A Microsoft, agora como dona da Nokia, apresentou os primeiros smartphones com Windows Phone 8.1 de fábrica para o mercado brasileiro. O Lumia 930 é o topo de linha com hardware poderoso que chega às lojas no terceiro trimestre, enquanto o Lumia 630 é um aparelho mais acessível que começa a ser vendido em junho. E com um diferencial para o Brasil: TV digital. Nós fomos dar uma olhada de perto neles.

Lumia 930

nokia-lumia-930-hands-on-abre

O Lumia 930 é o novo todo poderoso da Microsoft. A ficha de especificações técnicas bate de frente com os Androids mais caros do mercado e possui várias semelhanças com a do Lumia 1520: processador quad-core de 2,2 GHz, 2 GB de RAM e a mesma câmera PureView de 20 megapixels. Se você estiver querendo saber sobre o desempenho ou a qualidade das fotos do Lumia 930, terá uma boa ideia ao ler o review do Lumia 1520.

nokia-lumia-930-traseira

A principal diferença em relação ao Lumia 1520 está no tamanho: em vez da gigantesca tela IPS LCD de 6 polegadas, temos um display AMOLED de 5 polegadas, bem mais segurável, mas que mantém a resolução de 1920×1080 pixels. O preto perfeito do visor causa uma ótima impressão em conjunto com o vidro que cobre a tela, que é levemente curvado nas bordas e facilita o deslizar dos dedos.

A Microsoft usou uma combinação de bordas de alumínio com traseira de policarbonato, e o resultado ficou muito agradável. Outro ponto que colabora com o design é que, antes tarde do que nunca, a empresa aproveitou ao máximo todo o espaço do Lumia 930: mesmo tendo uma tela de 5 polegadas, ele é menos largo que o Lumia 1020, que possui visor de apenas 4,5 polegadas. Tela grande não implica, necessariamente, smartphone grande. Samsung e Motorola mostraram isso muito bem nos últimos anos.

nokia-lumia-930-lateral

A única crítica ao design, a meu ver, talvez seja o fato de que o Lumia 930 é espesso (9,8 mm) e pesado (167 gramas) quando comparamos com outros smartphones topo de linha. A pegada não é das melhores, especialmente por causa da moldura com cantos retos, mas não chega a incomodar. Além disso, como estamos falando de algo desenhado pela Nokia, uma gordurinha já era esperada.

lumia-930-notificacoes

Com Windows Phone 8.1, o Lumia 930 é bem gostoso de usar: a central de notificações, os atalhos rápidos para acessar as configurações, o teclado com escrita swipe, a imagem de fundo nas Live Tiles da tela inicial e inúmeras outras novidades deram um belo gás ao sistema. Para nós, só falta a Cortana em português — a palavra oficial da Microsoft é que, por enquanto, não há nenhuma data definida para que possamos conversar com ela em nosso idioma.

O lançamento do Lumia 930 no Brasil está previsto para o ainda distante terceiro trimestre do ano. A Nokia tinha o costume de não divulgar o preço muito antes do lançamento, e não mudou sua estratégia agora que está sob o comando da Microsoft. Mas considere que o Lumia 1520, quase um Lumia 930 esticado, foi lançado no país por 2.599 reais; espere algo não muito mais barato que isso.

Ah sim: no Brasil, ele será vendido apenas nas cores branca e preta, infelizmente. É uma pena que a Microsoft não traga outras opções, algo ruim especialmente em aparelhos que não permitem substituir a tampa traseira. Por aqui, o máximo que teremos serão capinhas coloridas vendidas separadamente, nas cores preta, verde e laranja.

Lumia 630

lumia-630-abre

O Lumia 930 irá demorar meses para chegar ao Brasil, mas poderemos comprar um smartphone com Windows Phone 8.1 de fábrica já nas próximas semanas. O Lumia 630, que será lançado em junho, em ritmo de Copa do Mundo, é o novo smartphone de linha média da Microsoft. No nosso país, ele traz um diferencial que vem se tornando cada vez mais comum em aparelhos dessa faixa de preço: o suporte a TV digital.

Claro, o Windows Phone não possui suporte nativo a TV digital: essa novidade na plataforma foi resultado de um trabalho do Instituto Nokia de Tecnologia, baseado em Manaus. Trabalho que, por sinal, foi muito bem feito.

lumia-630-tv

O aplicativo de TV possui uma interface bastante intuitiva, que é fácil de usar e combina com o estilo do Windows Phone. É possível gravar os programas para assisti-los posteriormente e acessar rapidamente a grade de programação. Nas configurações, tem como restringir a exibição de programas inadequados para determinadas faixas etárias, de acordo com a classificação indicativa brasileira.

lumia-630-tv-guia

lumia-630-tv-restricao

Apesar de não possuir uma resolução tão alta, de 854×480 pixels, a tela IPS LCD do Lumia 630 é de boa qualidade, com cores vivas e bom contraste. A resolução é um pouquinho maior que a de 800×480 pixels do Lumia 620, mas na prática o espaço é o mesmo: é que, além de ser o primeiro Windows Phone dual SIM e o primeiro Windows Phone com TV digital, o Lumia 630 também é o primeiro Windows Phone que exibe os botões (voltar, início e pesquisar) diretamente na tela.

