Início » Ciência » Cientistas criam câmera capaz de gerar imagens a 100 bilhões de quadros por segundo

Cientistas criam câmera capaz de gerar imagens a 100 bilhões de quadros por segundo

Emerson Alecrim Por

Um estudo publicado recentemente pela revista Nature revela a criação de uma câmera capaz de registrar imagens com velocidade de até 100 bilhões de quadros por segundo. Mas não precisa olhar com desdém para a câmera do seu smartphone. A tecnologia tem uma proposta bastante específica: ajudar cientistas a observarem o comportamento da luz, trabalho que encontra utilidade em várias áreas.

O projeto é fruto do trabalho de pesquisadores da Universidade de Washington, nos Estados Unidos. Sob liderança do professor Lihong Wang, o grupo se baseou em uma técnica chamada Compressed Ultrafast Photography (CUP) para conseguir tal feito.

Câmera - 100 bilhões de frames

A invenção pouco ou nada lembra uma câmera convencional. O equipamento é composto por um conjunto de lentes de microscópios, telescópios e câmeras convencionais combinado com outros dispositivos, como uma "streak camera", instrumento que mede a variação da intensidade de um pulso de luz.

No registro de imagens, o sistema CUP captura os fótons (partículas elementares sem massa da luz) emitidos pelo objeto e os faz viajar por uma espécie de tubo até chegar a um DMD (Digital Micromirror Device). Este é um dispositivo minúsculo (15 mm), mas que contém cerca de 1 milhão de “micro-espelhos” que, por sua vez, direcionam os fótons para um divisor de feixes.

Nesta etapa, os fótons são "convertidos" em elétrons e, em seguida, submetidos a dois eletrodos que os tratam com tensões diferentes. Desta forma, os elétrons chegam ao final da viagem em momentos e posições verticais diferentes.

Este é, basicamente, um processo de conversão do tempo no espaço. Todos os dados resultantes são então enviados a um computador que os analisa para transformá-los em informação visual - uma imagem digital 2D. Como resultado, o equipamento consegue gerar fotos de feixes de luz em movimento, como se o tempo tivesse sido congelado só para este registro.

O trabalho todo acontece em apenas 5 nanossegundos (1 nanossegundo é igual a 1 um bilionésimo de segundo). É por isso que, em um único segundo, é possível alcançar até 100 bilhões de quadros.

Câmera - 100 bilhões de frames

Wang e equipe frisam que a tecnologia pode ser utilizada, por exemplo, em biomedicina: imagens que descrevem a reação de determinadas proteínas à luz (como ilustra a imagem acima) podem ajudar na criação de exames laboratoriais mais precisos.

A astronomia (e segmentos relacionados) é outra área que pode se beneficiar. Se usada em conjunto com o telescópio Hubble, por exemplo, a câmera poderia ajudar cientistas a obterem imagens muito mais nítidas do espaço.

Com informações: CNET, Gizmag

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Alvaro Silva
Poxa vocês parecem não ser da área de tecnologia. Armazenar é fácil só trabalhar com Storages em Raid. Storage é um servidor preparado para armazenamento. Nele cabe normalmente 16 Discos em Raid. E o Melhor você pode ligar um Storage no outro através de fibra óptica. Então você pode ter infinitos discos em Raid. Imagina 10 Storages interligados. Então darão 160 disco SSD. Uma informação será distribuída nesses 160 discos simultaneamente. Então vai ser 160 vezes mais rápido que um só. Essas máquinas tbm tem processadores próprios pra isso e bastante memória pode se conseguir uns Tera de memória RAM. Isso mesmo Mémoria RAM. Pois eles trabalham em série.
Ronathan Sales
Essa câmera é capaz de filmar a luz, então quero isso sendo filmado e repassado várias e várias vezes.
Thiago Oliveira Santos
SSD seria para armazenamento permanente. Eles devem ter um computador com uma capacidade altíssima de memória RAM de alta velocidade
Anthony Fernando
Somos dois!! Imagina o cara viajando em um trem bala e tirar uma foto em altíssima velocidade?! Talvez capturando uma imagem maravilhosa?!
W. Motorola
Provavelmente usam uma espécie de Super SSD para ter uma velocidade de escrita tão alta.
Ronathan Sales
Ansioso pra ver um desses em ação.
99th Packers
Very useful information. Thank you for sharing it. Thanks 99th.in
Edmilson_Junior
Fiquei mais interessado em como o sistema consegue armazenar este volume de informação em tão pouco tempo.
Luis Carlos Rodrigues
Mas o melhor de tudo são os vindouros vídeos em câmera ultra mega power lenta...