Início » Celular » Rumor do dia: Google pode começar a produzir seus próprios processadores

Rumor do dia: Google pode começar a produzir seus próprios processadores

Avatar Por

Mais um gigante pode estar considerando entrar para o mercado de processadores: está rolando um boato de que o Google tem considerado começar a criar seus próprios processadores, baseados na arquitetura ARM, para utilizar nos servidores.

O informante da Bloomberg, que pediu para não ser identificado, completou dizendo que ainda é algo muito incerto, sem nenhuma decisão feita, e as coisas podem mudar bastante de cenário.

Sede do Google em Mountain View

Sede do Google em Mountain View

O que o Google ganha ao fazer isso? A intenção é cuidar melhor das interações entre seu software e seu hardware, sem depender das peças de terceiros para isso.

O Google não comentou diretamente o rumor, e, na declaração dada à Bloomberg por uma representante, não diz nem que sim e nem que não: "Estamos ativamente engajados em criar a melhor infraestrutura do mundo. Isso inclui design de hardware (em todos os níveis) e de software".

Quem não deve estar nada feliz com esse rumor é a Intel, que é líder no mercado de processadores desse tipo e fornece os utilizados pela empresa de Mountain View. Ela, aliás, é a quinta principal cliente da outra, e parar de depender de seus processadores deve fazer uma boa diferença no caixa.

Com informações: Folha de S.Paulo

Mais sobre: , ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Vinicius Kinas
O que que a AMD não tem?

http://www.computerworld.com/s/article/9242080/AMD_to_ship_64_bit_ARM_chips_to_server_makers_in_2014

Mas sim, fazer o processador não é a parte mais difícil do processo. Montar todo o equipamento, adequar todos os sistemas, garantir conversação entre nós de arquitetura diferentes e afinar o sistema todo para rodar melhor que os servidores atuais é que é a parte complicada.
trovalds
Difícil não é. Basta ter um projeto de processador em mãos, uma licença pra produzir os processadores ARM e dinheiro em caixa pra bancar uma planta de produção como a TMSC. O dinheiro o Google tem. Agora tem que ver até que ponto é realmente vantajoso produzir hardware já que isso implicaria também a migração do software para poder rodar em cima da plataforma.

Quanto à compra da AMD, a empresa não detém a tecnologia para produzir processadores com tecnologia ARM, então seria um gasto inútil.
Max Giudice
Seria uma boa...
Artur Benchimol
kkkkkkkkkkkkkkk Melhor comentário ever !
Washington Dutra
Hahahaha! Do jeito que tá, não é difícil isso acontecer.
Charles Carvalho
vai começar e ver que é trabalhoso. Ai ela compra a AMD. kkkkkkk