Início » Computador » GeForce GTX 980M e 970M: a distância entre GPUs de notebooks e desktops está diminuindo

GeForce GTX 980M e 970M: a distância entre GPUs de notebooks e desktops está diminuindo

Paulo Higa Por

maxwell-nvidia

Quando a Nvidia apresenta novas GPUs para desktops, não demora muito tempo até que as variantes para notebooks sejam lançadas. Mas há um problema: devido ao espaço limitado e a baixa potência das fontes dos portáteis, as GPUs costumam apresentar desempenho significativamente inferior às equivalentes para desktops. A Nvidia quer mudar isso com as novas GeForce GTX 980 e 970, com arquitetura Maxwell.

geforce-980m

De acordo com a Nvidia, a GeForce GTX 980M para notebooks entrega algo em torno de 75% do desempenho de uma GeForce GTX 980, voltada para desktops. É um avanço importante se você considerar as gerações anteriores: a GTX 680M (nona geração) possuía 60% do poder de uma GTX 680, enquanto a antiga GTX 480M (oitava geração) tinha apenas 40% da performance de uma GTX 480.

A ilustração da Nvidia, que compara o desempenho relativo entre chips de notebooks e desktops das arquiteturas Fermi, Kepler e Maxwell, nos dá uma ideia da melhoria:

nvidia-fermi-maxwell-comparativo

No caso da GeForce GTX 980M, para quem gosta de números, estamos falando de um monstrinho com 1.536 núcleos CUDA trabalhando a 1.038 MHz e 4 GB ou 8 GB de memória GDDR5 de 5 GHz (256 bits). Mais modesta, a GeForce GTX 970M funcionará com 3 GB ou 6 GB de memória GDDR5 de 5 GHz (192 bits) e 1.280 núcleos CUDA de 924 MHz.

É possível fazer coisas como jogar Battlefield 4 em 1080p no Ultra com uma média de 66 fps na GeForce GTX 980M. E sim, roda Crysis: em Crysis 3, com os gráficos no Very High e anti-aliasing em 4xMSAA, a GPU chega a 36 fps. Esses números indicam que você também poderá jogar em uma tela Quad HD, de 2560x1440 pixels, com os gráficos no máximo e uma taxa de frames bastante satisfatória.

gtx-980-bateria

Como ainda estamos falando de GPUs para notebooks, elas suportam uma tecnologia que a Nvidia chama de BatteryBoost: quando você estiver longe da tomada, o driver poderá limitar automaticamente o jogo em 30 ou 60 fps para economizar energia. Dessa forma, a experiência ainda será boa — mas sua bateria não irá para o saco em poucos minutos.

MSI GT72 Dominator Pro com uma GPU mais antiga (GeForce GTX 880M) é sua por US$ 2.599

MSI GT72 Dominator Pro com uma GPU mais antiga (GeForce GTX 880M) é sua por US$ 2.599

As novas GPUs da Nvidia estarão inicialmente nos laptops mais caros da Gigabyte, Asus e MSI nos Estados Unidos. Os preços para o Brasil não foram anunciados, mas esteja certo de que você precisará desembolsar um bom dinheiro se quiser um notebook com vídeo poderoso — as GeForce GTX 980 e 970 para desktops chegaram ao país há algumas semanas por R$ 2.249 e 1.599, respectivamente.

Com informações: AnandTech.