A Asus é mais conhecida por vender placas-mãe, mas também está presente em outros mercados, incluindo o de smartphones. A taiwanesa está prestes a trazer seus primeiros aparelhos ao Brasil, começando pelo Zenfone 5, um intermediário de tela grande que roda Android e será lançado no país em outubro por menos de mil reais. O que ele tem de bom?

O Zenfone 5 logo chama a atenção pelo design, que gera um misto de sensações positivas e negativas. Positivas porque, realmente, ele é um aparelho muito bonito: a parte inferior frontal, que reflete a luz de maneira diferenciada, é sensacional. Negativas porque é quase um crime deixar uma moldura tão grande em volta da tela, contribuindo para aumentar ainda mais o tamanho de um aparelho que já não é compacto.

asus-zenfone-5-lateral-topo

Mesmo assim, o Zenfone 5 é confortável de segurar, principalmente por causa da traseira, que possui uma curvatura agradável para as mãos. Isso também colabora para tornar a espessura mais fina — nas bordas, o corpo chega a apenas 5,5 mm. É uma abordagem parecida com a do Moto G, que também possui uma pegada muito boa.

asus-zenfone-5-lateral

asus-zenfone-5-meteorologia

A tela IPS LCD de 5 polegadas tem resolução de 1280x720 pixels e uma ótima definição, com contraste satisfatório, brilho alto e saturação na medida — de qualquer forma, para quem prefere cores mais vivas e tons mais quentes ou frios, é possível ajustar estes e outros detalhes por meio de um aplicativo pré-instalado, o Splendid. O visor é coberto com Gorilla Glass 3 e pode ser usado inclusive se você estiver com luvas.

Screenshot_2014-09-22-11-54-43

O Android 4.3 Jelly Bean (a atualização para o KitKat está a caminho) roda a interface personalizada da Asus, chamada de ZenUI. Eu ainda prefiro a experiência pura do Android, mas não dá para negar que a Asus conseguiu desenvolver uma interface bem agradável, que adota tons claros, um visual mais plano, sem skeumorfismos, e aplicativos com interfaces caprichadas.

Quanto ao hardware, estamos falando de um conjunto respeitável que consegue manter um bom desempenho, ao menos nos minutos em que tive contato com o Zenfone 5. O processador é um Intel Atom Z2560 com dois núcleos x86 de 1,6 GHz — na prática, o poder de CPU é semelhante ao do Snapdragon 400 que equipa boa parte dos aparelhos dessa faixa de preço. O destaque fica por conta dos 2 GB de RAM (aí sim!).

Para provar que o Zenfone 5 é um aparelho para as massas, o modelo que será vendido no Brasil é o A501CG, que possui entrada para dois chips. A Asus diz que o aparelho possui duas antenas 3G, o que melhora a eficiência do sinal.

asus-zenfone-5-traseira-aberta

Completam o hardware o armazenamento interno de 8 GB (com direito a entrada para microSD de até 64 GB) e a bateria de 2.050 mAh. A câmera traseira traz alguns mimos no software, como a possibilidade de configurar o ISO, brincar com profundidade de campo e usar o HDR — e, com lente de abertura f/2,0 e sensor retroiluminado de 8 MP fabricado pela Sony, gera uma boa expectativa quanto à qualidade das fotos.

Quando chega

A Asus confirma que o Zenfone 5 será lançado no Brasil no dia 15 de outubro e terá fabricação nacional, o que deve contribuir para diminuir o preço. A empresa fará um evento de lançamento no país para apresentar também o Zenfone 6, um smartphone gigante com tela de 6 polegadas. Os preços dos aparelhos ainda não foram divulgados.

Saberemos mais sobre o desempenho no dia a dia, a qualidade da câmera e a duração da bateria do Zenfone 5 no review completo, que será publicado nas próximas semanas. O que você quer saber sobre ele?

