Início » Internet » Canal Nostalgia está são e salvo

Canal Nostalgia está são e salvo

Warner retirou um dos strikes que poderiam tirar página do ar

Avatar Por

Pelo menos por enquanto o Canal Nostalgia no YouTube está são e salvo. O criador da página, Felipe Castanhari, chegou a um acordo com a Warner para a retirada de um dos strikes que punham o canal em risco desde a semana passada, conforme relatamos nessa reportagem especial. Não, ainda não foi dessa vez que a Fox se pronunciou sobre o assunto.

Calma, tá tudo bem agora

Calma, tá tudo bem agora

Apenas para rememorar: o Nostalgia recebeu um terceiro strike no sistema de notificações do YouTube que poderia pôr fim ao canal. Com a retirada da reclamação da Warner, por ora fica tudo bem. Castanhari contou que teve conversas tanto com representantes da Warner quanto da Fox, mas foi a camaradagem da empresa dona do Cartoon Network que deu sobrevida ao canal.

Pelo que ele explicou, a irritação da Warner não tinha a ver com o uso de material original produzido por eles e reproduzido no Nostalgia, mas sim da associação de personagens infantis em músicas com conteúdo voltado para um público mais velho. As duas montagens incluíam cenas das Meninas Super-Poderosas cantando “Show das Poderosas” e do Johnny Bravo interpretando “I'm sexy and I know it”. Duas marcas intimamente ligadas ao universo infantil. O próprio Castanhari disse que dá razão para a Warner nessa questão.

Os dois vídeos com personagens do Cartoon continuarão fora do canal.

Em relação à Fox, as conversas continuam, mas não há nada de concreto. Há uma promessa de também retirar o strike, mas por ser um grupo de mídia bastante grande, as coisas têm que andar internamente até que o responsável dê o parecer final.

A ideia por enquanto é de não mexer mais com conteúdos do grupo Fox até que haja um diálogo bem estabelecido com os representantes da empresa – que é dona de produtora de filmes, canais de televisão e muito mais. Castanhari disse que não teremos homenagens aos produtos da Fox no futuro breve.

Ele também disse que o Canal Nostalgia continua funcionando a plenos vapores e até adiantou sobre o que será o vídeo dessa quarta-feira (22): a Rede Manchete de Televisão! Entra no ar às 18h.

Já o canal de backup criado emergencialmente caso tudo desse errado vai continuar lá, existindo, mas sem receber atualizações. Apenas por precaução, sabe? São quase 280 mil inscritos.

Embora a Warner tenha demonstrado generosidade nessa questão, ainda falta saber o que as empresas têm em mente para o futuro. Afinal, é de se esperar que casos similares apareçam. Eu tentei contato com os escritórios brasileiros da Fox e do Google/YouTube, mas nenhuma empresa quis conversar sobre a o uso de material com direitos autorais na internet para o tal do Fair Use.

Atualizado em 22/01 às 13h

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Bruno B Bruno

uma duvida alguem sabe quando castanhari resolveu criar o canal, e etc, maioria fala dos draw my life. tipo como começou e ninguem tem video dele.

Moises Figueiredo Patrocinio
oOo putss, equie - www.evomaq.com.br
Diego Martins
Como toda lei brasileira, fica sujeita a interpretações... A parte: "sempre que a reprodução em si não seja o objetivo principal da obra nova", pode ser interpretada negativamente para o Canal Nostalgia, pois eles podem alegar que o trecho usado sobre os Simpsons, é utilizado em um vídeo sobre os Simpsons, logo, o trecho utilizado é o objetivo da nova obra... Questão de interpretação, claro, mas no Brasil todas as leis são abrangentes desse jeito, pra que alguém possa se safar, quando necessário... E por "alguém", subentendam os que tem maior poder aquisitivo... Lamentável, mas no Brasil é assim mesmo que funciona...
Diego Martins
Como toda lei brasileira, fica sujeita a interpretações... A parte: "sempre que a reprodução em si não seja o objetivo principal da obra nova", pode ser interpretada negativamente para o Canal Nostalgia, pois eles podem alegar que o trecho usado sobre os Simpsons, é utilizado em um vídeo sobre os Simpsons, logo, o trecho utilizado é o objetivo da nova obra... Questão de interpretação, claro, mas no Brasil todas as leis são abrangentes desse jeito, pra que alguém possa se safar, quando necessário... E por "alguém", subentendam os que tem maior poder aquisitivo... Lamentável, mas no Brasil é assim...
Diego Martins
Como toda lei brasileira, fica sujeita a interpretações... A parte: "sempre que a reprodução em si não seja o objetivo principal da obra nova", pode ser interpretada negativamente para o Canal Nostalgia, pois eles podem alegar que o trecho usado sobre os Simpsons, é utilizado em um vídeo sobre os Simpsons, logo, o trecho utilizado é o objetivo da nova obra... Questão de interpretação, claro, mas no Brasil todas as leis são abrangentes desse jeito, pra que alguém possa se safar, quando necessário... E por "alguém", subentendam os que tem maior poder aquisitivo... Lamentável...
Ruan Fillipi
A Fox é um grupo gigantesco, as séries das quais ela é dona como os simpsons, são conhecidas mundialmente e não seria um canalzinho brasileiro de youtube quem iria prejudica-la, fico feliz pelo castanhari. Agora galera, menos por favor, achar que isso iria prejudicar uma empresa grande pra caralho como a Fox chega ser RIDÍCULO!!!
Vagner Alexandre Abreu
Faça a seguinte simulação: - Você criou um conteúdo no YouTube. - Alguém pegou e fez um remix com seu conteúdo de forma que virou algo agressivo, ruim, fora dos parâmetros que você desejaria. Qual seria sua reação?
Michel Marques
Ta no papel.
Jamis Casusa
Não use essa frase! A FOX pode te dar um strike kkkkkkkkkkkkkk
Thássius Veloso
Oi Bruno! De fato, me parece que a lei de direitos autorais consideram essa hipótese. Não estava sabendo disso. Vou me inteirar mais do assunto... talvez sirva até de pauta para uma reportagem futura. Muito obrigado pela pista. xD
Vinícius Mascarenhas
Por que o Canal Nostalgia não se afilia logo a uma network?
Adriano Garcez
Odilon Pscheidt Filho E eu falei que era? Lê direito.
Bruno Cabral
Thássaus, essa legislação existe no Brasil sim, veja: "Art. 46. NÃO CONSTITUI ofensa aos direitos autorais: VIII - a reprodução, em quaisquer obras, de pequenos trechos de obras preexistentes, de qualquer natureza, ou de obra integral, quando de artes plásticas, sempre que a reprodução em si não seja o objetivo principal da obra nova e que não prejudique a exploração normal da obra reproduzida nem cause um prejuízo injustificado aos legítimos interesses dos autores"
Bruno Cabral
Amigo, a lei permite o uso de pequenos trechos de um trabalho alheio, veja o que a lei Brasileira diz: "Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais: VIII - a reprodução, em quaisquer obras, de pequenos trechos de obras preexistentes, de qualquer natureza, ou de obra integral, quando de artes plásticas, sempre que a reprodução em si não seja o objetivo principal da obra nova e que não prejudique a exploração normal da obra reproduzida nem cause um prejuízo injustificado aos legítimos interesses dos autores"
Bruno Cabral
OPS: onde está escrito "si" entende-se "sim"
Exibir mais comentários