Início » Gadgets » Os cabos USB reversíveis transmitirão vídeo (e estão prestes a se tornar realmente universais)

Os cabos USB reversíveis transmitirão vídeo (e estão prestes a se tornar realmente universais)

Por
5 anos atrás

usb-3-1-tipo-c

Os novos cabos USB 3.1 que podem ser encaixados de qualquer lado estão prontos para serem produzidos e adotados pelas fabricantes dos seus gadgets. Mas esta semana descobrimos uma característica bem interessante: além de funcionarem como cabos USB, eles terão a capacidade de emitir sinais não USB por meio de modos alternativos. E um desses modos permitirá usar o cabo USB como um cabo DisplayPort.

A Video Electronics Standards Association (VESA) anunciou que cabos USB tipo C poderão transmitir áudio e vídeo por meio da tecnologia DisplayPort, como informa o AnandTech. Eles estão bem preparados para os próximos anos: com as especificações atuais, é possível conectar telas com resolução de até 5K — como o recente monitor de 27 polegadas da Dell, que possui resolução de 5120×2880 pixels.

Ou seja, em um mesmo cabo USB tipo C, será possível transmitir dados, energia, áudio e vídeo. Assim:

Print

Também tem outro detalhe bem legal. No início, o USB era um padrão pensado principalmente para transmitir dados — as primeiras especificações previam míseros 0,75 W de potência (150 mA em 5 V). Hoje, você provavelmente recarrega seu smartphone com um cabo USB conectado a uma porta USB 3.0 de 4,5 W (900 mA em 5 V) ou mesmo a um carregador de tomada, que chega a ultrapassar os 10 W.

Só que o USB 3.1 suportará tensões diferentes. Além do atual 5 V, a especificação USB Power Delivery 2.0 permite cabos USB que aguentem tensões de 12 V ou até 20 V, com uma corrente máxima de 5 A. Fazendo as contas, isso significa que será possível alimentar um equipamento, como um monitor, com potência de até 100 W (!) sem aumentar tanto a corrente.

Dependendo de como as empresas adotarem o novo padrão USB, parece que estamos diante de um Universal Serial Bus realmente universal.

Mais sobre: ,