Início » Negócios » Sabe qual é o maior arrependimento de Ballmer na MS? Isso mesmo: o Windows Vista

Sabe qual é o maior arrependimento de Ballmer na MS? Isso mesmo: o Windows Vista

Por
1 ano e meio atrás

O futuro ex-presidente da Microsoft, Steve Ballmer, disse nesta sexta-feira (23.ago) que um dos maiores arrependimentos dele no comando da empresa foi – veja só – o processo de transformar o projeto Longhorn no que acabou sendo o Windows Vista. Faz sentido. De acordo com o Instituto DataThás, é o pior sistema operacional de todos os tempos e de todas as galáxias.

A declaração foi feita durante uma entrevista com a jornalista americana Mary Jo Foley (da ZDNet), praticamente a papisa em termos de Windows e soluções Microsoft, logo depois de anunciar a aposentadoria em no máximo um ano.

Então fica assim: a gente se encontra em outra ocasião (foto: divulgação / Microsoft)

Então fica assim: a gente se encontra em outra ocasião

Ballmer foi aparentemente muito sincero na resposta. Disse que ele teve a chance de cometer muitos erros “e provavelmente porque as pessoas querem se focar no período A, período B”. O que quer que isso queira dizer… Em seguida, ele citou o antecessor do aclamado Windows 7. Segundo Ballmer, “há efeitos colaterais de quando você coloca uma grande equipe para fazer algo que não se prova tão valioso assim”.

De fato, o Windows Vista foi muito detestado. Eu tinha uma máquina que rodava tranquilamente o sistema, então não posso me queixar do trabalho feito pela Microsoft, mas os problemas com drivers tornaram-se uma constante para muitas pessoas neste mundo da tecnologia. E sabe como é: não importa onde está a falha, no fim das contas a culpa recai sobre aquilo que está mais evidente diante de nossos olhos. No caso, o Windows. E acredite, ainda hoje o sistema está em uso entre 3,5% e 5% de todos os computadores no mundo, segundo dados diversos de empresas de análises de mercado e consultoria.

E qual foi a maior conquista de Ballmer à frente da MS? O executivo citou a participação dele durante o surgimento do “da computação pessoal inteligente”, desde os anos 1980, até recentemente. Ballmer citou o bilhão de pessoas que atualmente utilizam o Windows “e ainda mais agora com os celulares, ainda que nem todos sejam nossos celulares”. Ele tem toda a razão. Embora haja resistências infantis em reconhecer isso, a Microsoft tem grande importância no modo como lidamos com os computadores atualmente. Mesmo com todas as besteiras e enganos na história da companhia.

Entre outras perguntas diversas sobre os negócios, a vida, a carreira e mais, Steve Ballmer deu uma resposta relativamente grande sobre o motivo pelo qual a Microsoft não quer mais ser uma empresa tipo a IBM, voltada especialmente ao mercado corporativo. Ele afirmou que não há como distinguir certas atividades, do tipo atuar no campo do email no segmento corporativo, mas não fazer o mesmo no segmento de computação pessoal. O mesmo vale para os gadgets (leia-se tablets e smartphones): “ninguém conseguiu inventar um dispositivo que seja somente corporativo ou somente consumidor”.

O que Steve Ballmer pretende fazer quando assinar a carta de demissão e finalmente deixar a Microsoft? “Francamente, eu não sei.” Mas acrescenta que provavelmente haverá um segundo capítulo em sua vida para novas realizações. Mais ou menos como o parceiro Bill Gates, que continua como presidente do conselho da Microsoft, além de chefiar a Fundação Bill & Melinda Gates com a esposa, na tentativa de retirar do mundo uma série de doenças. E por sinal, falando em Gates: o mentor de Ballmer não interferiu na decisão de se aposentar. “Ultimamente, esse tipo de coisa deve ser uma decisão pessoal”, respondeu Ballmer.

Lembra dele? (imagem: divulgação / Microsoft)

Lembra dele?

Atualizado às 23h44.

    • http://thassius.com Thássius Veloso

      Marcos, você tem toda a razão – eu cometi um lapso na hora de escrever. Jamais diria que o Windows 8 é um sistema ruim. Aliás, pela experiência que tive até agora, gostei bastante. O artigo foi atualizado para evitar confusão =]

      • rafaholanda

        Todo evento da Apple é assim, as pessoas riem de qualquer coisa que é mostrada, fanboys….

        • Américo

          .Net não copia Java. Ele veio pra concorrer e de cara tentou pegar um nicho maior do mercado. Em partes ganha, em partes perde, mas copiar já é exagero. A MS viu uma chance de ganhar dinheiro e fez. Quem não quer ganhar dinheiro?

          E a Microsoft copia porque as concorrentes se deixam copiar e por vezes se negam a ir pra cima. Deixa os mercados populares para a MS. A Microsoft não é boba… Então eu não sei qual é o problema aqui. Ela pode ser uma copiadora nata, mas ainda assim não fosse ela e essa mania de copiar, ainda não teríamos chegado nem perto dos avanços que temos hoje. A tecnologia só avança se houver consumo para o que está hoje no mercado.

          Repare, não estou dizendo que a MS é a melhor empresa do mundo nem inocente nem nada… Cada qual quer sua fatia de mercado e está disposta a brigar com isso. E cada qual com suas armas. Então até aqui, não vejo problemas no que a MS já fez.

    • http://facebook.com/vinicius.barroscolli Vinícius

      O Vista é um bom sistema, só veio na época onde hardware nenhum aguentava. Mas isso foi bom, pois forçou os computadores evoluirem em termos de processamento e tecnologias.

    • Américo

      Concordo com vc, o ME era muito pior, mas seu antecessor ainda era duro de trabalhar. Já o Vista tinha um antecessor redondinho, logo uma queda assim (do WinXP para o Vista) é de se detonar mesmo… Não sei se me fiz entender…

  • Fernandu Z-luciu

    maçã podre pegando carona…

  • Maurício Rodrigues

    Para mim o vista fica longe de ser o pior se comparado com o ME. Sem falar que o 7 não deixa de ser o Vista melhorado, sempre achei o Vista um bom sistema, foi apenas pesado para as maquinas da época, mais como sempre usei hardware pesado nunca tive problemas com o mesmo. Como hoje em dia não tenho problema com o 8.

  • Gilberto Lucio

    Eu não sou da MS, mas meu arrependimento tbm foi o Windows Vista. Que belo pote de lixo. O Windows 7 é uma obra de arte ao meu ver!

  • Tiago Gabriel

    Windows Vista Caolho.

  • jacques

    O Vista, por mais odiado que fosse, nunca tive grandes problemas com ele, apesar de ter ficado pouco tempo com ele na maquina. Outro campeão de reclamações, o ME, cheguei a usar durante um tempo sem maiores complicações.

    Agora o windows 8, por mais que tentei usar, simplesmente não deu: corrompimento do fontcache.dat em praticamente quase toda inicialização, falta do global search, picos de load do HD e a incompatibilidade com o Share EX2 me fizeram remover esse SO com menos de 45 dias de uso.

    Enfim, vai tarde Ballmer, depois do windows 7, você não deu uma bola dentro.

  • http://www.segundachuvosa.blogspot.com Gabriel

    Eu gostava do Windows Vista, apesar de ter consciência que o hardware exigido era absurdo na época do lançamento. O design era muito bom, inclusive preferia o design daquela barra em relação ao Windows 7. Pior é que ainda utilizo o Windows XP no trabalho. :(

  • Marcvs Antonivs

    Tb nunca tive problemas com o Vista ( que rodava numa velha maquina Pentium 4 com uma placa de video porca ). Até gostava do Dream Scene.

      • André Macêdo de Andrade

        Isso é piada demais, como o Windows ME mais leve travava num Compaq com Pentium 3, e eu acabo de digitar esse comentário de um Pentium 3 1 GHZ da Compaq que comprei esse ano usando o Windows XP SP3, o SP3 é de 2008, e ele roda bem demais e liga bem rápido, até no Facebook consigo entrar um pouco, ainda bem que eu só usei esse Windows ME em lan house.

    • http://thassius.com Thássius Veloso

      Paulo, entendo a sua leitura da questão, mas gostaria de expor o outro lado: se bem me lembro, a Microsoft pedia requisitos fabulosos para o Windows Vista rodar tranquilamente. Bem diferente da pegada de hoje, em que até as máquinas mais modestas e humildes são capazes de executar o Windows 7 sem problemas, bem como o Windows 8/8.1.

      • André Macêdo de Andrade

        Thássius Veloso, fico feliz de ver uma pessoa que é de um blog de tecnologia concordando comigo que em 2007 era muita exigência me lançar o Windows Vista, pedindo 1 Giga, processador de 1 GHZ e DirectX 9 na placa de vídeo para rodar o Aero. Qualquer pessoa normal sabe que naquela época os que moram em locais de melhor acesso a tecnologia tinha em media um Pentium 4 de 2.20 GHZ por ai, fora muitos que ainda tinham Pentium 3, ATLON Antigos ou computadores mais fracos ainda. Core 2 Duo, Core 2 Quad e Pentium Dual Core mal havia sido lançados.

  • Alexandre Cinci

    XP, isso sim era sistema operaciona :p

Tecnocast

|

Faça seu login no Tecnoblog

Crie a sua conta

Esqueci minha senha