Início » Jogos » Retrospectiva: 2013 foi um grande ano para os jogos (parte II)

Retrospectiva: 2013 foi um grande ano para os jogos (parte II)

Por
5 anos e meio atrás

Você já acompanhou aqui a primeira parte de nossa retrospectiva de todos os eventos que marcaram o mundo dos jogos em 2013. De janeiro até junho, muitas águas rolaram, novos consoles foram anunciados, vários jogos chegaram para fazer a alegria da criançada.

O segundo semestre do ano não foi mais lento e veio muito bem acompanhado por notícias incríveis, jogos que fizeram história e quebraram recordes, e, é claro, a derradeira apresentação de Xbox One e PlayStation 4 para o mundo. Segura no joystick e vem relembrar o que rolou.

gta v

Julho

dota2

O mês de lançamento do Ouya, o microconsole baseado em Android que teve reações mistas diante de sua apresentação, não teve lá muitas memórias marcantes, a não ser o lançamento oficial de DotA 2, que se encontrava em fase de testes desde 2011. A Valve, bem esperta, cozinhou a comunidade do jogo por tempo o suficiente para que, quando fosse lançado em sua versão “full”, já tivesse uma base considerável de fãs. E assim foi. Hoje, a comunidade doteira é tão forte que chega a comercializar itens raros por milhares de dólares.

Agosto

Ao contrário do mês anterior, agosto resolveu dar ao mundo dos jogos o que ele merece: mais títulos sensacionais. Foi no mês do cachorro louco que recebemos Tales of Xilia, Dragon’s Crown e Final Fantasy XIV: A Realm Reborn, só no PlayStation 3. Agosto também foi o mês de Pikmin 3, para Wii U, o divertido e recomendadíssimo Saints Row IVThe Bureau: XCOM Declassified, Payday 2, Plants vs. Zombies: It’s About Time, Splinter Cell: Blacklist e a versão remasterizada de Ducktales.

brothers

Além dos nomes populares, agosto trouxe ainda muitos indies que *precisam* estar na sua lista de “para jogar”. Começando por Papers, Please, exclusivo de PC, em que o jogador faz as vezes de agente de imigração, o mês recebeu também Gone Home, um jogo emocional de aventura em primeira pessoa, que foi lançado para Mac, Windows e Linux.

Agora, se você precisa escolher só um game para jogar por mês, a dica de agosto é Brothers: A Tale of Two Sons. Apesar de ter sido lançado inicialmente para Xbox Live, o título já está disponível para compra no Steam desde setembro. Na aventura, dois irmãos, órfãos de mãe, partem para uma jornada a fim de salvar o pai, que está doente. Em meio a profundas camadas dramáticas, Brothers se apresenta rico, tanto por sua carga emocional, quanto por suas paisagens fantásticas e jogabilidade. Vale (muito) o quanto pesa.

Setembro

gta

O mês já começou bem, com a versão completamente nova de Castle of Illusion Starring Mickey Mouse. O jogo, lindíssimo, foi todo reconstruído com base na versão original, mas mesclando elementos em 2,5 e 3D. Além da trilha totalmente refeita, é possível jogar também ao som das músicas originais do jogo, cuja primeira versão foi lançada em 1990.

Logo no mesmo dia vieram também a versão para consoles de Diablo III e o novo Rayman Legends, que trouxe o mascote da Ubisoft para uma das melhores experiências em jogos do ano. Em setembro, o PlayStation 3 recebeu Kingdom Hearts HD 1.5 Remix e o fantástico Puppeteer, e o mundo, por sua vez, abriu espaço para o gigante Grand Theft Auto V.

O mais novo membro da franquia GTA foi um sucesso absoluto desde seu anúncio. Por sorte, o jogo superou todas as expectativas e quebrou recordes mundiais em vendas, em custo de produção, em tamanho e em algumas muitas outras categorias.

Apesar de terem sido meio ofuscados pelo grande lançamento do mês, os best-sellers FIFA 14 e Pro Evolution Soccer 2014 também chegaram em setembro.

