Início » Jogos » The Last of Us é eleito Jogo do Ano de 2013 pelo BAFTA, que quase se esquece de BioShock Infinite

The Last of Us é eleito Jogo do Ano de 2013 pelo BAFTA, que quase se esquece de BioShock Infinite

Por
5 anos atrás

Anualmente a indústria audiovisual é contemplada com o BAFTA, premiação britânica que elege as melhores séries e filmes da temporada. Na última quarta-feira (12) tivemos a edição do BAFTA Games Awards 2014, uma espécie de standalone do prêmio, feito exclusivamente para falar dos melhores jogos de 2013.

Como já era de se esperar, apesar de todos os ótimos jogos do ano passado, o grande destaque do evento foi The Last of Us

, que recebeu o prêmio de Jogo do Ano de 2013. O game, exclusivo para PlayStation 3, concorreu em dez categorias, levando para casa também o título de melhor jogo de ação, melhor história, excelência em áudio e melhor performance para Ashley Johnson, atriz intérprete de Ellie.

the-last-of-us-joel-ellie

O enredo premiado de The Last of Us conta a história de Ellie, uma garotinha, e seu tutor Joel, ambos sobreviventes num mundo pós-apocalíptico contaminado por um misterioso vírus.

BioShock Infinite, um dos jogos mais comentados do ano passado, ganhou o prêmio de melhor música. O game também concorria a Melhor Arte, Melhor Áudio e Melhor Performance (por Courtnee Draper, intérprete de Elizabeth), o que causou surpresa (negativa) pelo baixo número de prêmios conquistados.

Como não poderia deixar de ser, Grand Theft Auto V, da Rockstar, havia recebido o maior número de indicações, figurando nas listas de Melhor Jogo de Ação/Aventura, Conquista em Áudio, Melhor Jogo, Melhor Jogo Britânico, Game Design, Inovação em Game, Multiplayer e Melhor Performance, por Steven Ogg, intérprete de Trevor Phillips. Entretanto, levou apenas os títulos de Melhor Jogo Britânico, Game Design e Melhor Multiplayer. Tá bom?

gta-v-pc-petition

Quem recebeu os louros pelo sucesso de GTA V foi mesmo sua criadora, a Rockstar, que ganhou menção honrosa com o BAFTA Fellowship. Dan Houser, cofundador da companhia, fez um pequeno discurso de agradecimento: “Esta é a primeira vez, até onde sei, que o BAFTA entrega um prêmio para 900 pessoas. Somos um time e uma família, e o foco em colaboração sempre foi nossa política. Jogos são feitos por centenas de pessoas com talentos incríveis, algumas vezes felizes, outras debatendo, mas sempre com uma paixão pelos projetos.”

A menina caçula dos olhos da festa foi o belíssimo Tearaway, exclusivo para o PlayStation Vita, que acabou faturando os títulos de Melhor Jogo para Portátil, Jogo para a Família e Melhor Arte.

Ademais, também foram premiados o indie Papers, Please, como melhor jogo de estratégia, Gone Home, como Jogo de Estreia, Brothers: A Tale of Two Sons, como Jogo Inovador e Size DOES Matter, como “Jogo para ficar de olho”.