Quem passa pelo menos uma hora por dia (por exemplo, indo para o trabalho) ouvindo música no smartphone sabe como isso pode dar uma bela drenada na carga. Para evitar que você fique sem bateria, foi criado o OnBeat, headphone que carrega seu aparelho ao mesmo tempo em que você ouve música.

A ideia parece tão óbvia que dá raiva de não ter pensado antes. O OnBeat tem placas de captação de energia solar na haste. A energia é, então, armazenada nas baterias de Lítio de 1000 mAh que ficam nas conchas do headphone. Para dias de tempo nublado ou nos quais você não vá sair de casa, também é possível carregá-lo em uma tomada.

Para carregar a bateria do smartphone, é utilizado um cabo USB. A voltagem é de 5,5 V. Para ouvir as músicas, uma conexão P2. Então, para ouvir música enquanto o celular é carregado, é preciso conectar os dois cabos. Considerando que na maioria dos aparelhos as duas entradas ficam bem distantes, a formação não deve ficar muito confortável de levar no bolso, por exemplo.

Falando da parte sonora, ele tem resposta de frequência de 20hz – 20.000Khz e drivers de 40 mm.

Para financiar o projeto e já garantir o recebimento de um OnBeat, é preciso desembolsar pelo menos 69 libras (cerca de 230 reais). Mas quem quer apenas apoiar a ideia pode investir a partir de 2 libras.

Por que é legal? Porque vai resolver um problema diário de todo mundo.

Por que é inovador? Porque ninguém pensou nisso antes.

Por que é vanguarda? Porque atribui uma função a mais para o headphone. Carregadores de bateria portáteis existem aos montes, mas é um gadget a mais para carregar…

Vale o investimento? Sim. 230 reais é mais ou menos o preço de um headphone bom por aqui. Se ele além de bom também carregar seu smartphone, negócio fechado.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Luiz Henrique Bezerra Crivelli
clap clap clap clap clap clap clap clap clapclapclapclap
William Bannach
Ah entendi Mobilon, pq os leitores antigos disseram que antes tinha Fb mentirosos :(
William Kennedy
Pena que no metrô não tem sol pra carregar meu headphone. Vou continuar na tomada mesmo.
Braz Moura Locateli
Bem interessante.
Jeferson Patrocínio
Não acho uma boa ideia andar com baterias de lítio nas orelhas. Muito perigoso isso. Mesmo assim a ideia é boa.
Marcello Pek Di Salvo
seria interessante se fosse qualquer outra forma de captação de energia que não fosse a solar. e com a bateria interna ficaria fácil de botar um receptor bluetooth nele, né...
Alessandro Johnny
Tem sim, usando a API que fornece aúdio pela porta de dados. Seria semelhante aos docks mais caros, que não usam P2. O problema é que isso demanda mais recurso, gasta mais bateria para o processador no fone fazer a conversão dos dados para aúdio (digital para analógico). E as fabricantes costumam cobrar para ter a certificação de que vai funcionar no aparelho dela, tipo o Made for iPhone/iPad, da Apple, então teria um aumento no valor final do fone, mas seria muito mais bacana.
Agnatos
Eu achei bem legal a idéia.
Caio César
Ué, a entrada USB é no fone, não no iPhone. rs! No telefone fica o cabo com a saída específica de cada aparelho.
Thiago Mobilon
Back não porque é a primeira vez que usamos! hahaha Mas estamos testando em conjunto com o nosso sistema, vamos ver no que dá. :-)
Thiago Mobilon
Back não porque é a primeira vez que usamos! hahaha Mas estamos testando em conjunto com o nosso sistema, vamos ver no que dá. :-)
William Bannach
Facebook is back to Tecnoblog???
Emmanuel Nunes
Que foda...
Thiago Mobilon
O que vocês acham desse projeto?
Carlos Eduardo Backes
tu não assistiu o vídeo!? o cara demonstra usando um iphone!
Exibir mais comentários