Quando você compra um game em mídia física, presume poder jogá-lo assim que o coloca no console, certo? Só não espere contar com esta (óbvia) possibilidade no Forza Motorsport 5, jogo que fará parte da primeira leva de lançamentos para o Xbox One.

Quem explica é a própria Turn 10, desenvolvedora responsável pelo título. Segundo uma entrevista ao IGN dada por Dan Greenawalt, chefão do estúdio, o jogador terá que fazer download de um complemento do Forza Motorsport 5 na primeira vez que colocá-lo no console. Do contrário, o game não rodará.

Ainda de acordo com Greenawalt, o pacote baixado inclui pistas e carros adicionais, além de “Drivatars”, rivais virtuais que baseiam seu comportamento no desempenho de jogadores reais que fazem disputas on-line. Este conteúdo adicional é interessante, sem dúvida, só que é bastante estranho ser obrigatório.

Dan Greenawalt justifica (ou tenta, pelo menos): “basicamente, desenhamos o game para trabalhar com todo esse conteúdo, não importa quão tarde este chegue; trata-se de uma questão de tornar o jogo tão grande quanto for possível”.

O que Dan quer dizer é que o ponto central da história toda é o fato de o jogo precisar estar pronto muito antes de novembro, que é o mês previsto para o seu lançamento. Assim é possível submetê-lo à avaliação e certificação da Microsoft, além de preparar a distribuição das mídias. Ao exigir um download adicional, a Turn 10 consegue aproveitar o intervalo até o lançamento para incluir todos os recursos planejados.

Não seria então mais fácil adiar a data de lançamento? Certamente, mas a empresa parece estar determinada a aproveitar toda a visibilidade que Forza Motorsport 5 provavelmente terá ser for disponibilizado junto à chegada do Xbox One. O tempo dirá se esta decisão é ou não um tiro no pé.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Rod Shaka Kaneshiro
Acho muito cedo para julgarmos se estão certos ou errados. Esse negócio que o PS4 ou XboxOne é a melhor compra, não passa de tolice!. Até porque estamos falando de dois consoles que nem começaram as vendas, ninguém aqui jogou as plataformas e poucos aqui tem os dois consoles atuais em casa, para julgar o que é bom ou não. A história dos video-games mostra, que nem sempre o melhor processador (em tese), é o melhor console!. Sobre o Forza 5. Só para quem realmente conhece sobre os dois melhores simuladores do mundo, sabem como são feitas as politicas da empresas. Enquanto a Polyphony, prefere sempre adiar para colocar mais coisas no Gran Turismo, o pessoal da Turn10 prefere adiciona-los com o passar do tempo. A quem joga Forza Motorsport 4, sabe muito bem o quanto a empresa explorou a XboxLive. E sempre o jogo vinha com um disco 2 para "adicionar carros e pistas". Não reclamo, e acho uma boa aposta, desde o que haja mais conteúdo.
João Manoel
O problema não é a mídia, é que precisa de 1 ou 2 meses para a Microsoft certificar o jogo e esses conteúdos não estão prontos ainda. Se estivessem, viria junto com o disco.
Zeruel Otomo
Sei lá, é meio duvidoso o comparativo de custo. Sempre tentam empurrar para "mas para rodar no máximo" e esquecem que consoles não rodam em sua maioria nem em 1920x1080 os jogos. Se você igualar a configuração de vídeo do seu PC/Notebook para um console (derrubando para 1280x720, tirando AA, AF, diminuindo qualidade das texturas, sombras e outros efeitos), você estende ainda mais a "vida útil" do seu equipamento. Custo geral do equipamento então é mais complicado ainda. Não dá para trabalhar/estudar num console, mas dá para jogar num PC. Fica difícil segregar o quanto você gastou puramente para um ou outro. E como o colega apontou, o custo com jogos no console é absurdamente alto. Mesmo que você tenha pego digamos um Xbox cinza por 1000~1200 reais no lançamento. Cada jogo te sangrou de 150 a 300 reais. Ainda hoje te sangra isso, enquanto no PC qualquer promoção em uma das várias lojas online te sangra no máximo 120 reais (sim, estou olhando para você Activision). E como também já apontado, eles não tem "validade". Mesmo que a empresa não atualize o jogo para rodar no próximo Windows, se as mudanças não são drásticas ele vai rodar de qualquer forma. Se não, uma VM resolve o assunto na maioria das vezes. Consoles não tem essa longevidade infelizmente, tornado os gastos com jogos mais altos ainda, consumindo mais espaço também, pois TEM que guardar a plataforma antiga para jogar. Bem...em resumo, tem chão ainda antes dos consoles chegarem ao nível de multitarefas de um PC, mas esperançosamente com a adoção da arquitetura x86 pelo menos os males da incompatibilidade serão sanados (ou assim esperamos).
Zeruel Otomo
A Turn 10 é estúdio interno da MS
Daniel Castro Maia
a soluçao todo mundo ja sabe: PS4
Turdin
Thiago, se meu PC já é mais forte que um console, todos os jogos em geral vão rodar sem problemas sim, 60% no gráfico igual do CONSOLE, 40% melhores que ele ;)
Turdin
Paguei 4.000 Mas o custo beneficio dele vem que pago no máximo R$ 30,00-50,00 em jogos originais, enquanto a galera do console está ai pagando 3x mais Uns 20 Jogos já cobriram essa diferença, eu tenho 380 :) http://steamcommunity.com/id/turdin/
tanure.pedro
Só uma pergunta, por curiosidade: quanto você pagou no seu notebook? Desconfio que deve ter sido bem mais do que se paga num console (ou posso estar enganado).
Thiago Torres
Certo... E qual a diferença de custo do seu notebook e de um ps3? A questão do Crysis eu usei mais como uma metáfora, existem jogos mais pesados atualmente (o último que ouvi falar foi o battlefield 3, mas imagino que já existam jogos mais pesados). Meu ponto é que no console os fabricantes adaptam o jogo para ele, ou seja, você compra sabendo que o jogo VAI rodar, não precisa ficar vendo compatibilidade e coisas do gênero, além de que nem todo gamer tem dinheiro para comprar equipamentos de última geração. Quanto a questão do preço dos jogos, é questão de tempo até as produtoras adotarem o modelo steam de vender jogos. (estou colocando meus pontos de vista sem fanboyismo, ok? Só penso que é importante pensar no todo em certas questões)
Turdin
Não existe nenhum jogo que meu notebook não rode atualmente no minimo no HIGH, e a maioria no ULTRA. Crysis roda topado. Não dá pra trocar placa de vídeo nem processador, mas comprar com uma placa de vídeo boa você vai aguentar por anos e anos os jogos. Outro detalhe no PC: Você não perde seus jogos antigos a cada versão como console. Sempre vai ter eles ali.
Orley Lima
Quem só tem 3g tem que primeiro arranjar uma internet de verdade. =)
Wendell Luiz
Impressionante, agora mesmo que boto um ps4 na minha lista de compras pro final de ano D;
Leonardo Aleluia
Então não dá pra emprestar esse jogo?
tanure.pedro
Pois é. Mas na verdade eu acho que a comparação entre PC e consoles é injusta, por mais que sejam os mesmos jogos. Obviamente os pc's são muito mais versáteis. Porém, eu sinto que no console, justamente por ser dedicado, eu tenho uma imersão maior (não tem messenger apitando, gente puxando papo no steam, alt+tab pra ver site, etc). Multitasking é legal quando você não quer se concentrar em fazer somente uma coisa, como (para mim) é o tipo de atenção que os bons jogos merecem.
Bruno Di Castro
"Sem mais perguntas, meritíssimo!"
Exibir mais comentários