Início » Internet » Saraiva lança plataforma para publicação de e-books

Saraiva lança plataforma para publicação de e-books

Avatar Por

A Saraiva lançou ontem o publique-se! (assim mesmo, com letra minúscula e exclamação), plataforma para publicação de livros por autores independentes. Com ele, dá para formatar e lançar um ebook de forma descomplicada, além do autor contar com a estrutura de vendas online da livraria para comercializar sua obra.

Para publicar um livro, é só preencher as informações sobre ele - como título, autor, sinopse e imagem de capa - e subir o arquivo de texto do Word ou do OfficeWriter; o próprio publique-se! se encarrega de converter para o formato EPUB. Há um guia no site para que a pessoa faça a formatação certinha no programa e o livro fique bonito após a conversão.

O preço também é escolhido pelo autor. É aí que a Saraiva recebe, já que a ferramenta é gratuita: a comissão da empresa é de 65% do valor.

Enquanto utilizar a ferramenta para publicar o ebook é simples, colocá-lo no ar tem uma porçãozinha de burocracia que pode ser meio chata. É preciso imprimir o termo de adesão, assinar, reconhecer firma e enviar para a empresa pelo Correio.

A Saraiva ainda pretende, no futuro, aumentar a abrangência do publique-se! promovendo lançamentos em livrarias da rede e livros impressos.

Com informações: INFO

Mais sobre: , ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Raquel Simoes Pires
É isso, ou esperar por mais um ano a Amazon, ou pior ainda, engavetar a obra! Prefiro arriscar, aliás, como já o fiz. Está lá, na Saraiva, minha obra de 421 páginas, com 18 capítulos ilustrados: GUARDIÃO DO CETRO. Uma aventura fantástica com muita ação. Como dizia o velho filósofo: "É melhor ter UM passarinho na mão, que DOIS voando!" Abraço de Nivo Passos.
Thanara Corrêa
Tem que ver o preço dos livros, dai né, porque se for o preço do físico prefiro baixar pela net.
Eduardo Levi Chaves
65% de comissão? Que venha a Amazon com toda a força para o Brasil logo!!!
Fernando da Silva
Que dilema para os escritores!
Dalmácio Irapuan Santos
65% de comissão? Esses caras esqueceram que para escrever uma obra (livros, contos, crônicas, etc), o autor despende 95% de trabalho duro e somente 5% de inspiração? Tenho pena dos coitados que resolverem publicar seus livros através desses piratas... Que tal inverter a comissão?
Bruno Soares
Pouco lucrativa, público pequeno e burocrática. Sério, ainda não entendi a vantagem.
rafaholanda
Muito legal isso, mas 65% pra Saraiva é ridículo.
Lekynus Sama
porem quando vc envia um livro para iBook, ele deixa de ser seu
Thales Francisco
Querendo fazer o que a Amazon faz lá nos EUA antes que ela comece a fazer aqui no Brasil... vamos lá...
Tiago Gabriel
Pode vender monografia da graduação? kkkkkk, brincadeira..., gostei muito disso, mais uma oportunidade para bons escritores independentes que não tinham muita chance com as editoras.
Só achei um pouco salgada a comissão. ;-)
Eric Arraché
Enquanto isso, a Amazon oferece 70% das vendas, igual a Appstore. Eu só digo uma coisa: boa sorte pros trouxas que se aventurarem a dar mais da metade do trabalho deles pra Saraiva.