Início » Jogos » E a segunda revelação da Valve é… Steam Machines, hardwares customizáveis que rodarão o SteamOS

E a segunda revelação da Valve é… Steam Machines, hardwares customizáveis que rodarão o SteamOS

Por
6 anos atrás

Hoje tivemos uma quarta-feira atípica, em que, mais do que a tradicional feijoada, a grande espera do dia foi a segunda revelação da Valve, da série de três misteriosos anúncios que estão sendo feitos durante a semana.

Na segunda-feira, foi o dia do SteamOS nos pegar de surpresa, e hoje, dois dias após a primeira revelação, a companhia anuncia o Steam Machines, que, ao que tudo indica, serão hardwares customizáveis “que farão sentido para você”, de acordo com a empresa. A ideia é não construir apenas um tipo de máquina, mas fazer modificações nela ao gosto do freguês.

“Nós estamos trabalhando com múltiplos parceiros para trazer uma variedade de máquinas de jogos do Steam ao mercado em 2014, todas elas rodando o SteamOS”, diz a página.

machines

Por enquanto, as máquinas estão em fase beta. A Valve diz precisar da ajuda dos usuários, pois, como sempre, acredita que a melhor forma de garantir que os produtos certos estão sendo feitos é deixar que pessoas testem-nos, para que as mudanças sejam feitas durante sua fabricação. “Nós projetamos um protótipo de alta performance que é otimizado para os games, para a sala de estar e para o Steam. Claramente, ele também é completamente atualizável e aberto.”

Ainda em 2013, trezentas unidades do protótipo serão enviadas para testes, então você pode se apegar a todos os santos e, enquanto reza, se inscrever na “tarefa de elegibilidade” que consta na página do anúncio.

Para participar, os interessados devem, até 25 de outubro, cumprir o seguinte passo-a-passo:

  1. Entrar no grupo Steam Universe;
  2. Aceitar os termos e condições do Steam Hardware Beta;
  3. Fazer 10 amigos no Steam (essa é a parte complicada, nós sabemos, mas você pode tentar ser carismático ou oferecer a pessoas aleatórias as chaves gratuitas que sobraram de seu último Humble Bundle);
  4. Criar um perfil público na Steam Community;
  5. Jogar um jogo utilizando um gamepad no modo Big Picture.

Mas lembre-se, até 25 de outubro, nem um segundinho a mais. É a Valve cantando “quem quer brincar de Steam Box põe o dedo aqui, que já vai fechar”.

Dos trezentos protótipos, cerca de trinta serão distribuídos aos usuários que já tenham feito contribuições à comunidade e participado dos outros testes da empresa, de acordo com o FAQ da Valve. O restante das máquinas será distribuído sem critérios de escolha, de maneira aleatória.

Os testes devem servir para aperfeiçoar o funcionamento e o design tanto de hardware quanto de software da companhia, que também quer que seus usuários explorem sua máquina. Segundo ela, você poderá hackear o SteamOS, rodar seu próprio sistema operacional no Steam Machine, mudar o hardware, instalar seus próprios softwares e até mesmo utilizá-lo para construir um robô, se lhe convir.

As versões finais do Steam Machines devem ser comercializadas a partir de 2014, mas ainda não temos valores definidos para elas.

SteamOS

O SteamOS pretende transformar seu computador básico da sala de estar em uma verdadeira central de mídia, rodando em uma arquitetura baseada em Linux toda sua biblioteca de jogos, além de reproduzir músicas e vídeos. O grande trunfo (nem tão grande assim) do sistema é a possibilidade de fazer o streaming caseiro entre duas máquinas que estiverem na mesma propriedade, o que possibilitaria a reprodução de todos os jogos mesmo nos computadores cujo sistema operacional não seja compatível com sua estrutura.

A Valve garante que durante o período de testes de suas novidades, os mais de 3.000 jogos do Steam serão compatíveis. Centenas deles já rodam nativamente nos SteamOS.

Para não perder o clima de tensão da semana, uma nova contagem regressiva foi aberta no momento da revelação. O próximo passo, que, ao que tudo indica, deve unir os dois anúncios feitos até o momento, será revelado em quarenta e oito horas. Segura, coração.