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Isabelle Ramos
Estou meio desesperada por um celular... mas com ódio eterno dos Samsungs da vida. Nunca mais, o meu deu merda 1 mês depois que comprei, mandei pra assistência, fiquei 1 mês sem ele e ainda voltou pra mim com problema em um botão (problema que não tinha antes). Enfim, quero um celular na faixa dos 800, me interessei por este Zenfone 5, porém vi muita gente reclamando da durabilidade da bateria. Eu uso o meu atual Samsung Gran Duos (que está pifando - hoje começou a executar vários comandos sozinho e o touch de retorno parou de funcionar) para gravar minhas aulas (de 2h a 4h de gravação de audio), tirar fotos, gravar alguns videos, whatsapp, facebook e despertador. Ligação faço pouca e não jogo. As fotos e vídeos são ocasionais. Qual o melhor celular pra mim, nessa faixa de preço?
Higor
o Meu parou de carregar ligado com uma semana depois de o sistemar ter parado de funcionar a tela trincou tudo enquanto carregava porque sobreaqueceu, e depois disso o display zuou, resultado disso? Dinheiro jogado no lixo pois a assistencia tecnica na qual nao tem uma loja fisica ,somente pelo correio, é uma merda.:@... agora comprei um Z2 vamos ver no que da kk
Marilane Soares de Miranda
TENHO UM ZENFONE 5 E VOU DIZER ABAIXO OS DEFEITOS QUE ENCONTREI: - É PÉSSIMO O SOM QUANDO ATENDEMOS O TELEFONE - ESQUENTA MUITO, NÃO CONSIGO NEM ENCOSTAR O TELEFONE NA ORELHA - A BATERIA VAI EMBORA NUM SEGUNDO
Isabel Martins
comprou em que loja?
Isabel Martins
Comprar o Zenfone5 seria melhor do que comprar o Galaxy Grand Prime?
Manu Ignacio
Comprei semana passada um Zenfone 5 e já na primeira semana quebrou a tela, como é lançamento não tenho onde arrumar e tenho que mandar para São Paulo porque não tem assistência técnica perto liguei para a empresa e não quiseram me ar uma estimativa de preço e como ficarei tanto tempo sem celular? Além da fragilidade ele tem vários outros problemas nos sistemas o androide que vem instalado nele não conecta o wi-fi e quando atualizei para o 4.4 não conectava os dados. Fiquei muito insatisfeita com o aparelho e agora não tenho onde mandar para arrumar a não ser em São Paulo.
Anderson
Pessoal, estou usando o meu aqui.. fiz uma peregrinação para comprar na Fast Shop.. pq tava esgotado em todas as lojas... vou resumir... a performance do aparelho é simplesmente sensacional... show de bola msm... a câmera dele é um show a parte... achei que a ASUS foi super feliz na personalização, os aplicativos customizados pela ASUS são leves e FUNCIONAIS.. A minha única queixa é a autonomia da bateria, se for um usuário mais ativo a bateria não chega até o final do dia... acredito que isto ocorra por causa do processador da Intel que é mais gastão que o snapdragon que equipe o Moto g, ou seja, acredito que não tenha muito o que a ASUS fazer para melhorar isto.
José Júnior
Atualização KitKat 4.4 manual para os que ainda não receberam a notificação de atualização da asus no zenfone http://www.youtube.com/watch?v=HE_YXXb7c74
Gabriel Giesen Lüdke
Fica 5 GB livres aproximadamente para mexer. A ASUS já atualizou seus smarts para o kitkat e prometeram a atualização pro android Lollipop para o 1º semestre de 2015. Sinceramente, estou achando esse cel melhor que o moto g. Mexi no de segunda geração e não achei legal. Nos Benchmarks, o zenfone se sai MUUUUUUITO melhor que o moto g, chegando perto do 1º moto x. Se quiser um cel barato com bom desempenho (muito bom msm), mas abre mão de um android puro, o zenfone, em minha opinião, é a melhor escolha
Rio Peliculas
muito bacana http://www.riopeliculas.com.br
Max Izak
http://www.asus.com/Phones/ZenFone_5_A500CG/ vcs vão gostar de ver isso, comparando adreno 305 com a gpu do zenfone 5, opinem pfv pq to com esse duvida moto g 2014 ou zenfone 5 (se chegar menos que 800 reais claro)
Vini Oliveira
Vdd, aparentemente pensam somente em Hardware e design, o problema que só estão colocando 8GB de espaço, mas não informam o quanto de espaço o software ocupa nesses 8 GB e nem dizem que muitos programas não podem ser instalados diretamente no cartão de memória, o que inviabiliza muitas vezes sua aquisição. Problemas similares há em outros aparelhos que possuem somente memória interna de 8GB.
disqus_miYGKeS1nE

Comparaçao com moto g 2014

Breno
Comparaçao com moto g 2014
Igor Fernando
Engraçado que no "HANDS ON" do iPhone, o TECNOBLOG não achou que as bordas enormes em volta da tela é um defeito. Sendo que, em aparelhos ANDROID, as bordas tem uma razão de ser.
Exibir mais comentários