Início » Legislação » O que muda nos novos termos de uso do Facebook, que entram em vigor no dia 1º de janeiro

O que muda nos novos termos de uso do Facebook, que entram em vigor no dia 1º de janeiro

Por
5 anos atrás

Se você entrou no Facebook entre ontem e hoje, certamente deve ter visto uma notificação avisando da atualização nos termos e políticas de dados da rede social, que começa a valer no dia 1º de janeiro de 2015. As mudanças foram feitas para alertar os usuários das noções básicas de privacidade no Facebook e esclarecer como a empresa usará suas informações para ganhar dinheiro.

facebook-termos

nova página de noções básicas de privacidade mostra, em um documento fácil de ler, como usar as ferramentas da rede social para decidir quem pode visualizar o que você publica e escolher a forma como outras pessoas interagem com você. Caso já tenha configurado suas preferências de privacidade no cadeado do canto superior direito da página, isto não deverá ser nenhuma novidade.

Com as novas regras, quando você optar por não exibir mais propagandas de determinada empresa pelo smartphone, os anúncios também deixarão de ser exibidos no seu computador e tablet. Antes, as escolhas não eram aplicadas entre todos os seus dispositivos. O Facebook também irá liberar uma botão para explicar por que você está vendo certo anúncio.

facebook-anuncios

Também há outras alterações importantes. Resumidamente, são as seguintes:

  • O Facebook poderá coletar suas informações em outros produtos que fazem parte da mesma empresa, como Instagram, WhatsApp, Oculus Rift e Moves.
  • Seus check-ins poderão ser usados para o Facebook mostrar informações de estabelecimentos e amigos próximos (se cuida, Foursquare).
  • O aplicativo do Facebook saberá dados como o nível de bateria do celular, a força do sinal da operadora e sua localização — para oferecer anúncios personalizados, por exemplo.
  • O Facebook está testando o botão “Comprar” em alguns países, para você adquirir produtos diretamente da rede social. Os termos foram atualizados para esclarecer o funcionamento do novo recurso.

Quem acessar o Facebook a partir de 1º de janeiro de 2015 estará automaticamente concordando com as novas regras. Você pode ler os novos termos de uso nesta página.

Mais sobre: