Se você não vê a hora de botar as mãos em um smartphone com Firefox OS, eis uma boa notícia: a plataforma já tem previsão de lançamento no Brasil. Os aparelhos Alcatel One Touch Fire e ZTE Open começaram a ser comercializados nesta quinta-feira na Colômbia e na Venezuela, e deverão chegar ao nosso país no último trimestre de 2013.

O Alcatel One Touch Fire é um smartphone com processador Qualcomm Snapdragon S1 de 1 GHz (single core), 256 MB de RAM, tela de 3,5 polegadas (320 x 480 pixels), armazenamento de dados via cartão microSD de até 32 GB (acompanha uma unidade de 2 GB), bateria de 1.400 mAh, câmera traseira de 3,2 megapixels (sem câmera frontal), GPS, Wi-Fi 802.11n, 3G, Bluetooth 3.0 e porta microUSB.

Alcatel One Touch Fire

Alcatel One Touch Fire

O ZTE Open, que começou a ser comercializado na Espanha no mês passado, tem configuração quase idêntica, mudando apenas um detalhe ou outro. Como se vê, são especificações típicas de aparelhos de entrada, mas o Firefox OS tem justamente o público menos exigente como alvo - a ideia é comercializar os aparelhos baseados na plataforma com preços bastante atraentes. Espero que seja assim também no Brasil.

ZTE Open

ZTE Open

Na Colômbia, por exemplo, o Alcatel One Touch Fire e o ZTE Open começaram a ser vendidos pelas Movistar (operadora do grupo Telefônica) por um valor equivalente a 105 dólares na modalidade pré-paga e 52 dólares em um plano pós-pago com mensalidade de 20,80 dólares que inclui pacote de dados de 500 MB, 90 minutos de conversação (1.000 nas chamadas de Movistar para Movistar) e 100 mensagens SMS.

O Grupo Telefônica já confirmou a chegada de ambos os aparelhos ao Brasil no último trimestre do ano, como já informado, mas não deu informações precisas sobre datas e preços. Mas é bastante provável que a companhia adote uma estratégia de lançamento semelhante, ou seja, vincule a disponibilização inicial dos aparelhos a planos móveis da operadora Vivo.

Daremos mais informações assim que tivermos os detalhes. Enquanto isso, você pode saber mais sobre o Firefox OS no site da Mozilla.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Felipe Autran
Eu uso um. :P Concordo com você que o Firefox quer melhorar a experiência de quem só pode comprar smartphone com Android 2.x e por isso que estava esperando ele chegar ao Brasil, mas se ficar acima dos R$ 400 vai valer mais pena juntar mais um pouco e comprar um celular melhor.
Andrey Felipe
Tecnoblog vcs ja viram o clipe do Homem Instagram?? hahaha http://www.youtube.com/watch?v=AkOqse8vqQY
Thanara Corrêa
também reparei isso, ._. já quando é high end qualquer leak tem que ser comentado sobre, ou desviado
_dann_o
definitivamente vou comprar um, espero que o custo Brasil não estrague a estratégia do pessoal da Mozilla.
Marcus Pessoa
O Felipe tem sua razão, acabei de ver o Motorola Razr D1 por 371 reais numa loja online, e é um belo Android de entrada. Os aparelhos com Firefox OS têm que ser mais baratos, de preferência na faixa de 250 reais no máximo.
portela.thiago
"Tem Android mais barato"... sim, tem, mas vc já tentou usar um?? Creio que o que o FF OS quer fazer é melhorar a experiência de quem compra aparelhos baratos. o "Android de entrada" (q sofre pra rodar o Android e outros apps) vai morrer...
Felipe Autran
R$ 400 é muito. Tem Android mais barato. Se pretende mesmo ser aparelho de entrada essa faixa de 100 dólares da Colômbia é o ideal.
Emerson Alecrim
Olha, se chegar por até uns 400 reais, considerarei seriamente comprá-lo como um aparelho "backup".
Marcelo Buer
Vai ajudar a amadurecer o HTML5
Marcus Pessoa
Um aparelho desses é bem superior ao Asha 501 da Nokia e deve aparecer com preço semelhante ou menor.
Emerson Alecrim
Pior que rola algum mistério sim, haha. Pelo menos nos contatos que a gente faz com as assessorias, as respostas quase sempre são evasivas :P
Fernando Henrique Soares Da Silva Teles
Eu vou comprar 1
Daniel Santiago
Quero ver o da Sony
Nóbrega de Araújo
A Firefox abriu um precedente colossal no mundo dos browsers. Será que agora abrirá algum no mundo dos smartphones? Acho que não, mas é sempre bom ver, além de Android e iOS, Ubuntu e Firefox OS.
YanGM
Quando o assunto é low-end ninguém faz segredo, né?