O futuro ex-presidente da Microsoft, Steve Ballmer, disse nesta sexta-feira (23.ago) que um dos maiores arrependimentos dele no comando da empresa foi – veja só – o processo de transformar o projeto Longhorn no que acabou sendo o Windows Vista. Faz sentido. De acordo com o Instituto DataThás, é o pior sistema operacional de todos os tempos e de todas as galáxias.

A declaração foi feita durante uma entrevista com a jornalista americana Mary Jo Foley (da ZDNet), praticamente a papisa em termos de Windows e soluções Microsoft, logo depois de anunciar a aposentadoria em no máximo um ano.

Então fica assim: a gente se encontra em outra ocasião (foto: divulgação / Microsoft)

Então fica assim: a gente se encontra em outra ocasião

Ballmer foi aparentemente muito sincero na resposta. Disse que ele teve a chance de cometer muitos erros “e provavelmente porque as pessoas querem se focar no período A, período B”. O que quer que isso queira dizer… Em seguida, ele citou o antecessor do aclamado Windows 7. Segundo Ballmer, “há efeitos colaterais de quando você coloca uma grande equipe para fazer algo que não se prova tão valioso assim”.

De fato, o Windows Vista foi muito detestado. Eu tinha uma máquina que rodava tranquilamente o sistema, então não posso me queixar do trabalho feito pela Microsoft, mas os problemas com drivers tornaram-se uma constante para muitas pessoas neste mundo da tecnologia. E sabe como é: não importa onde está a falha, no fim das contas a culpa recai sobre aquilo que está mais evidente diante de nossos olhos. No caso, o Windows. E acredite, ainda hoje o sistema está em uso entre 3,5% e 5% de todos os computadores no mundo, segundo dados diversos de empresas de análises de mercado e consultoria.

E qual foi a maior conquista de Ballmer à frente da MS? O executivo citou a participação dele durante o surgimento do “da computação pessoal inteligente”, desde os anos 1980, até recentemente. Ballmer citou o bilhão de pessoas que atualmente utilizam o Windows “e ainda mais agora com os celulares, ainda que nem todos sejam nossos celulares”. Ele tem toda a razão. Embora haja resistências infantis em reconhecer isso, a Microsoft tem grande importância no modo como lidamos com os computadores atualmente. Mesmo com todas as besteiras e enganos na história da companhia.

Entre outras perguntas diversas sobre os negócios, a vida, a carreira e mais, Steve Ballmer deu uma resposta relativamente grande sobre o motivo pelo qual a Microsoft não quer mais ser uma empresa tipo a IBM, voltada especialmente ao mercado corporativo. Ele afirmou que não há como distinguir certas atividades, do tipo atuar no campo do email no segmento corporativo, mas não fazer o mesmo no segmento de computação pessoal. O mesmo vale para os gadgets (leia-se tablets e smartphones): “ninguém conseguiu inventar um dispositivo que seja somente corporativo ou somente consumidor”.

O que Steve Ballmer pretende fazer quando assinar a carta de demissão e finalmente deixar a Microsoft? “Francamente, eu não sei.” Mas acrescenta que provavelmente haverá um segundo capítulo em sua vida para novas realizações. Mais ou menos como o parceiro Bill Gates, que continua como presidente do conselho da Microsoft, além de chefiar a Fundação Bill & Melinda Gates com a esposa, na tentativa de retirar do mundo uma série de doenças. E por sinal, falando em Gates: o mentor de Ballmer não interferiu na decisão de se aposentar. “Ultimamente, esse tipo de coisa deve ser uma decisão pessoal”, respondeu Ballmer.

Lembra dele? (imagem: divulgação / Microsoft)

Lembra dele?

Atualizado às 23h44.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Tyler Smith

Vim do futuro pra dizer que o Windows 10 desbancou o 7.

