Início » Celular » Apple revela o finíssimo iPad Air e o novo iPad mini com tela Retina

Apple revela o finíssimo iPad Air e o novo iPad mini com tela Retina

Por
6 anos atrás

Entre os vários anúncios da Apple feitos hoje no Yerba Buena Center for the Arts, em San Francisco, Estados Unidos, não há dúvidas de que os destaques ficaram para a quinta e finíssima geração do iPad, o modelo Air, e para a tão aguardada nova versão do iPad mini, que finalmente passou a contar com tela Retina.

iPad Air

Conforme previam os rumores, a nova versão do iPad ficou bem mais parecida com o iPad mini, especialmente por passar a ostentar bordas mais finas. Mas o seu atrativo é a espessura substancialmente menor, caindo de 9,4 mm (no iPad de quarta geração) para 7,5 mm, além do peso reduzido de 650 gramas para cerca de 450 gramas. Trata-se, provavelmente, da mais expressiva “repaginação” que a linha já recebeu em relação ao design e à ergonomia. ipad air No que diz respeito à tela, a Apple preservou o tamanho de 9,7 polegadas e a tecnologia Retina, é claro, deixando o dispositivo com a resolução de 2048 x 1536 e 264 pixels por polegada.

Em relação ao processador, houve uma interessante, mas também esperada evolução. O iPad conta agora com o chip dual-core A7 de 64 bits (e não com um suposto A7x, conforme os burburinhos) acompanhado do coprocessador de movimentos M7, tal como acontece no iPhone 5s. Segundo a Apple, isso faz com que o iPad Air tenha desempenho até oito vezes maior que o primeiro modelo da linha e até 72 vezes mais potência gráfica.

No mais, o novo iPad conta com dois microfones, câmera Facetime HD com pequenas melhorias, Wi-Fi 802.11n com tecnologia MIMO (até duas vezes mais rápido que o Wi-Fi “normal”) e 4G LTE com suporte estendido a mais frequências, indicando inclusive compatibilidade com as redes brasileiras.

A bateria continua com autonomia estimada em 10 horas. A câmera iSight recebeu alguns pequenos incrementos, como melhor captação de luz por parte do sensor e gravação de vídeos a 1080p, embora permaneça tendo 5 megapixels (para um tablet, está ótimo). Nas opções de cores, somente prata com branco e preto com cinza “espacial”, nada de versão dourada ou tonalidades mais chamativas.

Preço? Nos Estados Unidos (e em alguns outros países privilegiados), o iPad Air começa a ser vendido em 1º de novembro deste ano, com preço inicial de US$ 499 para a versão de 16 GB ou US$ 629 nas unidades com Cellular (3G/4G). Curiosamente, o iPad de segunda geração continua sendo comercializado, com preço inicial de US$ 399, mas os demais modelos, não.

Como de praxe, o Brasil não está na lista de primeiros países a receber a novidade, mas o Tecnoblog te manterá informado quando isso acontecer, é claro 😉

iPad mini de segunda geração

Convenhamos: era esperado que o iPad mini tivesse tela Retina desde a primeira versão, lançada há quase um ano. Bom, antes tarde do nunca: o novo pequeno notável da Apple mantém a tela de 7,9 polegadas, mas agora conta com resolução de 2048 x 1536 pixels.

As suas demais especificações são quase as mesmas do iPad Air: processador A7 de 64 bits, Wi-Fi com MIMO, 4G LTE expandido, câmeras melhoradas e assim por diante. Não deixa de ser lógico: para aproveitar melhor o desempenho do iOS 7 e, em especial, a tela Retina, o dispositivo precisa mesmo de um hardware mais avançado.

O novo iPad mini manteve a espessura de de 7,5 mm, mas ficou ligeiramente mais pesado que o modelo anterior (a partir de 308 gramas), tendo agora cerca de 33o gramas ou, no caso dos modelos com 3G/4G, 340 gramas.

ipad mini retina Também disponível a partir de novembro (a Apple só não revelou o dia), o novo iPad mini virá nas cores prata com branco e preto com cinza espacial, tal como o iPad Air. Seu preço inicial é de US$ 399 dólares na versão com 16 GB de capacidade. O primeiro modelo da linha  permanecerá sendo vendido, com valor inicial de US$ 299.

Como você já deve ter imaginado, a Apple também não forneceu previsão de lançamento do novo iPad mini no mercado brasileiro.

Smart Covers e Smart Cases

Tim Cook e companhia também apresentaram versões das Smart Covers e Smart Cases específicas para os novos tablets, mas nada muito sofisticado, como apontavam alguns rumores. As primeiras custam cerca de US$ 39, enquanto que os Smart Cases, feitos de couro, saem por US$ 79 no caso do iPad Air e US$ 69 em relação ao iPad mini.

Smart Cover iPad Air

Mais sobre: , , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.