Início » Celular » Dicas úteis na hora de trocar de celular

Dicas úteis na hora de trocar de celular

Avatar Por
11 anos atrás

Mais um?Se o seu celular pifou, está velho demais, não atende mais as suas necessidades ou simplesmente você -exatamente como eu- não consegue ficar nem 1 ano com o mesmo celular e decidiu que é a hora de comprar um novo, esse texto é para você.

Separei algumas dicas simples que podem salvá-lo de comprar um celular que não vai gostar, que não vai usar todos os recursos, ou pior: que não tenha os recursos necessários para o seu dia-a-dia.

Não queira ser o primeiro a comprar o último modelo lançado

Isso acontece muito. Um super celular é lançado, você vê propaganda dele em tudo que é canal. Outdoors te perseguem enquanto vai para o trabalho ou faculdade. Na web não é diferente, uma enxurrada de pop-ups em portais, te empurrando para o site do mesmo.

Com um marketing desses é fácil se apaixonar pelo celular, e querer ser o primeiro a tê-lo. E no final, se nem ter informações concretas, você resolve comprá-lo. Boa sorte.

Podem ocorrer duas coisas diferentes: ou você vai ganhar na loteria do aparelho perfeito, ou vai se decepcionar com um aparelho que parecia muito, mas nem é tanto assim.

Pergunte a alguém que já tem o celular ou smartphone

Se você já passou pela fase 1, e resistiu fortemente aos impulsos de comprar um aparelho que não tem certeza se é bom, chegou a hora de perguntar!

Pergunte aos seus amigos, colegas, ou para alguém em um shopping usando o aparelho. Ou vá mais longe, visite fóruns, blogs, comunidades no orkut, etc. Aquela olhadinha rápida no oráculo em busca de alguma informação pertinente, sempre cai bem.

Com certeza você descobrirá se o aparelho é mesmo tão bom quanto a sua propaganda.

Veja antes o manual e as especificações técnicas do aparelho

Parece até bobagem, mas é indispensável. Tá bom, eu sei que você sabe que o aparelho Mega Blaster tem câmera de 5MP, Wi-Fi e mais um monte apetrechos tecnológicos que adoramos. Mas pode faltar algum recurso que é indispensável para você, apesar de extremamente simples.

Hoje isso é menos comum, mas há alguns anos vi muita gente se morder depois de comprar um aparelho com visor colorido -a novidade da época- sem vibracall.

De qualquer maneira, vale a pena dar uma espiadinha no site do fabricante, para checar as especificações e aplicativos já instalados no seu  semi-novo-gadget. Como a versão do Sistema Operacional, indispensável saber.

Procure por assistências técnicas autorizadas na região que você mora ou trabalha

Essa vai pra quem quer comprar celulares de marcas novas no Brasil. Se a empresa não tem assistências técnicas num raio de 50 Km da sua casa ou trabalho, fica difícil um conserto rápido, caso seu gadget pife assim, sem mais nem menos.

Curiosidade: Em média, 100 milhões de celulares são descartados por ano em todo o mundo. Em países mais desenvolvidos, eles simplesmente jogam o celular no lixo quando um modelo mais novo é lançado.

Quais são as suas necessidades?

Viaja muito? Precisa ler e responder emails importantes de qualquer lugar e a qualquer hora? Usa o celular apenas para chamadas e mensagens?

Não adianta comprar um celular com wi-fi, se você não tem wi-fi em casa, no trabalho, ou vai pouco a lugares com este tipo de rede disponível. Também não compensa comprar um celular com câmera acima de 3MP se você vive com a câmera digital de 9MP dentro da bolsa/mochila.

Se você usa o celular somente para chamadas e mensagens, não valerá a pena gastar uma grana preta com um aparato cheio de funções, não?

Com bom senso e um pouquinho de pesquisa, as chances de se arrepender ao comprar um novo aparelho de celular ou smartphone se tornam quase nulas. 😉

Mais sobre: , , ,