Tyler Smith
Vim do futuro pra dizer que o Windows 10 desbancou o 7.
Emidio Britto
Windows ME, o pior lixo... Até hoje, as vezes uso o Vista e nunca me deu problema.
Mario Junior
Acho que você tá esquecendo do cavalo de tróia da Nokia, vulgamente conhecido como Stephen Elop.
Marcio Dias
Tenho o Vista em várias máquinas que rodam 24 horas por dia e afirmo, as máquinas mais estáveis, rodam Vista e as que travam, rodam XP. Vista é incomparavelmente superior em termos de estabilidade.
Felipe Souza
Weslley Plaza é pra falar a verdade nunca testei o Vista em um desktop com hardware fraco,e realmente se for comprar ele é bem mais pesado do que Windows XP.
Jonilson Oliveira
Olha não tenho o que dizer contra o win8,acho ele um windows muito rápido e leve, embora a versão Pró não tenha todos recursos do win7. Como o meu pc é um pouco antigo, é um acer 32 bts de fato o operacional pelo fabricante é win. vista, acho que é por isso que não tenho problema. Ja usei o win8 mas continuo com win7.
Vitoria Prado
Mas também coitado do Ballmer, deve ser muito trabalhoso comandar uma empresa dessa. Vale lembrar que nós somos humanos, e os computadores e o Windows foram feitos por humanos, então é claro que não vai ser perfeito! Nós sempre erramos!
Leandro Pereira
Wellington Gabriel de Borba O problema do win8 é a falta de consistência. Ele era pra se focar na interface metro, mas no fim das contas o usuário acaba entrando no "aplicativo" desktop e fica lá. Fora que nem as ferramentas básicas do windows, como o paintbrush, ganharam versão metro. No fim das contas, a interface, que era pra ser onde a gente ia querer ficar, vira um menu iniciar esquisito. Neste caso, preferia que tivessem copiado o Unity. De qualquer maneira, outra coisa que eu acho que não ficou boa foi que estão matando as janelas. É muito esquisito alguém que usa o windows não ter janelas. Eu nunca uso as coisas fullscreen, de tão acostumado que sou. Isto funciona bem em tablets, mas não no dia-a-dia, pra trabalho. Além de toda a resistência por mudanças, que já sabemos que existe.
Leandro Pereira
pelo contrário, todo sistema operacional queria ser o windows. Rodar em qualquer tipo de máquina e dominar o mercado. Gostar de outros sistemas operacionais não deveriam cegar as pessoas sobre as qualidades do windows. Ele é bom, ele é fácil de mexer, tem soluções inteligentes e simples e por ai vai. Ele copia muita coisa de outros sistemas e também é copiado. Ele tem uma série de problemas, claro, e ainda assim, domina o mercado. Acho que tem motivo pra isto.
Leandro Pereira
Eu vim aqui comentar isto, mas preferi curtir o seu. Ele é de longe o pior sistema operacional da empresa. Mas foi sob o comando do Gates ainda, de forma que ele não precisa se arrepender de ter sido o presidente à época. Pode sim se arrepender dos escândalos que dava pros funcionários na empresa à época e coisa do tipo. Mas o ME, pelo amor de deus.
Nathan Martins Maia
Dalto Luiz Pizetta Loucura isso... suas máquinas não tem mais que 3GB de ram, não é?
Weslley Plaza
Não acha por que,Voce deve ter de sobra uns 6,8GB de ram de sobra,pega uma maquina de 3gb em media. vc vai ver que maravilha
Bruno Almeida
Chinnon Santos isso não é desculpa. Na mesma época a Microsoft tinha o Excelente Windows 2000 Professional, o Me era inferior ao NT 4 Workstation que não funcionava quase em HW nenhum.
Dalto Luiz Pizetta
Concordo contigo mano e acrescento... demorei a abrir mão do Win98, pra mim um dos melhores. Em seguida o XP, e uso até hoje. NUNCA instalei qq outro em minhas máquinas, e já troquei, upei, ... comprei notebook, etc. SEMPRE WINDOWS XP. não tem melhor!!!
Exibir mais comentários