Diablo III foi, sem dúvidas, um dos jogos da Blizzard que mais gerou expectativa em torno de seu lançamento. Esperança essa que fez com que muita gente se decepcionasse e se frustrasse com as novidades do game, entre elas, a Casa de Leilões.

Tendo conhecimento de algumas de suas falhas, a produtora teve o bom senso de decidir encerrar o serviço, responsável por tirar boa parte da diversão do jogo. Nesta terça-feira, 18 de março, a Blizzard jogou a última pá de terra em cima da cova de sua Auction House.

Diablo III foi lançado em maio de 2012, e recebeu pouco tempo depois a tal ferramenta, em que era possível vender e comprar itens de graus baixos até os muito altos de raridade. Com isso, o cerne do RPG, o ato de jogar muito para encontrar armaduras, armas e outros itens raros, acabou se perdendo, uma vez que bastava ter bastante ouro para arrematar qualquer um deles no leilão. Além da moeda do jogo, Diablo III também possuía a versão da Casa de Leilões com dinheiro de verdade, o que fazia muita gente torrar muita grana por lá.

O inconveniente, no entanto, foi o número exorbitante de contas hackeadas no início dos servidores do game. Com isso, muito dinheiro (real!), itens e contas foram perdidas – apesar do ótimo atendimento da equipe de suporte da Blizzard e seus esforços contínuos para sanar os problemas.

Desde o início, a companhia teve uma boa desculpa e as melhores intenções para o lançamento da ferramenta: em outras edições de Diablo, o comércio de itens já era feito, porém ilegalmente. Desta vez, a ideia era “formalizar” venda e troca de pertences, evitando que usuários do mercado negro fossem lesados por falta de pagamento e adjacências.

Reaper-Of-Souls-Diablo-gamesquad

O encerramento definitivo da Real Money Auction House se deu, aparentemente, principalmente pela proximidade do lançamento de Reaper of Souls, primeira expansão do jogo. Apesar de termos evidenciado o “mais do mesmo” em que se encontrava sua versão beta, a Blizzard surpreendeu ao lançar o último patch: parece, de fato, uma nova aventura pronta para receber seu novo conteúdo.

A expansão será lançada em 25 de março, e traz, além de um ato adicional, uma nova classe, o Cruzado, e, em resposta ao fechamento da Casa de Leilões, um novo sistema de loot, em que será possível encontrar itens raros e lendários com mais facilidade.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Ciro Galvão
Quero saber q q eu vo fazer com aquele monte de dinheiro que eu tenho agora! ^^
Gustavo Hofer
quem não está satisfeito com o jogo desinstale...fácil assim agora que ficou outro jogo depois do patch 2.0.3 isso não tem como megar
Willian Tetsuo Shiratori
Alguém sabe se o lag acabou? Quer dizer, quando eu jogava, estava pingando para um servidor provavelmente perto de Nova York - um ping de 200 ms. E eu estava contra o Diablo, e digamos que... dei ragequit, mandei o negócio ir pra certo lugar e colocar certa coisa. Se o ping for mais baixo ou nem tiver essa de pingar um servidor, seria bem interessante.
Paulo Sigales
Pra mim, vou repetir ... pra mim ... Diablo 3 foi o mais decepcionante da história dos games.
Thiago Leite
"Descanse em paz" não!! Pro Diablo que te carregue, AH!!! hehe
Marcello Pek Di Salvo
http://mises.org/daily/6435/A-Virtual-Weimar-Hyperinflation-in-a-Video-Game-World
Danilo Cesar
Não dá para dar trade nas armas lendárias dropadas agora com o Patch 2.0.3 e isso se estende a expansão também. O item é vinculado a conta, você só consegue passar o item para alguém que esteja no mesmo jogo que você, mas isso tem um limite de 2 horas, caso não passe a ninguém o item vincula a sua conta. A Gold também é vinculada a conta, você não transfere mais ela para outros players e o drop dela aumento muito com o Fim da AH. O Drop dos itens melhoraram, se você joga de Wizard, dropará itens com atributos para Wizard, não acontece mais de você ficar horas e horas jogando e quando dropa um item raro ele serve só para Demon Hunter e seu personagem é uma Wizard. Acreditamos que com o Fim da AH. o novo item de troca do jogo será Armas Brancas e as Pedras. As armas brancas pelo fato de que com os novos itens para craftar no Ferreiro, você vai precisar de uma arma branca para craftar aquele item, e aparentemente quanto mais forte for a arma branca mais forte será o item craftado. Isso lembra muito o Diablo 2, quando o pessoal ficava procurando itens com sockets para fabricar as RuneWords.
Raphael Rios Chaia
AGORA eu posso reinstalar o jogo. Era frustrante como não era possível conseguir equips via loot em relação ao que se via na casa de leilões. O sistema de loot da versão para PS3 era muito mais interessante, e realmente recompensa o jogador pelo tempo dedicado ao jogo.