Início » Celular » O que há dentro do iPhone 6 e iPhone 6 Plus

O que há dentro do iPhone 6 e iPhone 6 Plus

Paulo Higa Por

iphone-6-plus-desmontando

Os novos iPhones estão sendo lançados hoje na primeira leva de países e o iFixit desmontou os dois aparelhos, iPhone 6 e iPhone 6 Plus, para mostrar o que há dentro deles. Como a Apple quase não cita especificações técnicas quando anuncia novos produtos, esta também é uma oportunidade de conhecer um pouco mais sobre o hardware dos aparelhos.

Tanto o iPhone 6 quanto o iPhone 6 Plus ganharam nota 7 de 10 no índice que mede a facilidade de conserto. Os smartphones ainda usam parafusos pentalobe e exigem uma chave de fenda especial para serem abertos, mas em compensação possuem uma bateria fácil de ser acessada e um cabo do sensor Touch ID reposicionado, tornando a abertura dos aparelhos mais segura. Como nos iPhones anteriores, a desmontagem começa pela tela, o que facilita reparos em displays quebrados.

iPhone 6

iphone-6-desmontado

No iPhone 6, o modelo testado foi o A1586, que é compatível com o 4G brasileiro. Logo de cara, o iFixit nota o calombo na região da lente da câmera traseira, que possui aproximadamente 0,6 mm. Para manter o celular fino e melhorar a câmera, a Apple optou por deixar uma parte da lente fora do corpo, o que não é exatamente bonito (tanto que a Apple esconde esse detalhe nas fotos de divulgação).

iphone-6-camera

Dentro, é possível encontrar um processador Apple A8 e um módulo de RAM com a mesma capacidade de 1 GB do iPhone 6 Plus. O modem MDM9625M, da Qualcomm, suporta conexões 4G de até 150 Mb/s. Há ainda um chip NFC da NXP (que serve apenas para o Apple Pay) e um pequeno chip com núcleo Cortex-M3, que é o coprocessador de movimentos M8.

apple-iphone-6-bateria

Como esperado, a bateria cresceu, mas não significativamente. No iPhone 6, a capacidade é de 1.810 mAh, o que é mais que os 1.560 mAh do iPhone 5s, mas menos que a maioria dos Androids topo de linha, que geralmente vêm com no mínimo 2.200 mAh e chegam a ultrapassar os 3.000 mAh. Os reviews têm sido mistos: alguns dizem que a bateria possui autonomia suficiente, enquanto outros dizem que o iPhone continua durando pouco tempo fora da tomada.

Você pode ver o desmanche completo do iPhone 6 no iFixit.

iPhone 6 Plus

iphone-6-plus-desmontado

Considerando apenas o hardware, o iPhone 6 Plus é um iPhone 6 esticado. Apesar de trazer a estabilização óptica de imagem na câmera e uma tela de 5,5 polegadas, praticamente não há diferenças internas.

Ele tem o mesmo processador A8 em conjunto com o coprocessador M8 e a mesma memória LPDDR3 de 1 GB do irmão menor. A principal diferença é que o iPhone 6 Plus possui uma bateria com capacidade bem maior que a do iPhone 6: estamos falando de 2.915 mAh. No geral, os reviews têm elogiado a bateria do phablet da Apple, citando uma duração de até dois dias com uso normal.

iphone-6-plus-camera

Para a estabilização óptica de imagem, que ajuda a evitar fotos tremidas em ambientes com baixa iluminação e melhora vídeos feitos em movimento, a lente da câmera do iPhone 6 Plus fica acoplada em um minúsculo elemento de metal e pode se movimentar pela ação de pequenas bobinas eletromagnéticas. O resto dos componentes é igual ao do iPhone 6: abertura de f/2,2 e sensor de 8 MP com foco automático por fase.

