseando-se nas descrições que ouvem dos suspeitos).

O sucesso dos games foi tamanho que houve até um desenho animado baseado na série, que passou no Brasil nos anos 90. Não se lembra? Olha aí embaixo.

A série rendeu dezessete jogos, pra diversas plataformas, todos com a mesma pegada educativa. O último jogo legítimo da série (que sofreu com um orçamento menor do que um churrasco de domingo, pelo que noto nos vídeos de gameplay) chamou-se Where in the World Is Carmen Sandiego? Treasures of Knowledge. Ele saiu em 2001 e parece um pouco mais com os adventures point and click mais tradicionais – que já estavam perdendo fôlego por essa época. Além disso, o mercado educacional de games não é lá essas coisas todas, então é fácil entender porque a série definhou.

Eu disse que "World Is Carmen Sandiego? Treasures of Knowledge" é o último jogo "legítimo" da série porque em 2011 rolou um remake de Facebook do jogo original. Só que remake não conta, e jogo de facebook é fim de feira, né? Especialmente com esse ressurgimento dos point and click adventures.

Jazz JackRabbit

jazz-jackrabbit

Jazz Jackrabbit era uma resposta dos PCs a jogos de plataforma, que até então tinham trono garantido nos consoles mas não encantávam a galera micreira (lembra desse termo?). E eu não fui o único a achar que o game se inspirava bastante em Sonic: numa época de animais antropomorfizados que serviam como sinônimo visual de plataformas, não faltou gente que alegava que Jazz Jackrabbit seria o mascotes dos PCs. E graças à velocidade do Jazz, comparações com o Sonic eram realmente inevitáveis.

O jogo foi quase inteiramente programado na casa da mãe do seu desenvolvedor, um garoto até então desconhecido chamado Cliff Bleszinski. Sim, o próprio co-criador da série Gears of War. Quase caí da cadeira quando descobri isso alguns anos atrás.

O coelho verde apareceu na continuação do jogo, e num port lamentável pro Game Boy Advance. Olha a capa deste negócio, um elemento do produto que deveria ter o esmero ímpar, aquele que deveria supostamente atrair um jogador:

Também no GBA

Também no GBA

Mais genérico e sem inspiração, impossível. Tanto que matou o personagem, que não teve mais nenhum game desde então.

Ben 

"Faz tempo que não o vejo". Sei como você se sente, Ben.

"Faz tempo que não o vejo". Sei como você se sente, Ben.

Com uma perene expressão de quem acabou de chupar limão com sal, uma barba por fazer e uma atitude geral que não o torna exatamente mocinho nem bandido da história, Ben praticamente apresentou toda uma geração aos jogos adventure. E é uma pena que ele ficou só em um jogo: Full Throttle: Payback foi anunciado em 2000 e cancelado no ano seguinte. E em 2002, a LucasArts anunciou Full Throttle: Hell on Wheels. Digo com convicção que é até uma boa que o jogo não foi pra frente, porque aquele aspecto de que foi feito por calouro de faculdade de animação digital envelheceu muito mal. Sem contar nessa pegada "personagens descoladões de filmes da DreamWorks", que zoa completamente o ambiente e o espírito do primeiro jogo.

E pra fechar o caixão de vez (literalmente), Roy Conrad (o ator que fazia a voz do Ben) faleceu no mesmo ano em que Hell on Wheels foi anunciado. Oficialmente de câncer, mas prefiro acreditar que foi por desgosto daquele trailer. E por isso, pra sempre teremos a presença do Ben em apenas um jogo. Pelo menos, é um jogo sensacional, que por outro lado aumenta a sensação de potencial desperdiçado do personagem. É tipo quando um músico muito bom morre após gravar só um álbum.

Até mais

Antes de encerrar o texto de hoje perguntando a você que outros personagens de games deram adeus pra gente, chegou a minha vez de fazer o mesmo. Pessoal, é hora de tocar a bola pra frente, e então, após quatro incríveis anos na lista de escritores do Tecnoblog, este é meu último texto aqui. Meu período como colunista do TB foi ímpar pro meu crescimento como profissional da internet; foi de fato uma das primeiras oportunidades que recebi que legitimaram minha ocupação como "problogger". Não apenas isso, mas muitas das oportunidades que recebi em seguida vieram justamente por causa do meu envolvimento com este site.

Sentirei falta de fazer parte deste que é um dos maiores sites brasileiros de tecnologia, e sentirei falta de poder me comunicar com vocês através de um site tão prestigioso. Já começo a sentir falta agora, aliás. Desejo sucesso para o resto da equipe.