lumia-630-inicio

O hardware dos Windows Phones ficou melhor nos últimos lançamentos, e o mesmo ocorreu com o Lumia 630, que traz um processador quad-core de 1,2 GHz. Mesmo sendo parte de um SoC básico, o Snapdragon 400, esta é uma característica que vende e chama atenção. Na hora do vamos ver, o desempenho também é bom — no evento de lançamento em São Paulo, inclusive, estavam presentes representantes da Gameloft, e foi feito um campeonato de Asphalt 8. Como se trata de um Windows Phone, desnecessário dizer que tudo é bem fluido.

lumia-630-capinha

Um dos problemas do Lumia 630 é a quantidade de RAM: só 512 MB. Sim, o Windows Phone consegue gerenciar bem a RAM. Sim, os aplicativos para Windows Phone rodam bem com poucos recursos de hardware. Mas isso significa que menos aplicativos poderão estar em execução em segundo plano e também significa que veremos um maior número de telas “carregando…” ao alternar entre eles. Em uma época em que as empresas estão dando grande atenção aos aparelhos de baixo custo, a Microsoft poderia ter caprichado mais. A concorrência já oferece 1 GB, afinal de contas.

O Lumia 630 dual SIM com TV digital estará disponível nas lojas brasileiras por 699 reais, um preço de lançamento no mínimo interessante, que o fará competir com o Moto G. A Claro venderá um modelo do Lumia 630 com entrada para apenas um SIM card por um preço significativamente menor (549 reais), mas ele não traz a TV digital, o que pode ser um fator decisivo de compra para muitas pessoas.

Tanto a variante single SIM quanto a dual SIM suportam apenas conexões 3G. Quem quiser 4G terá que comprar o Lumia 635, que é idêntico ao Lumia 630, mas não possui opção de entrada para dois chips e nem TV digital. O Lumia 635 ainda não possui data exata de lançamento; a Microsoft diz apenas que ele chega no terceiro trimestre.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Darlin Zurc
so o 630 :3
Luiz Houdini
O 930 virá com TV Digital ? ou só o 630 ...
Walter Hugo Nishida Xavier da Silva
Alguém aí confirma se a Nokia vai "aposentar" os Lumias 5xx? Andei lendo por aí que eles iriam deixar a nomenclatura 5xx apenas para os Ashas, e então o Lumia 630 seria na verdade o sucessor do Lumia 520 e não do 620. Faz sentido, considerando que o Lumia 620 era "mais completo", tinha flash de LED e NFC, por exemplo. Outra coisa, por que raios a Nokia resolveu "voltar atrás" e diminuir a RAM do 630? O Lumia 525 possui 1GB. Antes que falem que não faz falta, tenho um 520 desde o lançamento, gostei muito do aparelho, mas a falta de memória é evidente (e irritante) mesmo no uso cotidiano (WhatsApp, Facebook Messenger, Baconit etc). Apesar do sistema funcionar "bem" com apenas 512MB, não dá satisfação nenhuma em utilizá-lo. Se o Lumia 630 viesse com 1GB de RAM, comia o Moto G. Sou fã da Nokia e do WP, mas estou quase indo para o Moto G, minha namorada tem e não tem nem comparação entre os aparelhos, muito superior (menos a câmera, a o Moto G é pra chorar).
hiroto.anderson
Depois de ter passado um boa experiência com O aparelho Windows Phone Lumia 520, minha próxima migração já está definida! Não vejo a hora de experimentar esta belezinha.
Alisson Silva
Preço para o Lumia 930, com base no preço do Lumia 1520, seria de no máximo R$ 2000, já que é possível encontrar o Lumia 1520 próximo deste valor. Agora um excelente preço seria na casa dos R$ 1700. Se passar disso, a menos que você queira muito o Windows Phone, a melhor opção seria o Nexus 5, que possui especificações semelhantes e preço muito atrativo.
broules
A Microsoft deveria fazer uma política agressiva de preços, mas o que estamos vendo não é isso. Vender o dispositivo top de linha acima de R$ 2.300,00 reais é assumir de vez que não querer entrar de na disputa pelo mercado. O 930 é um puta telefone, bonito, com hardware de fazer inveja, com um SO fluído e câmera excelente.Porém, não é popular!!!! Se entrasse no Brasil por R$ 1.700,00 ia vender como água. Mesma coisa o 630....O Moto E infelizmente vai abafar as vendas dele....
Wellington Guimarães
Concordo com o Walter Hugo: se tivesse 1 GB de RAM o Lumia 630 iria comer o Moto G no café da manhã. Todos os dias. Fico tentado a comprar um 630 por ser Dual SIM (coisa que eu esperava há muito tempo) mas receoso devido a essa limitada quantidade de RAM. Tenho um Lumia 820 e com o Windows Phone 8.1 ele se tornou um novo aparelho, principalmente pela possibilidade de utilizar o cartão de memória para armazenar os apps que, em minha opinião, era o problema com ele (8GB era MUITO pouco!).
Emanuel Schott
Muito lindo esse 930, tanto em design quanto em hardware.
Aldo Henrique Treu Ramos
Esse aplicativo poderia ser usado nos outros Lumia, usando o acessório Bluetooth? Se for seria fantástico.
Souza Souzas
Estou tentado a adquirir esse Lumia 630.
Danielle Oliveira
Porque o indt não adaptou o su-33wb para os windows phone?
Eron Iury
Vou esperar a segunda leva dessa safra ai.. Com certeza lançarão modelos entre o 630 e o 930