Você pode ver o desmanche completo do iPhone 6 Plus no iFixit.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Fabricio D. Rabelo
--------------------------------- A bateria do 6s plus é colossal ... Dura muito , muito mesmo. Eu "pirei "
Cláudio Filho
Olá boa noite, poderiam mim informar se a placa do iPhone 6 encaixa nu iPhone 6 Plus, exemplo eu tenho um iPhone 6 Plus que queimou a placa, e comprei um iPhone 6, teria como eu colocar as peças de um no outro
Caio Eduardo P Orsolini
PS: eu trocaria tranquilamente um celular "fininho" e com bateria que não dura até o final do dia, por um com o dobro da espessura, com bateria de uns 5000mAh. Muitas das pessoas que conheço que têm ou tiveram iPhone 5 ou 5S, agora andam(vam) por aí com seus celulares metidos naquelas enormes e pesadas "capinhas baterias", resultando num celular com 3 vezes a espessura e o peso... Ou seja, não adiantou nada comprar o celular "mais fino do mercado" e ser obrigado a escolher entre: USAR o celular, colocando essas capas-baterias que triplicam seu tamanho e peso, ou NÃO usar pra não ficar sem bateria no meio da tarde...
Caio Eduardo P Orsolini
Eu tenho um iPhone 5S. Ainda, infelizmente. Já tive outros iPhones, inclusive ainda tenho meu iPhone 4 também. Este, eu praticamente não uso, e até por isso a bateria dura tranquilamente 4 dias, já chegou a durar 8 dias quando fui viajar e esqueci ele em casa, ligado. Com chip e tudo (embora eu tenha desativado os dados celulares, mas ele ficou em casa, usando WiFi pra tarefas de segundo plano). Já o iPhone 5S, no começo era uma beleza, mas com cerca de 1,5 ano de uso, começou a esquentar quando rodo apps mais pesados (principalmente jogos) e a bateria foi pro saco. Chegou a durar 2 horas com uso moderado, e já troquei 2 vezes, mas continua ruim. Saio de casa 8h30 e somente com uso muito leve consigo chegar em casa 18h30 sem ter carregado e com ele ainda vivo. Parece que o problema não é bateria, e sim algo esquentando que está prejudicando a bateria, pelo jeito o chip gráfico, mas não descobri alguém que conserte isso. Mesmo logo após a última troca de bateria, quando esta não tinha tido tempo de ser novamente danificada, não chegava mais até o final do dia, e isso no modo "semi-etíope" (já desliguei tudo que eu não considero essencial, e procuro deixar o brilho mais baixo possível, embora ainda use WiFi, 3G, ZapZap e mais algumas coisas). Justamente por tudo isto, estou seriamente inclinado a pular fora da Apple e partir pra um Motorola, talvez. O que acho estranho é que o iPhone 4, que deve ter mais de 5 anos, ainda está bom, só meio lento por ter hardware ultrapassado, mas a bateria está perfeita, mesmo considerando o pouco uso. Já o 5S, assim como o 5, conheço muita gente que tem um ou outro e não é exagero dizer que mais da metade teve problemas de bateria. Quanto aos 6 e 6S, ainda é cedo pra dizer, quem tem não reclama, mas como eu disse, o meu 5S começou a dar problema depois de 1,5 ano. E estou bem pouco inclinado a gastar 4 paus num novo iPhone pra ele durar 1,5 ano e depois ter que jogar fora e gastar mais 6 paus em mais um novo...
Ivair
Meu iphone 6 plus não existe necessidade nem de andar por um dia com o carregador e o mais importante é estarmos com o celular que podemos ter e nele encontrar o que dele exigimos...
Eliseu Parreira
https://www.youtube.com/watch?v=OM62eRKuxW0
Lidiane Coelho
lindo demais Gente! Já ouviram falar da WebGD? É uma empresa que te paga para você postar anúncios no seu Facebook! Vejam: www.webgd.net/4427
Nelço Martins
Recarrego meu 5s 3 vezes ao dia. Fã boys que se revoltem, foi a época que Iphone era top ou status, só se for status de bobo, de onde vem status numa pessoa que gasta muito pra ter coisa ruim? Status é ter coisa top. Tem aparelhos bem melhores com preço menor, Iphone era top até a época que lançaram 4 ou 4s, depois disso é ignorância defender Apple, eu tive 3 na minha vida mas do jeito que está, vou saindo fora logo que puder!
Wendel Schelhan
O Google deu show com o Lollipop com relação à duração de bateria! Enfim, quanto à guerra dos phablets: o pessoal tem reclamado bastante do Nexus 6 quanto à duração de bateria. Não sei se é por fruto da tela QHD que pessoalmente acho um exagero, mas a questão é que eles não estão fazendo valer os 3200mAh. Já o iPhone 6 Plus é sensacional e as suas únicas limitações se dão no sistema operacional em si, que acho um tanto quanto limitado apesar de ter uma excelente loja de apps. Está sendo muito elogiado por tirar excelentes fotos e ter uma duração de bateria excelente. Acho que hoje o Android que mais está valendo a pena é o Moto Maxx mesmo.. :P
Pierre
Wendel, falando de bateria conforme você está tentando falar faz tempo mas os Fanboys não entendem (rsrs), exceto pelo sr Apolonio que deu show! Vamos lá: Usei por um bom tempo o Iphone e realmente tiro meu chapéu! Então um belo de um dia, comecei a me estressar por não conseguí-lo utilizar por mais de 1/2 período mexendo à vontade. Então decidi partir para os Androids da vida, hoje estou com o Nexus 5 atualizado com o 5.0.1...um PUT4 celular, desempenho idêntico ao IOS, intravável (nesse exato momento tenho mais de 70 itens abertos), extremamente rápido e bonito, tudo isso com um detalhe minha bateria é recarregada apenas de madrugada! Saio de casa às 7:30 da manhã com 100% de bateria, mexo a vontade no celular e quando vou dormir por volta das 23:00 ele está com 20% ainda!!! Confesso que sinto muita falta da carinha do IOS e de toda aquela beleza, mas infelizmente estou na opinião de que os "caras" deviam ter metido uma bateria de verdade!!! Sinto vontade de voltar para o Iphone 6 plus, porém estou realmente em dúvida entre o Nexus 6 e ele, por causa desse mistério: BATERIA!!! Eu odeio ter que ficar tirando brilho, colocando em off serviços, ficar manejando para economizar bateria!!! Ow o negócio tem autonomia para melhorar a experiência, ou não tem!!!! ;)
riopeliculas

