Início » Celular » É oficial: Nokia anuncia X, X+ e XL, três smartphones que rodam apps para Android

É oficial: Nokia anuncia X, X+ e XL, três smartphones que rodam apps para Android

Família Nokia X terá aparelhos de entrada e servirá como porta de entrada para serviços da Microsoft

Paulo Higa Por
6 anos atrás

nokia-x-plus

Direto de Barcelona — Não é mais rumor: a Nokia apresentou na manhã desta segunda-feira (24) uma nova família de smartphones que rodará apps para Android e possuirá integração com os serviços da Microsoft, como o OneDrive. O anúncio foi feito por Stephen Elop, vice-presidente de dispositivos e serviços da empresa de Redmond. São três aparelhos: Nokia X, Nokia X+ (com mais armazenamento) e Nokia XL (com tela de 5 polegadas).

nokia-android-precos

Os três aparelhos possuem processador Snapdragon dual-core e suportam dois SIM cards. O Nokia X é o smartphone mais barato, com tela IPS de 4 polegadas e câmera de 3 MP. Para quem carrega muitas músicas e vídeos para todo lugar, há o Nokia X+ com mais RAM e armazenamento (por meio de um microSD incluso na caixa). Por sua vez, o Nokia XL vem com tela de 5 polegadas, câmera traseira de 5 MP e uma câmera frontal de 2 MP para chamadas em vídeo no Skype.

Durante a apresentação, a Nokia evitou dizer que os aparelhos rodam Android. Na verdade, eles rodam apps do Android. E a interface não lembra em nada o sistema operacional do Google: pense nela como uma mistura dos Asha e Lumia. Há o Fastlane, tela que permite alternar entre aplicativos e exibe informações úteis, e uma tela inicial cheia de blocos que são a cara do Windows Phone.

nokia-x-interface-android

Os aplicativos podem ser instalados por meio da Nokia Store, por lojas de terceiros e também por sideloading, ou seja, instalando o arquivo *.apk manualmente. A maioria dos aplicativos para Android rodará nos Nokia X sem precisar de nenhuma modificação. No entanto, como a Nokia fez alterações no sistema para substituir APIs do Google por APIs da Microsoft, alguns deles podem precisar de pequenas adaptações para funcionar totalmente, de acordo com Elop.

Elop diz que os aparelhos serão uma "porta de entrada" para os serviços da Microsoft e da Nokia: eles vêm de fábrica com o Here Maps, que suporta navegação curva a curva e armazenamento offline de mapas, além do Nokia MixRadio, serviço de streaming que permite ouvir músicas gratuitamente.

Rosto de Microsoft, coração de Google

Rosto de Microsoft, coração de Google

nokia-x-plants

A família X será vendida em todo o mundo, começando por países em desenvolvimento na Ásia, Europa, Índia, América Latina, Oriente Médio e África. Nokia X (89 euros) e Nokia X+ (99 euros) começam a ser vendidos imediatamente, enquanto o Nokia XL (109 euros) chega semanas depois. No Brasil, com exceção do Nokia X+, os smartphones têm previsão de lançamento para o segundo trimestre. A Nokia ainda não divulgou os preços para o Brasil.

Não deveremos ter um Android topo de linha da Nokia tão cedo, o que é de se esperar agora que a compra da Nokia pela Microsoft está prestes a ser concluída. Segundo Elop, o foco da empresa continuará na família Lumia com Windows Phone, onde novas tecnologias chegarão primeiro e haverá integração total com os serviços da Microsoft.

Nossas primeiras impressões serão publicadas em breve.

Paulo Higa viajou para Barcelona a convite da Nokia.

Mais sobre: , , ,