Início » Celular » Lumia 530, o Windows Phone renovado para as massas

Lumia 530, o Windows Phone renovado para as massas

Novo Windows Phone de baixo custo da Microsoft é lançado no Brasil por 399 reais

Por
5 anos atrás

Alguém provavelmente estava ansioso e acabou apertando o botão antes da hora na loja online da Nokia, mas a Microsoft lançou oficialmente nesta quarta-feira (27) o Lumia 530, novo Windows Phone acessível que chega ao Brasil com preço sugerido de 399 reais. É mais um aparelho para competir no concorrido mercado de smartphones de baixo custo, ocupado também por Xperia E1 e Moto E, além do Lumia 520, da própria Microsoft, que continua sendo vendido no país.

Fui dar uma olhada de perto no Lumia 530. Diferentemente do que o número do modelo dá a entender, este não é um sucessor do Lumia 520, mas sim um aparelho para levar o Windows Phone a um patamar de preço ainda mais baixo. Tanto que o valor de lançamento é 200 reais menor e houve algumas baixas: o armazenamento interno caiu para 4 GB, o processador gráfico é mais lento e a câmera possui foco fixo.

nokia-lumia-530-traseira-preto

Mas o Lumia 530 passa uma ótima primeira impressão, principalmente pelo preço que custa. Ele tem um processador quad-core, ou seja… ele é rápido!

Brincadeira.

Seguindo uma das qualidades do Windows Phone, de rodar bem mesmo em combinações de hardware mais simples, as animações são fluidas durante todo o tempo, sem travadinhas incômodas. A abertura dos aplicativos é rápida, mas os 512 MB de RAM às vezes parecem menos que o desejável para quem já teve contato com um Windows Phone mais potente: o “Retomando…” ao alternar entre aplicativos aparece com frequência, assim como no irmão Lumia 630, que está um nível acima.

nokia-lumia-530-tela-sol

A tela de 4 polegadas com resolução de 854×480 pixels é apenas satisfatória. O Lumia 520, que não tinha uma tela muito diferente do Lumia 530, era imbatível nesse quesito em relação aos smartphones da mesma categoria, mas as concorrentes se mexeram e hoje conseguem entregar um display à altura. O brilho não é tão alto, o que torna a visualização sob o sol quase impossível — em relação a um Lumia 930 com tela AMOLED de alto brilho e contraste, a diferença é gritante (o preço também).

nokia-lumia-530-aberto

Mesmo sendo bem gordinho, com 11,7 mm de espessura, o Lumia 530 consegue manter uma ergonomia muito boa, em parte por causa da tela de 4 polegadas, que virou “pequena” para os padrões atuais. Dá para alcançar facilmente todos os cantos da tela sem fazer exercícios de alongamento com o dedo polegar. O design não chama a atenção, mas a construção aparenta ser boa, com tudo bem encaixadinho.

nokia-lumia-530-traseira-branco

E a câmera? Aqui temos um sensor minúsculo de 1/4 polegada com resolução de 5 megapixels e uma lente de foco fixo. Na prática, isso significa que você não conseguirá capturar fotos em close-up, muito menos macro, já que a distância mínima de foco é de 60 centímetros. Tirei algumas fotos de exemplo. A falta de definição e o baixo alcance dinâmico são notáveis, mas eu diria que as fotos são decentes para um aparelho de baixo custo:

WP_20140827_006

WP_20140827_007

WP_20140827_009

O Lumia 530 não enche os olhos de quem está acostumado com smartphones mais avançados, mas certamente é um aparelho que deverá ajudar muito a Microsoft a conquistar mercado. Com preço de lançamento de 399 reais, 200 a menos que o Windows Phone mais vendido da história, o Lumia 530 é um candidato claro a ocupar o bolso de quem não quer gastar muito dinheiro em um smartphone.

Antes de terminar

  • O Lumia 530, inicialmente, será vendido apenas nas cores preta e branca no Brasil. Capinhas coloridas (verde e laranja) custam 39 reais. A Microsoft estuda oferecer uma terceira opção de cor de fábrica.
  • A variante do Lumia 530 que está sendo vendida no Brasil tem suporte a dois chips. Como o velho Lumia 520 era single chip, o preço parece ainda mais agressivo.
  • Para quem estava esperando um Lumia 930 colorido no Brasil: a versão laranja chega em setembro.

Descobriremos mais sobre o Lumia 530 no review completo — só assim poderei dizer sobre o desempenho, a duração da bateria e outros detalhes que só se constata com uso diário. O que vocês querem saber sobre ele?