só para ganhar mais dinheiro.

http://www.reformadefachada...

Wendel Schelhan
Po, que bom que você apareceu por aqui. Melhor do que eu falando é ter um usuário real das duas plataformas! Eu não sou fã dos Galaxys pra falar a verdade, não. Mas preciso admitir que o trabalho que a Samsung tem feito com a bateria é excepcional e é um dos grandes pontos fortes de seus aparelhos! Já o iPhone é naquelas.. Um fala que dura, outro fala que não, e assim vai hahaha
Hal - Hopeless worker

Rá! É vero.

Nacholoser
Rá! É vero.
Apolonio Leite
Wendel, primeiramente, tiro o meu chapéu para você por ter paciência de expor um ponto de vista para um fanboiola mais inteligente que todos. Bem, apenas relatarei a minha experiência a título de feedback, e ela indica justamente o que você argumentou. Eu sou proprietário de um Samsung S4 e um iphone 5s. Não vou me estender sobre os detalhes que acho péssimos no iphone 5s nesta página, já que apenas fãs costumam comentar este tipo de tópico. Contudo, a bateria do meu Samsung comporta o uso de um dia com uma recarga. Em alguns dias muito atarefados (isso indica menos uso das besteiras no celular e mais ligações), termino o dia com 40%, 35% de bateria. Já o iphone, realmente, se não recarregar na hora do almoço, hora em que tenho a oportunidade, não consigo chegar a casa com ele ligado. Alterei os chips (operadoras diferentes) com o intuito de utilizar mais o S4. Mas, ainda assim a situação permanece. Com o uso considerado normal, o iphone tem de ser carregado, coisa que não acontece com o samsung. Detalhe, desativo o serviço de localização do iphone. Waze e google maps só no S4. "Pra que duração de bateria se o celular pode ser bonito, até desligado?" Tem fã que curtiu sem entender. Alguns amigos, que defendem o iphone, falam da robustez, falam da beleza, embora menos finos, falam da bateria que não estraga. Não são fanboiolas, mas gostam da marca. Talvez porque apareçam em todos os filmes e parece que, para alguns, indicam status. Como se a pessoa fosse morrer por pagar 500 reais a mais em celulares que já custam mais de 2000 reais. Aliás, vários só compram o iphone nos EUA, não sei como está a situação do 4G, mas vários compraram lá. Desconfio que tem muita gente com o último iphone e usando 3G. É claro que tem suas exceções, mas o que costumo ver é que Iphone é celular para pessoas que não trabalham, muito menos as que trabalham utilizando o celular. O celular só serve para mostrar no boteco. Torrar bateria no foursquare/swarm, whatsapp, facebook e instagram, bateria que está com 100% às 21h e às 3h já está pedindo arrego. Antes que me critiquem por ter um iphone, peguei-o em janeiro como parte de um pagamento que recebi por um serviço realizado. Pensei sim em vender, mas tenho preguiça de mexer com essas coisas e estou usando. No fim de semana, fico só no S4.
Exibir mais comentários