Lucro de "apenas" € 600 mi

Lucro de "apenas" € 400 mi.

A maior fabricante de celulares do mundo – e odiada pelos americanos, como já sabemos – publicou na quarta-feira (15) relatório no qual reporta uma impressionante queda de 71% do lucro operacional relativo ao segundo trimestre de 2009.

Se no segundo trimestre de 2008 a empresa havia obtido lucro de 1,5 bilhão de euros (equivalente a R$ 4,1 bilhões), a situação não está tão boa no segundo trimestre desse ano: o lucro operacional foi de 427 milhões de euros (R$ 1,2 bilhão). Pouco mais de cem milhões de aparelhos foram vendidos durante o período, 15% a menos que no segundo trimestre do ano anterior.

As ações da Nokia na bolsa de valores de Helsinque, na Finlândia, iniciaram o dia em queda de mais de 10%, o que mostra desvalorização dos papéis da empresa depois de um ano sem alterações expressivas. A Nokia vale hoje 41,6 bilhão de euros (aproximadamente R$ 114 bilhões).

Segundo a companhia, as expectativas não são das melhores. Os analistas da Nokia preveem que o mercado global de celulares deve encolher 10% em 2009, devido à crise econômica.

[Bloomberg/CNET]

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação