Início » Celular » Estes são os primeiros aparelhos superbaratos da linha Android One

Estes são os primeiros aparelhos superbaratos da linha Android One

Por
5 anos atrás

O Google começou a semana trazendo à tona os primeiros aparelhos que fazem parte do Android One, aquele programa anunciado na última conferência I/O que visa abastecer mercados emergentes com smartphones baratos, mas de qualidade aceitável.

Para viabilizar estes dispositivos, o Google orienta o seu desenvolvimento. Os fabricantes interessados, por sua vez, devem cumprir alguns requisitos, como utilizar determinados componentes e não instalar softwares ou customizações que possam atrapalhar a experiência do usuário na plataforma Android.

Os aparelhos revelados hoje serão distribuídos inicialmente na Índia. São três modelos: Canvas A1, Dream Uno e Sparkle V. Seus fabricantes são, respectivamente, Micromax, Spice e Karbonn. As três companhias haviam sido anunciadas como as primeiras parceiras já na conferência I/O.

Todos os modelos respeitam as especificações determinadas pelo Google para esta primeira leva: tela de 4,5 polegadas com resolução de 845×480 pixels, processador quad-core MediaTek de 1,3 GHz, 1 GB de RAM, 4 GB para armazenamento interno de dados, suporte a microSD de até 32 GB, câmera traseira de 5 megapixels e câmera frontal de 2 megapixels.

Micromax Canvas A1

Micromax Canvas A1

O Google também fez questão de impor características que são essenciais aos mercados emergentes: suporte a dual-SIM, rádio FM e até bateria removível.

Considerando o contexto da proposta, as novidades trazem boas impressões, principalmente se levarmos em conta a faixa de preço: entre 6,4 mil e 7 mil rúpias indianas, valores que, convertidos, giram em torno dos US$ 100, outro requisito do programa.

Para diminuir os custos de produção e garantir a experiência do usuário na plataforma, o Google chamou para si a manutenção do sistema operacional. Os três smartphones chegam com Android 4.4 KitKat e receberão atualizações da empresa durante os próximos dois anos.

Karbonn Sparkle V

Karbonn Sparkle V

Outra medida bacana é o acordo que o Google estabeleceu com uma operadora local para permitir download de atualizações do sistema gratuitamente durante seis meses. Os donos dos aparelhos também poderão baixar, sem custo adicional, até 200 MB mensais de updates de aplicativos durante o mesmo período.

Com padrões mínimos de qualidade e preços bastante acessíveis, o Google espera que o Android One consiga fazer parte da imensa parcela de usuários que só utiliza celulares para funções básicas – ligações e mensagens – ter não só seu primeiro smartphone, como também boa experiência com a plataforma.

Spice Dream Uno

Spice Dream Uno

Como que para mostrar que a iniciativa é séria, a empresa anunciou também os novos parceiros do programa. Entre eles estão fabricantes como Acer, Alcatel, Lenovo e Asus, além da Qualcomm para o fornecimento de chips.

O Google espera expandir o Android One para Indonésia, Filipinas e sul da Ásia a partir de 2015. Infelizmente, não há informações referentes ao Brasil, mas a gente espera que o programa chegue ao país: se os critérios de qualidade e preço forem mantidos, estes aparelhos terão grandes chances de sucesso por aqui.

Mais sobre: , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.