Ah! Se quiser continuar acompanhando meu trabalho, você pode me encontrar no meu site, o Hoje é um Bom Dia, no meu canal do YouTube e no Twitter. Um grandissíssimo abraço a todos e continuem jogando 😉

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Rafael Bruno
Lester Knight Chaykin, pra quem não lembra dele pelo nome é o cientista de Out of This World. Jogo muito bom. Muitas horas de jogo e desafios nos diversos labirintos. Joguei muito!
jotazer
Acaba nada, ajuda ae ;) https://secure.avaaz.org/po/petition/O_99vidas_nao_pode_acabar_no_numero_99
dfcarvalho85
Ah Full Throttle... Aprendi mais inglês a cada 10 minutos desse jogo do que cada ano que fiz de Wizard... Muito bom! Deu vontade de jogar de novo. Alguem aí ainda tem ele?
jonnyken
Alex Kidd!!! O Sonic matou ele e nunca foi julgado por isso!!
Sah C.V
Adorava uns jogos beem antigos! O Maniac Mansion e principalmente o Day of the Tentacle que eu jogava com a minha irmã! Era MUITO boom =D
portela.thiago
E o Chrono, de Chrono Trigger, é claro... jogo q só teve ports, mas nada de evolução (com os mesmos personagens ok?? eu não me esqueci de Chrono Cross)
portela.thiago
Uma pequena lista: Bubsy (um gato, acho) na mesma pegada do Sonic, só q ele flutuava. Turrican, nem preciso explicar Rocky Rodent (um rato louco que cada tipo de cabelo tinha uma funcionalidade, ótimo jogo) Swat Cats (lembra do desenho?) ...
Torrano Thi
Eu era muuuuito fã da Carmen Sandiego! Joguinho bom demais! Apesar da simplicidade, super bem feito, gostoso de jogar e ainda aprendi muito com ele!!! Adorei o Full Throttle tb! Não sei se vocês conheceram o jogo que eu considero o melhor de todos os tempos: The Pandora Directive! Acho que faltou esse aqui! Jogo de detetive e totalmente interativo. Ainda tinha 3 finais diferentes dependendo de como era o seu "caráter" no jogo. Incrível! Sucesso, Izzy Nobre na sua nova fase! Abs a todos! Thiago.
Luispaula
*vezes #SonharMaisUmSonhoImpossivel #BotãoEDIT
Luispaula
Deve ter algo errado comigo. Já escutei a abertura de Carmen Sandiego umas dez vez em Inglês, Espanho e Português.Cada. #HELP
Bucabala
Tenho ele completo em backup, jogo no android de vez em quando... muito bom...
Daniel F. Ramires
Jazz Jackrabbit!!! Joguei MUITO esse jogo. Cansei de perguntar pras pessoas sobre o jogo que tem um coelho com uma bazuca. Valeu por me lembrar o nome!
Alenonimo
Acho que seria interessante ir no site do GOG.com e pedir pra relançar esses jogos antigos legais. O System Shock 2 mesmo foi lançado quando viram que era um dos jogos mais requisitados por lá.
Marcoscs
será que o Izzy vai levar seus 40.000 brothers com ele?
Felipe Rodrigues
Poxa, nenhum comentário citando o glorioso coelho verde? Um dos jogos na qual me apaixonei quando muleque haha!
Junior Silva
Poxa, Carmen Sandiego era legal... Boa sorte, Izzy.
Maurício Rodrigues
Where in the World is Carmen Sandiego? Cara ja joguei muito no windows 95 na época O.o
RamonGonz
É isso ai Izzy. Fará falta por aqui, mas a vida segue. Sucesso! PS.: Bem que o Gus Fune poderia enviar mais artigos. Sempre gostei dos artigos dele.
Julio Mauro
Só sinto saudades do Ben... E boa jornada ai Izzy...
Jorge Afonso
Saudades da Carmen Sandiego... Eu chegava a cantar a música de abertura. Bem que eles poderiam repassar o desenho aos sábados. Eu re-assistiria ele com o maior prazer. XD
Rodrigo Volta
É o mesmo que aconteceu com Grim Fandando e outros títulos da Lucas Arts. Eles só lançaram um titulo do jogo. Estes jogos mereciam um longa animado, afinal, hj se tornaram épicos, icones dos jogos de estratégia. Chega de Marvel Comics.... rsrsrs....
Rodrigo Volta
Tenho até hj meu CD do FT que veio em um kit multimídia da Creative.... De vez em quando eu jogo via DOSBox só pra matar as saudades....
twi_40232731
Saiu o Carmen Sandiego para facebook, se você considerar ele como parte da franquia.
odiegoneves
Verdade, Carmen Sandiego sumiu de vez?...
Guilherme
poxa izzy, logo logo 99 vidas acaba e agora voce tbem ta saindo do TB :(