Início » Brasil » Motorola e TIM anunciam Quench, que roda Android

Motorola e TIM anunciam Quench, que roda Android

Por
9 anos e meio atrás

A Motorola e a TIM anunciaram hoje em conjunto o lançamento do Motorola Quench, novo smartphone da fabricante norte-americana que vai rodar a plataforma Android e será vendido exclusivamente pela TIM no Brasil, até o final de março. Outras operadoras poderão vender o aparelho mais tarde, reforçando a estratégia de fazer parcerias entre operadora e fabricante de celular para novos lançamentos.

“Lançar o Motorola Quench em primeira mão no Brasil faz parte da nossa estratégia de constantemente buscar inovação e os melhores modelos para oferecer aos nossos clientes, além de continuarmos apostando na plataforma Android, que também trouxemos com pioneirismo para o País”, afirmou Leopoldo Tranquilli, diretor de marketing da TIM, em comunicado.

Motorola Quench rodando Android. Clique para ampliar. (Divulgação)

Motorola Quench rodando Android. Clique para ampliar. (Divulgação)

Segundo informações da Motorola, o Quench contará com Motoblur, a plataforma que a empresa desenvolveu como complemento ao Google Android e que permite forte integração com redes sociais, como Twitter, Facebook e MySpace (alguém ainda usa?). Em resumo, o complemento agrupa informações provenientes das diversas redes sociais e as exibe de forma intuitiva e fácil de entender.

O vistor é de 3,1″ (320×480 pixels), com tecnologia touchscreen para usar as funções do Motorola sem recorrer a um teclado físico. Curiosamente, a assessoria da Motorola informou que a interface do smartphone permite fazer uso do movimento de pinçar para dar zoom nas fotos. Se a Apple vai gostar disso são outros quinhentos.

Como a maioria dos smarts no mercado atualmente, o Quench vai funcionar em redes 3G, mas também terá acesso à internet por meio do Wi-Fi. GPS e Bluetooth completam o pacote básico do que é necessário para dizer que o aparelho é realmente um telefone inteligente.

Embora tenha Android instalado, o Motorola Quench vai rodar ainda a versão 1.5 do sistema do Google. O que não é nenhum espanto, uma vez que por enquanto somente o Nexus One, do próprio Google em parceria com a HTC, está autorizado a rodar o Android 2.1.

O preço? Ainda é um mistério.

Mais sobre: , , , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.