Outubro

beyond

O último trimestre do mês trouxe GTA Online, modo de jogo para GTA V que se alastrou mais rápido do que os memes sem graça da internet. Na corrida para terminar bem a sétima geração de consoles, a Sony lançou Beyond: Two Souls, também conhecido como “simulador de Ellen Page” e vale mencionar o lançamento de Just Dance 2014.

Provando que o mês foi bastante bom para o mercado dos joguinhos, foi em outubro que a Nintendo lançou Pokémon X/Y, a Telltale lançou o primeiro episódio de sua adaptação da HQ The Wolf Among Us (e anunciou a continuação para The Walking Dead) e outros blockbusters, como Assassin’s Creed IV: Black Flag e Batman Arkham Origins também chegaram na parada.

Nesse mês ainda rolou a tão esperada BGS 2013, que trouxe ao país os primeiros modelos do Xbox One e do PlayStation 4 para testes. A feira, além de tornar possível a proximidade dos fãs de jogos com os novos consoles e games do ano, nos rendeu inúmeras matérias legais, que você pode conferir aqui.

Novembro

controle-ps4-xbox-one

O mês mais esperado do ano pelos jogadores de console, novembro trouxe finalmente os da nova geração. Primeiro foi o PlayStation 4, que chegou ao Brasil por um preço não muito módico, e depois o Xbox One, que, após a queda de todas as burocracias impostas pela Microsoft, acabou se tornando até mais amigável que seu rival.

No rol dos lançamentos de jogos, estiveram presente Killzone Shadow Fall, Knack, Need for Speed Rivals, Resogun e Warframe para o PlayStation 4. Já para o Xbox One, chegaram os exclusivos Dead Rising 3, Forza Motorsport 5, Killer Instinct, LocoCycle e Ryse: Son of Rome. Em suma, uma batelada de títulos que você só poderá aproveitar quando colocar as mãos em um dos consoles da nova geração, mas também pode conferir trechos de gameplay aqui, em nosso vídeo muito simpático.

No que tange os encanamentos do Wii U, Super Mario 3D World ganhou as graças do mundo quase no final do mês, e seu resultado foi tão satisfatório que ele acabou levando o título de Jogo do Ano pela votação do site Eurogamer.

Ainda em novembro rolou a Blizzcon 2013, evento exclusivo da Blizzard em que a empresa anuncia seus passos para os próximos anos. Nesta edição, conhecemos a nova expansão de World of Warcraft, Warlords of Draenor, e também o MOBA free-to-play Heroes of the Storm. Ambos devem ser lançados em algum momento de 2014.

No fim do mês, tivemos ainda o lançamento de Call of Duty: Ghosts e Battlefield 4, franquias FPS rivais que dispensam apresentações.

Dezembro

twd

Depois de tanta coisa lançada durante o último trimestre, não sobraram grandes highlights para dezembro, com exceção do primeiro episódio da segunda temporada de The Walking Dead, All that Remains.

O fato do último mês do ano ter sido mais tranquilo não é motivo para preocupação. Após tantas novidades, lançamentos, recursos e expectativas para 2014, nada mais natural que ter um breve recesso para digerir toda a informação e se preparar para o que vem pela frente.

Independente do sucesso dos jogos lançados antes de 2013, não há dúvidas de que este tenha sido um grande ano nos joguinhos. Estamos definitivamente na oitava geração de consoles, em que videogames já reconhecem faces, recebem comandos vocais e permitem uma proximidade muito maior com quem joga (e mora) longe.

Sem querer soar piegas e utópica demais, este foi o ano “do futuro” nos games, uma vez que assistimos evoluções muito maiores do que simplesmente uma nova geração. Nós vimos de perto o crescimento dos eSports no mundo e no Brasil e vimos ainda as mulheres ganhando uma fatia maior e mais igualitária no mercado de jogos.  É claro, nem todos os estigmas contra os games foram esclarecidos por aqui, mas percebemos um caminho um pouco mais fácil de trilhar.

Em menos de uma semana estaremos em 2014, ano em que, aparentemente, a progressão do mercado continuará sendo positiva. E que seja um Ano Novo cheio de evoluções! 🙂

Mais sobre: